A edição digital do jornal O Pantaneiro é restrita para assinantes.Assine
26 de maio de 2020
Anuncie Aqui
-->
Aquidauana

Os seis campeões fora de casa nunca precisaram reverter o placar que o Aquidauanense precisa

20 ABR 2019 - 09h04min
FFMS

Pela 41ª vez o Campeonato Sul-Mato-Grossense será decidido e nunca na história da competição, o time visitante conseguiu reverter o placar que o Aquidauanense precisa para ser campeão diante do Águia Negra fora de casa.

Após derrota por 2 a 1 no Noroeste, o Aquidauanense precisa vencer o Águia Negra por dois gols de diferença na casa do adversário para ficar com o título e nunca o time com esta vantagem perdeu o título em casa.

A primeira vez que a decisão foi entre times de cidades diferentes foi em 1984 quando o Corumbaense foi campeão em cima do Douradense após vencer os dois jogos por 1 a 0.

Já em 1987, o Comercial com melhor campanha foi campeão em cima do Corumbaense após três empates sem gols. No ano seguinte, o Operário foi campeão sobre o Ubiratan após 1 a 1 em Dourados e vitória por 1 a 0 no Morenão.

Em 1989, o Operário ficou com o bicampeonato após bater o Douradense no Morenão. Em 1990 o Ubiratan bateu o Naviraiense e no ano seguinte o Operário foi campeão também em cima do Naviraiense.

O primeiro campeão na casa do adversário foi o Sena que num Morenão lotado, venceu o Operário por 3 a 1. Após 0 a 0 em Nova Andradina, o Sena precisava apenas vencer enquanto o galo jogava pelo empate.

Em 1994, o Comercial empatou sem gols com a Pontaporanense e depois venceu no Morenão por 2 a 1. No ano seguinte, A Serc venceu os dois jogos diante do Cassilandense para ficar com o caneco na casa do rival.

Em 1998, a Serc venceu o primeiro jogo em casa contra o Ubiratan por 1 a 0 mas perdeu por 3 a 0 o jogo da volta em Dourados.

No ano seguinte, o Ubiratan levou o bicampeonato após vencer o Comercial no Morenão por 1 a 0 e empatar no Douradão em 1 a 1. O colorado devolveu a derrota em 2000 com duas vitórias contra o leão da fronteira.

Em 2001, o Cassilandense segurou o Comercial no primeiro jogo com empate por 1 a 1 mas foi goleado por 4 a 1 no Morenão.

Em 2003, a Serc ficou com o caneco diante do Cene após vencer fora por 1 a 0 em dois empates sem gols em casa. 2004 e 2005 a competição foi em pontos corridos e o Cene bicampeão.

Em 2006, o Coxim foi campeão inédito após dois jogos sem gols com a Serc. Em 2007, a maior diferença já revertida numa decisão fora de casa.

O Águia Negra venceu o Cene no Morenão por 3 a 1 e no Ninho da Águia, perdeu pelo mesmo placar. Como tinha melhor campanha, ficou com o caneco. O Cene na ocasião precisava vencer por 3 gols de diferença.

Em 2008 o Ivinhema venceu as duas diante do Misto por 2 a 1 e 2 a 0 e foi o terceiro campeão na casa do adversário. No ano seguinte, o azulão do vale provou do próprio veneno.

Após empate sem gols diante do rival Naviraiense no Virotão, perdeu o título em casa após derrota por 2 a 1. Ao tentar o bicampeonato em 2010, o Naviraiense caiu diante do Comercial com duas derrotas, 2 a 1 e 1 a 0.

Em 2011, outro placar revertido na decisão entre Cene x Aquidauanense. O furacão venceu por 3 a 1 em casa e perdeu por 2 a 0 no Noroeste mas comemorou na casa do rival por ter melhor campanha na competição.

Em 2012, o Águia Negra foi campeão após dois empates com o Naviraiense. Em 2013, situação muito similar ao deste Estadual. O Cene fez 2 a 1 no Naviraiense no Virotão e depois 4 a 0 no Morenão.

Em 2014, o Águia Negra venceu o Cene por 2 a 1 no Ninho mas perdeu o título após derrota por 2 a 0 no Morenão. Em 2015, o Ivinhema voltou a perder o caneco em casa.

Após 0 a 0 no Jacques da Luz contra o Comercial, o azulão do vale só precisava de um novo empate mas aos 48 da etapa final, deixou o caneco escapar perdendo por 3 a 2.

2016 foi o ano do Sete de Setembro que se sagrou o sexto e último campeão fora de casa. Após vencer o Comercial por 2 a 1 no Douradão, o Sete foi campeão no Jacques da Luz após vencer por 2 a 0.

Em 2017 o Corumbaense foi campeão vencendo o Novoperário no Arthur Marinho por 2 a 1 após empate no Morenão por 1 a 1.

Já no ano passado, o Operário venceu o Corumbaense por 1 a 0 após perder pelo mesmo placar fora de casa e ficar com o caneco por ter melhor campanha.

 

Veja também

Mais Lidas

1
Aquidauana

Luto: Nota de Falecimento do estudante Leandro José dos Santos

2
Aquidauana

Morre 'Break', conhecido por apitar futebol amador em Aquidauana

3
Coronavírus

Anastácio confirma seu 1º caso de Covid-19

4
Nota de Falecimento

Alice Quirino falece aos 31 anos após parada cardiorrespiratória

Vídeos

Cães encontram droga escondida em estofado de veículo

Morador de Taunay encontra jaguatirica morta às margens da BR-262

Bombeiros de Aquidauana estão na operação para controle de grande incêndio no Pantanal

Ver mais Videos

Previsão do Tempo

min11 max26

Aquidauana

Sol o dia todo sem nuvens no céu. Noite de tempo aberto ainda sem nuvens.
min11 max26

Anastácio

Sol o dia todo sem nuvens no céu. Noite de tempo aberto ainda sem nuvens.

Níveis dos Rios Hoje

Aquidauana
3,44m
Miranda
4,80m
Paraguai
1,89m

Colunas e Blogs

Valdemir Gomes

As...

Maria de Lourdes Medeiros Bruno

"CITAÇÕES DE CLARICE LISPECTOR"

Robinson L Araujo

EM TEMPOS DE PANDEMIA, O LAR DEVERIA SER O MELHOR REFÚ...

Ver Mais Colunas

Guia Cidade

Médicos

Roberto Trindade - Ginecologista

Rua Duque de Caxias, 657 Bairro Alto - 79200-000 Aquidauana/MS (67) 3241-3727
Pizzarias

Fiorella Pizza

Duque de Caxias, 1171 - 79200-000 Aquidauana/MS (67) 3241 8172
Farmácias e Drogarias

Farmácia Drogana

Rua Estevão Alves Correa, s/n Bairro Alto - 79200-000 Aquidauana/MS (67) 3241 2658
Ver Mais