A edição digital do jornal O Pantaneiro é restrita para assinantes.Assine
20 de abril de 2019
Anuncie Aqui
9078
Especial Dia da Mulher

Empreendedoras e líderes de Aquidauana são exemplo de coragem para superar adversidades

Relatos de diferentes mulheres inspiram outras a serem protagonistas da própria história

8 MAR 2019 - 18h11min
Vanessa Ricarte

Oito de março, mais um dia comum no cotidiano de milhares de aquidauanenses. Mas não é bem assim. Quando cruzamos com mulheres que empreendem em lojas, feiras, na venda de produtos por catálogos, ou estão nos mais variados postos de trabalho, talvez não consigamos imaginar o quanto elas tiveram que se sacrificar para conseguir alcançar a realização profissional e se reinventar em meio às dificuldades impostas pela vida.

Nossa primeira história é de Maria Aparecida dos Santos. Ela tem 42 anos, mas há apenas dois começou a empreender, produzindo seus conhecidos “geladões gourmet”. A decisão de iniciar um novo negócio veio já na maturidade, após a perda da mãe, que sofria de Alzheimer. “Até os meus 40 anos, eu cuidei da minha mãe, que faleceu com 86 anos de AVC. Éramos em oito irmãos e hoje somos só eu e mais outro irmão”, relata.


Empreendedora realiza sonho após os 40 anos de idade. Foto: Francis Leone

Maria Aparecida abnegou dos próprios sonhos para acompanhar e zelar pela a mãe, mas ela não se arrepende. Com sentimento de dever cumprido, se viu preparada para iniciar a produção dos “geladões” e o termo “gourmet” veio para explicar que são sabores diferenciados, feitos com ingredientes nobres, como a Nutella, renomado creme de avelã com chocolate.

Moradora do Santa Terezinha, Maria Aparecida vai passar o Dia Internacional da Mulher fazendo o que gosta e o que tanto sonhou. “Hoje eu vou fazer mais geladões e pretendo vender muito”, conta com entusiasmo.

Mulher chefe de família

Luciana é outro exemplo de garra e determinação. Índia terena, ela também tem 42 anos e é moradora da aldeia Córrego Seco. Há mais de um ano trabalha nas ruas, vendendo as verduras que ela e a mãe produzem na aldeia.

Luciana é chefe de família e vende verduras para sustentá-la. Foto: Francis Leone

Luciana tem dois filhos e todos os dias se esforça para vender maxixe, feijão verde, mandioca amarelinha, quiabo e laranja. “Tudo depende do tempo e da produção, mas a gente sempre tem esses produtos aqui”, explica. Ela é chefe de família e com a renda das verduras, consegue sustentar sua casa e sua família. “Nós vendemos muito bem. Geralmente minha mãe também ajuda nas vendas na feira da estação ferroviária”.

Vocação na academia - Rosemary Pereira da Silva é cabo do Corpo de Bombeiros Militar. Há 11 anos na corporação, a militar é exemplo de vocação em servir ao próximo. À frente dos “Bombeiros do Amanhã”, o projeto social ensina conhecimentos técnicos e práticos necessários à aprendizagem e ao desenvolvimento de funções e ações, proporcionando ainda meios que possam favorecer comportamentos e convivências harmoniosas na família e na sociedade.

Rosemary Pereira da Silva é cabo do CBMMS e lidera projeto social. Foto: divulgação

“Poder contribuir para o futuro dessas crianças é a maior bênção que Deus pôde ter me dado. Nunca perca a vontade de sonhar porque sonhos se realizam e o Bombeiros do Amanhã é um sonho realizado”, conta com emoção a cabo dos Bombeiros.

Projeto "Bombeiros do Amanhã" tranforma vida de crianças de Aquidauana. Foto: Divulgação

Lições de empreendedoras de sucesso

Marizete Marques Brum, inaugurou sua primeira farmácia há 33 anos. Hoje ela comanda três unidades da Farmácia Popular, em Aquidauana, mais um laboratório de análises clínicas e ainda é produtora rural. Mãe de três filhos, todos com formação superior, Marizete já preparou o herdeiro de 32 anos para assumir as empresas da família. “Meu filho do meio é economista e farmacêutico e trabalha comigo nas empresas para que possa dar continuidade ao trabalho”, relata.

