A edição digital do jornal O Pantaneiro é restrita para assinantes.Assine
20 de Outubro de 2017
Anuncie Aqui
8502
Inquérito Civil

Fazenda de Aquidauana na mira do Ministério Público por crime ambiental

Denúncias apontam para a existência de desmatamento, a corte raso

1 JUN 2017 - 16h14min
Renan Nucci

A 1ª Promotoria de Justiça do Meio Ambiente da Comarca de Aquidauana investiga supostos crimes ambientais cometidos em uma fazenda da região. Segundo publicação do Diário Oficial do Ministério Público Estadual de Mato Grosso do Sul (MPE/MS) desta quinta-feira, o inquérito civil 34/2011 apura desmatamento. 

O nome da propriedade, que está situada na região do Quebra Coco, será mantido em sigilo. De acordo com o MPE, denúncias apontam sobre a existência de desmatamento, a corte raso, de 370,30 hectares de vegetação nativa - Área de Preservação Permanente (APP) - sem autorização do órgão ambiental competente. 

Por outro lado, a mesma promotoria anunciou hoje o arquivamento de processos semelhantes que tramitavam desde o ano de 2010, contra uma siderúrgica e contra outra propriedade rural, em razão da regularização junto às autoridades e pagamento de multas. 

 

Veja também

Mais Lidas

1
Anastácio

Funcionários da JBS de Anastácio protestam após paralisação de frigorífico

2
Aquidauana

Casa do Trabalhador de Aquidauana oferece 12 vagas de emprego nesta quinta-feira

3
Economia

Prefeitura de Guia Lopes da Laguna, MS, abre concurso para 99 vagas

4
Policial

Polícia identifica corpos de meninas achadas mortas

Vídeos

4ª Marcha pela Vida - Aquidauana MS

Fiações rompidas são recuperadas e motoristas ‘fora do padrão’ podem ser responsabilizados

Moradores de Anastácio flagram óleo descendo para Rio Aquidauana

Ver mais Videos

Níveis dos Rios Hoje

Aquidauana
2,87m
Miranda
2,28m
Paraguai
2,41m

Colunas e Blogs

Raquel Anderson

Oswaldão e o horário de Verão!

Maria de Lourdes Medeiros Bruno

Viajar só faz bem...

Pedro Puttini Mendes

Aquidauana: "meio" ambiente ou um ambiente inteiro?

Ver Mais Colunas
498110662