A edição digital do jornal O Pantaneiro é restrita para assinantes.Assine
20 de Novembro de 2017
Anuncie Aqui
8504
Aquidauana

Romance baseado em Aquidauana será lançado hoje em Campo Grande

Evento será realizado na Morada dos Baís. Obra tem como pano de fundo a cidade de Aquidauana dos anos 70.

9 ABR 2013 - 15h05min
redação / Aníbal Placêncio
Será realizado na noite desta terça-feira (09), às 19 horas, na Morada dos Baís, em Campo Grande, o lançamento oficial do livro "O Santo de Cicatriz", pela Editora Life. Esse é o segundo livro do empresário campo-grandense André Luiz Alvez, que mistura referências sul-mato-grossenses com lendas místicas, tendo como pano de fundo a cidade de Aquidauana da década de 1970.
 
O evento tem a produção da Kadiwéu Produções e contará com a participação da Companhia Teatral Adote (Ator Domingos Terras), que irá representar alguns personagens centrais da obra. O lançamento terá apresentação especial de Geraldo Espíndola.
 
Segundo André, quando ele começou a escrever o livro, o primeiro pensamento que veio à cabeça foi deixar registradas algumas imagens da terra dele que não existem mais. "Me lembrei do Trem do Pantanal apitando na curva que dava acesso à cidade de Campo Grande e depois seguia para o Pantanal. Nos meus tempos de rapaz, diversas vezes segui este caminho, sempre que chegava a Aquidauana tinha vontade de descer e ficar por lá. Por isso, escolhi a cidade para servir de cenário para essa história?, revela.
 
Elementos místicos que aguçam a curiosidade humana também foram acrescentados no livro. ?A Terra Sem Medo, amplamente discutida na Argentina, Chile, Paraguai e que no Brasil foi deixada de lado, despertou a minha curiosidade. Então, resolvi definir esse lugar no meu livro exatamente ali, abaixo dos morros de Aquidauana, do Paxixi, daquelas lagoas de água ligeiramente salgada, tudo levando a crer que é certo o ditado que afirma que aquelas terras alagadas um dia já foram mar, o Mar de Xaraés. Lá ficaria localizada essa terra sagrada terminando com o mistério?.
 
Além desse enredo, o autor diz que compôs personagens de sonhos, com fantasias e que reunissem momentos de magia, a exemplo de São Damião, forasteiro da história e que se encanta pela "Princesinha do Pantanal", Aquidauana. Outros personagens, de personalidades diferentes, aparecem na trama e contribuem para tornar o livro interessante e surpreendente.
 
Para André, essa é a melhor história que já escreveu. ?Acho, sinceramente, que o leitor irá se identificar com a história, com os personagens e que irá se transportar para esse universo místico de fantasias com um quê de regionalismo. Agora, quer saber o porquê do nome? Bom, isso só descobrirá ao ler o livro?, brinca.
 
Para quem preferir comprar o livro pelo cartão de crédito ou débito, uma máquina estará disponível no local de lançamento, nesta terça-feira. A obra teve investimento do FMIC (Fundo Municipal de Investimentos Culturais), da Fundação Municipal de Cultura de Campo Grande.
 
Sobre o autor
 
André participou da coletânea de crônicas ?Retratos Urbanos?, da Editora Andros, São Paulo (SP), em 2007, e publicou o romance ?No Pantanal não existe Pinguim?, pela Editora Agbook ? São Paulo (SP), em 2009.
 
Formado em Comunicação, o autor é cronista há sete anos no Jornal Correio do Estado, além de membro da Academia Sul-Mato-Grossense de Letras.

Veja também

Mais Lidas

1
Policial

Homem assassina jovem em carvoaria de fazenda na Estrada do Taboco

2
Policial

Jovem é assassinado com três tiros após emboscada durante a madrugada

3
Policial

Homem agride mulher e a deixa nua no Jardim Independência

4
Aquidauana

Mulher busca ajuda para encontrar parentes de sua mãe, que não os vê há 53 anos

Vídeos

4ª Marcha pela Vida - Aquidauana MS

Fiações rompidas são recuperadas e motoristas ‘fora do padrão’ podem ser responsabilizados

Moradores de Anastácio flagram óleo descendo para Rio Aquidauana

Ver mais Videos

Níveis dos Rios Hoje

Aquidauana
6,45m
Miranda
6,08m
Paraguai
1,72m

Colunas e Blogs

Pedro Puttini Mendes

O “modelo de lei”, o ambientalismo municipal e a mu...

Giovani José da Silva

HISTÓRIAS DE ADMIRAR: DE VOLTA AO MEIO DO MUNDO (E AO ...

Manoel Afonso

Falta honra, sobra esperteza.

Ver Mais Colunas
498110796