Com histórico de sucesso, Marizete também deixa seu recado às mulheres que desejam empreender. “A dica que dou é: seja perseverante. É preciso muita garra para enfrentar as adversidades. Aos 25 anos abri a minha primeira farmácia e sei que, apesar das dificuldades, vale a pena todo o esforço”, recomenda.

Para Rita Maluf Haddad, presidente da Associação Comercial e Empresarial de Aquidauana, o empreendedorismo está diretamente ligado à força de vontade inerente à mulher. “Creio que onde há vontade de se trabalhar, o crescimento é obvio. Mas as mulheres têm uma força de vontade diferente, um instinto diferenciado que faz com que haja espaço para elas”, aponta.

A presidente da ACEA complementa que em Aquidauana não é diferente. “As oportunidades acontecem onde há essa determinação, algo que também é nato às mulheres, por serem naturalmente guerreiras, questionadoras e como cuidam da prole, possuem um instinto de guerrear pelo que há de melhor”.

Liderança em foco: Rita Maluf Haddad é presidente da ACEA por três mandatos consecutivos. Foto: Arquivo/O Pantaneiro

Advogada e dona de uma empresa de calçados há 25 anos, Rita é exemplo de liderança no meio empresarial. Há seis anos como presidente da ACEA por 3 mandatos consecutivos, pergunto o que, em sua opinião, a fez permanecer por tanto tempo à frente da associação. “Acredito que seja meu senso de responsabilidade, compromisso, e caráter acima de tudo. É preciso ter muito pé no chão com todas as coisas que se presta a fazer e o nome disso é credibilidade”, conclui.

Empreendedorismo feminino em números

De acordo com pesquisa realizada em todo o mundo pela Global Entrepreneurship Monitor 2017, que no Brasil é realizado em parceria com o Sebrae, mais de metade dos novos negócios abertos em 2016 foi fundada por mulheres e 3 em cada 4 lares são chefiados por uma mulher.

Elas são mais escolarizadas do que os homens empreendedores e atuam, principalmente, no setor de serviços.

  • 8% da população total de mulheres no Brasil são empreendedoras
  • 79% têm ensino superior
  • 68% trabalham em casa
  • A renda mensal média é de R$ 6.536
  • 55% atuam no setor de serviços

Fontes: Serasa Experian/ Global Entrepreneurship Monitor

*Para quem quiser experimentar os "geladões gourmet", o telefone de Maria Aparecida dos Santos é o 99632-8677.

 (67) 99984.6000

Veja também

Mais Lidas

1
Aquidauana

Morre aos 32 anos Jaqueline Santana, vítima de câncer na coluna

2
Aquidauana

Casal embriagado causa confusão e PM e Conselho Tutelar são acionados

3
Policial

Fingindo simpatia, homem puxa adolescentes na rua e as beija à força

4
Aquidauana

Jovem embriagado cai na rua e é preso por ofender policiais no Bairro Alto

Vídeos

Com festa, Prefeitura e Governo do Estado reabrem ginásio de Aquidauana

Revitalização do Poliesportivo de Aquidauana

Identificadas vítimas de acidente entre carros na BR-262

Ver mais Videos

Previsão do Tempo

min23 max35

Aquidauana

Sol e aumento de nuvens de manhã. Pancadas de chuva à tarde e à noite.
min23 max35

Anastácio

Sol e aumento de nuvens de manhã. Pancadas de chuva à tarde e à noite.

Níveis dos Rios Hoje

Paraguai
5,32m
Miranda
6,66m
Aquidauana
3,17m

Colunas e Blogs

Valdemir Gomes

Parece...

Maria de Lourdes Medeiros Bruno

AQUIDAUANA INTELIGENTE, HUMANA E SUSTENTÁVEL

Giovani José da Silva

HISTÓRIAS DE ADMIRAR: UM ENCONTRO ENCANTADO - OS QOM

Ver Mais Colunas

Guia Cidade

Segurança Predial

Proteção Geral

Rua Pandiá Calógeras - em frente a Enersul, 514 Centro - 79200-000 Aquidauana/MS (67) 3241-1074
Restaurantes

O CASARÃO

Manoel Antonio de Barros, 535 Centro - 79200-000 Aquidauana/MS (67) 3241 2219
Moto Táxi

Moto Táxi Cidade

Rua Estevão Alves Corrêa, 482 Centro - Ponto de ref.: Frente à Drogaria Brasil - 79200-000 Aquidauana/MS (67) 3241-1904
Ver Mais
508110454