A edição digital do jornal O Pantaneiro é restrita para assinantes.Assine
13 de Dezembro de 2017
Anuncie Aqui
8504
Ruben Figueiró de Oliveira

Canseira

Não foram uma, duas, três, mas inúmeras as pessoas a me abordar nestes últimos dias sobre a situação política em nosso país. Algumas em tom de deboche, outras raivosas, revoltadas, mas a maioria preocupada com o rumo decadente das coisas e revelando...

dothCom Consultoria Digital
6 JUN 2011 - 00h00min

Não foram uma, duas, três, mas inúmeras as pessoas a me abordar nestes últimos dias sobre a situação política em nosso país. Algumas em tom de deboche, outras raivosas, revoltadas, mas a maioria preocupada com o rumo decadente das coisas e revelando alto senso de cidadania. Como fui parlamentar - de outras épocas, naquelas em que havia respeito ao mandato popular - e mantenha discreta militância partidária, muitos de meus interlocutores fazem crer na forma crua de se expressarem de que, como político que fui, tenha responsabilidade no que está ocorrendo. À estas, repilo até com certa veemência embora compreenda seu rancor e decepção, com a qual sobre vários e diferentes aspectos estou solidário. Outras querem uma luz, um caminho que possa levá-los a um movimento cívico com vitalidade para colocar um paradeiro nessa onda de corrupção, incompetência, desídia, malversação e quanto mais adjetivos abjetos se devam atribuir a amplos setores das atividades dos poderes públicos.

As recentes manifestações populares, a principiar pelas surpreendentes, ruidosas, repetidas e espontâneas vaias à presente figura do presidente da república nas solenidades de instalação dos Jogos Pan-americanos e que se seguiram em outras oportunidades publicas, começam a demonstrar que algo está brotando na alma e na consciência do cidadão brasileiro. Os movimentos "Cansei", este liderado pelo prestígio institucional da OAB, seccional de São Paulo, e outros de iniciativa de setores da classe média - a mais penalizada, daí sua revolta - são extremamente válidos e aos poucos vão acendendo a chama da indignação do povo, ainda em estado de dormência tal têm sido as doses de entorpecentes publicitários oficiais nele diariamente aplicados.

Tenho para mim que tais movimentos cívicos só ganharão às ruas com acento ruidosamente popular se tiverem o apoio de segmentos sociais organizados. Claro a CUT, MST, UNE são do governo e estão contentes com as benesses recebidas; a Força Sindical, num golpe magistral de esperteza política de Lula, está no bolso dele; as entidades patronais, a CNI, CNA, CNC, assemelham-se a "turuno" recanteado e sem energia; os partidos de oposição (inclusive ao que me filio, o PSDB) estão numa posição anômica, para não dizer agônica, de dar dó... Resta a Igreja Católica a qual, pela aura de respeito milenar, poderá, se quiser, motivar o clamor adormecido do povo, pois é liderança consagrada. Não creio, entretanto, que ela se engajará, isto pelas manifestações tímidas, quão raras, de suas entidades pensantes, como a CNBB.

Portanto, posto-me como incrédulo. Nada despertará no momento o presidente da república - sem dúvida um autêntico Pôncio Pilatos que não enxerga o que de ruim está ocorrendo e lava as mãos, ou culpa Herodes - que chegará ao final de seu mandato com a mesma postura adjetivada pelas expressões xulas que diz cotidianamente e reveladoras de um egocentrismo estelar. O Legislativo está inanimado, perdendo dia-a-dia o respeito republicano. O Judiciário numa luta intestina entre o bem e o mal, indefinido.

É, realmente, uma Canseira, mas não há por que desanimar. As eleições municipais do próximo ano e as gerais de 2010 poderão refletir o atual estado de ânimo dos brasileiros. Já erramos em outras pugnas eleitorais, poderemos ainda errar, estamos porém mais conscientes, politizados e, a final, poderemos acertar. O grande homem público do Rio Grande do Sul e idealizador do regime parlamentarista no Brasil. Raul Pilla, dizia que " é votando que se aprende a votar bem" ... Quem sabe!

* Foi Deputado Estadual, Federal, Constituinte de 1998, Secretário de Estado e Conselheiro do Tribunal de Contas. É Senador suplente.

Veja também

Mais Lidas

1
Aquidauana

Confusão entre comerciante e mototaxistas acaba na Delegacia de Polícia Civil

2
Anastácio

Condutor de Uno perde controle da direção e bate em árvore às margens da BR-262

3
Anastácio

Vizinho 'passa dos limites' e arromba janela de moradora

4
Aquidauana

Adolescentes matam cachorro, agridem vítima com ‘pé de cabra’ e ameaçam com arma

Vídeos

Entrevista com os produtores do Longa-Metragem sobre Sasha Siemel

Tráfego de carretas no cruzamento da Duque de Caxias causa preocupação na população.

4ª Marcha pela Vida - Aquidauana MS

Ver mais Videos

Níveis dos Rios Hoje

Aquidauana
6,11m
Miranda
7,09m
Paraguai
1,86m

Colunas e Blogs

Giovani José da Silva

HISTÓRIAS DE ADMIRAR: HISTÓRIAS FEITAS DE GENTES E D...

Valdemir Gomes

Re...

Maria de Lourdes Medeiros Bruno

Estudo de caso

Ver Mais Colunas
498110734