A edição digital do jornal O Pantaneiro é restrita para assinantes.Assine
22 de Março de 2017
Anuncie Aqui
8210

Projeto aprovado pelo Congresso destina R$ 460 milhões para Petrobras concluir fábrica de fertilizantes

19 DEZ 2016 - 18h48min
Governo do MS
O Projeto de Lei do Congresso Nacional nº 32, de 2016 (PLN 32/2016), aprovado pelos senadores e deputados federais abre crédito para várias empresas estatais, no valor de R$ 845,5 milhões, dos quais R$ 460 milhões são destinados à Petrobras para a conclusão das obras da Unidade de Fertilizantes Nitrogenados (UNF III) em Três Lagoas. Segundo o governo federal, esse crédito ?vai possibilitar a adequação dos processos de refino, para que se reduzam perdas na produção de óleo e gás, além da implantação de nova unidade de fertilizantes nitrogenados em Três Lagoas (MS) para suprir a demanda nacional por ureia e amônia?.
 
O PLN 32/2016 é um dos 31 projetos de créditos orçamentários aprovados pelo Congresso Nacional na quinta-feira (15), para reforçar os recursos ou criar dotação destinada a diversos órgãos de todos os Poderes. As matérias seguem para a sanção presidencial. Na avaliação do secretário de Meio Ambiente e Desenvolvimento Econômico, Jaime Verruck, ?a proposta de incluir projetos de crédito orçamentário para reforçar ou criar dotação destinada, em especial a obras paralisadas, é extremamente salutar no âmbito de economia. No caso do PLN 32, a maior parte do recurso previsto é para Petrobras, no valor de R$ 460 milhões para a adequação de refino e término da obra da UFN3. Concluir projetos estratégicos como o dessa indústria de fertilizantes nitrogenados em Três Lagoas é fundamental para reativar a economia do país?.
 
Ainda de acordo com Jaime Verruck, ?como a proposta irá para sanção da Presidência da República, o governo do Estado irá se manifestar diretamente ao presidente Michel Temer para que esse recurso seja aprovado e as obras concluídas. Com isso, vamos reativar um projeto estratégico para Mato grosso do sul e que está em sua fase final de construção, com 82% da obra concluída?. O secretário destacou também a necessidade de apoio de toda a bancada federal para que seja sancionado o crédito. ?A conclusão e o início das operações da UFN 3  vão permitir ao Brasil reduzir as importações e proporcionar mais competitividade ao agronegócio brasileiro?, concluiu.
 
?Esse é um compromisso do governo do presidente Michel Temer: os recursos serão aplicados prioritariamente na conclusão de obras. E quero reafirmar aqui a importância do futuro e da sustentabilidade das cidades. E também o pagamento de custeios atrasados, não só da área da educação, como também da área de saúde?, afirmou o governo no Congresso, senador Romero Jucá (PMDB-RR).
 
Em julho deste ano, o governador Reinado Azambuja (PSDB) e o secretário Jaime Verruck reuniram-se com o presidente da Petrobras, Pedro Parente, para discutir a retomada das obras da UFN III. No mês seguinte, o Instituto de Meio Ambiente de Mato Grosso do Sul (Imasul) renovou a Licença de Instalação do empreendimento, por mais dois anos.

Veja também

Mais Lidas

1
Policial

Bombeiros, Marinha, Exército e até simpatia, mas nada de Laura ser encontrada

2
Geral

Funcionários encontram sucuri de 5 metros dentro de frigorífico

3
Geral

Mãe e filho são condenados por incesto

4
Policial

Picolezeiro assediou duas vítimas e terá conversas no Facebook periciadas

Vídeos

Criança ainda está desaparecida nas águas do Aquidauana

Incêndio em residência em Anastácio

Lançamento de Obras em Aquidauana

Ver mais Videos

Níveis dos Rios Hoje

Aquidauana
2,59m
Miranda
2,0m
Paraguai
1,10m

Colunas e Blogs

Valdemir Gomes

A...

Giovani José da Silva

HISTÓRIAS DE ADMIRAR: MEIAS PALAVRAS

Raquel Anderson

Feminice!

Ver Mais Colunas
472810641