A edição digital do jornal O Pantaneiro é restrita para assinantes.Assine
20 de novembro de 2018
Anuncie Aqui
8504
Anastácio

Garoto de 14 anos perde a vida e comove familiares e amigos nos Altos da Cidade

Familiares ainda iniciaram buscas, mas o adolescente foi encontrado já sem vida

8 NOV 2018 - 09h37min
Redação

A depressão, doença crônica silenciosa e que causa tristeza profunda, tem acometido mais e mais adolescentes, o que compromete relações familiares, de amizade e desempenho escolar. Infelizmente, o caso de um garoto de 14 anos, desaparecido, nos Altos da Cidade, em Anastácio, teve um desfecho trágico. Familiares procuraram o adolescente nesta quarta-feira (7) por volta do meio dia, após ele deixar uma carta na janela da cozinha de sua casa.

Segundo o boletim de ocorrência, familiares relataram aos policiais que o garoto era calmo e sociável. Ele teria saído de casa sem pertence algum. A família iniciou uma busca pelo menino de 14 anos e chegou até a registrar um b.o. por desaparecimento.

Entretanto, para a dor dos familiares, o corpo do adolescente logo foi encontrado em um terreno. A perícia criminal foi acionada e esteve no local. Logo após, o corpo foi encaminhado ao IML e depois à Pax.

Alerta

De acordo com a “American Psychiatric Association”, um episódio de depressão é indicado pela presença de 5 ou mais dos seguintes sintomas, quase todos os dias, por um período de pelo menos duas semanas:

* Estado de espírito depressivo durante a maior parte do dia;

* Interesse ou prazer pela maioria das atividades claramente diminuídos;

* Diminuição do apetite, perda ou ganho significativo de peso na ausência de regime alimentar (geralmente, uma variação de pelo menos 5% do peso corpóreo);

* Insônia ou hipersônia;

* Agitação psicomotora ou apatia;

* Fadiga ou perda de energia;

* Sentimento exagerado de culpa ou de inutilidade;

* Diminuição da capacidade de concentração e de pensar com clareza;

* Pensamentos recorrentes de morte, ideação suicida ou qualquer tentativa de atentar contra a própria vida.

Segundo artigo publicado pelo Dr. Drauzio Varella, a doença é recorrente: para quem já apresentou um episódio de depressão a probabilidade de ter o segundo em dois anos é de 40%, e de 72% em 5 anos.

Caso haja suspeitas de depressão, o mais correto é buscar ajuda médica especializada o quanto antes.

Veja também

Mais Lidas

1
Aquidauana

Marido dá surra de galho em mulher que o golpeia no braço com uma faca

2
Anastácio

Por causa de comida, homem dá socos em rosto da mulher no Bairro Cristo Rei

3
Aquidauana

Após desentendimento, homem tenta matar outro com facada no Aeroporto 2

4
Aquidauana

Encontro de Comitivas premia as melhores comidas pantaneiras

Vídeos

Entrevista com os produtores do Longa-Metragem sobre Sasha Siemel

Tráfego de carretas no cruzamento da Duque de Caxias causa preocupação na população.

4ª Marcha pela Vida - Aquidauana MS

Ver mais Videos

Níveis dos Rios Hoje

Paraguai
2,59m
Miranda
6,13m
Aquidauana
3,76m

Colunas e Blogs

Valdemir Gomes

Um...

Giovani José da Silva

HISTÓRIAS DE ADMIRAR: VALORIZE-SE!

Manoel Afonso

Otimismo & Patriotismo: o efeito Bolsonaro

Ver Mais Colunas
498110661
SERIEMA FIXO