A edição digital do jornal O Pantaneiro é restrita para assinantes.Assine
20 de julho de 2019
Anuncie Aqui
8824-->
Manoel Afonso

MDB sobreviverá sem Puccinelli?

dothCom Consultoria Digital
14 DEZ 2018 - 07h36min

A ESCOLHA Para os deputados estreantes na Câmara 2 modelos  a seguir: o primeiro de Carlos Marun (MDB) que adotou a fidelidade partidária ( e se deu bem) dando as costas à opinião pública. O segundo de Fábio Trad (PSD) sintonizado com o texto legal e o clamor social, além de seu preparo. Estilos opostos: Marum: volume e barulho; Trad: conteúdo e discrição.

O NOVELO  Os casos  de Ladário e Dourados não seriam os únicos em matéria de safadeza. Se puxar o fio deste novelo vai aparecer ‘mágicas cavernosas’ nas relações entre prefeitos e vereadores em muitos municípios. Ao que parece o Ministério Público deve estender essas investigações sobre diárias, verbas de representação e assuntos relacionados a licitações tipo ‘carta marcada’.

AS RELAÇÕES entre Executivo e Legislativo por aí seguem o mesmo roteiro:  os vereadores dificultam a vida do prefeito para colher facilidades. Com o dinheiro do duodécimo repassado pontualmente os vereadores tratam logo de gastá-lo custe o que custar. E tem mais:  vereadores exigem um mensalinho  do Executivo através de mecanismos diversos.

O GOLPE  Segundo ouvi no saguão da Assembleia Legislativa, o Ministério Público Estadual estaria colhendo material para apurar eventos promovidos por uma entidade representativa de vereadores do Estado. Tais eventos de duvidoso proveito técnico, teria como objetivo maior justificar o recebimento de diárias dos vereadores participantes. Seria a chamada indústria de diárias com direito a diplomas e certificados.

LIGEIROS  Muitos vereadores interioranos de primeiro mandato podem até continuar tendo dificuldades em dar  o nó perfeito na gravata. Só na gravata - repito - porque em matéria de esperteza  surpreendem com o aprendizado rápido apesar da pouca cultura.  A grande maioria abandona a profissão original para a dedicação exclusiva à vereança.  Mas esquecem: a suculenta teta é temporária.

JARDIM  Com 11 vereadores, a Câmara Municipal é beneficiária do repasse mensal do Executivo da quantia de R$240 mil. Cada um deles ao custo mensal  R$22 mil. Muito ou pouco diante do potencial do município e das atribuições de suas ‘excelências’?  Conta-nos o presidente do legislativo Fernando Ramos (PSDB) que neste ano devolverá R$240 mil ao Executivo.   

LEGAL x MORAL Esse confronto nasceu com os princípios da ética de Aristóteles e pelo que se vê o direito absorveu a concorrente. Os governantes estabelecem suas leis em proveito próprio. Dane-se moral, ética e cia. O exemplo do STF como referência para todos  - de todos os poderes em níveis diferentes. O raciocínio dos vereadores é simples: se eles podem, porque não posso? É a aposta na memória fraca da sociedade.

CAGÕES  Quando foi que a sociedade brasileira, sem bandeira partidária, saiu às ruas para protestar?  Foi em 2013 contra a corrupção. Quando se vê os franceses fazendo o enfrentamento com gana e coragem, passa pela gente um sentimento de covardia e falta de patriotismo.  Nem mesmo o ufanismo pelo futebol (hoje medíocre do Tite) consegue sacudir nosso povo. Quem sabe o futuro presidente Bolsonaro consiga  reverter.

‘RED BULL’  Agora energizado, o deputado eleito  Londres Machado (PSD)   centra suas observações no ‘Planalto’. Acha que o presidente Bolsonaro (PSL) deve mesmo  conversar com as agremiações partidárias  - afinal elas  ‘irrigam’ os parlamentares com  o fundo partidário. De nada adiantam bons projetos sem apoio parlamentar para a necessária aprovação. Sobre a política da terra evitou manifestar. Não insisti.  

EU SABIA! Claro, tudo dependerá do futuro carcerário do ex-governador Puccinelli (MDB). Mas o futuro presidente do diretório do partido deverá ter o perfil ou estilo de Puccinelli. Daí que essa deverá ser a missão de Carlos Marun, deputado licenciado e que a partir de 2019 não terá mandato parlamentar. No saguão da Assembleia Legislativa a opinião: ‘André e Marum se parecem, logo se complementam’.  

QUESTÕES  As últimas derrotadas consecutivas do MDB no Estado e capital  são sinais de que além do desgaste em nível nacional, o partido envelheceu e se desgastou. Há muitos anos que todas decisões partem de Puccinelli ou do atual senador Moka. Com maioria no diretório eles ditam as normas e sufocam tentativas de renovação. Aliás, lembra o que vem ocorrendo no PT Guiacuru.

RENOVAR?   Se a senador Simone Tebet (MDB) e o próprio deputado Jr. Mochi (MDB) não conseguem impor suas ideias, o que esperar dos 4 deputados estaduais, vistos como simples pupilos do ‘tio André’. Convenhamos: a derrota do ex-deputado Edson Giroto (PR) na vitória de Alcides Bernal (PP) parece não ter servido de lição a cúpula do MDB. Os tempos, definitivamente mudaram. Cuidado com os celulares!

APOSTA  do MDB Guaicuru seria a eleição de Simone Tebet a presidência do Senado. Uma aposta que até pode ocorrer por força da conjuntura nacional. Mas se isso não ocorrer, seria mais um fator agravante contra o partido no Estado e inclusive colocando em risco a reeleição da senadora, até aqui com atuação opaca. Seu desgaste respingou  na votação ( 2.846 votos – 6º lugar) de seu marido – deputado Eduardo Rocha (MDB) em Três Lagoas.

FIM DE FEIRA  O que não faltam são discursos lamurientos de deputados que não se elegeram na Assembleia Legislativa. Sabe como é: o osso é saboroso. Na outra ponta o deputado Zé Teixera (DEM) consolida sua costura para continuar na 1ª. Secretaria.  Já o deputado  Picarelli (PSDB) batalha para conseguir uma boquinha na Assembleia Legislativa ou no próprio Governo. Deve conseguir.

PERA LÁ!  Engenheiro civil e empresário  o vice governador eleito Murilo Zauthi (DEM) ocupará a poderosa Secretaria de Infra Estrutura. Terá 2 anos para mostrar serviço. Se o governador Reinando (PSDB)  deixar o cargo para tentar o Senado, Murilo assume e pela lei pode ser candidato a reeleição. É bom levar a sério essa hipótese.

MANDETTA Nosso futuro ministro da Saúde – apesar do tiroteio feroz da imprensa esquerdopata – vai se saindo muito bem nas entrevistas  abordando vários aspectos que envolvem a nossa saúde. Ao ‘Globonews’ foi feliz dizendo que a presença de políticos no ministério impediu a continuidade dos projetos. Sem mandato em 2019, estará livre e solto para um bom trabalho.  

BOLSONARO  Provoca arrepios na petezada  colada nas tetas oficiais. Imaginem que existem dezenas deles ganhando altos salários na estatal do ‘Trem Bala’ que não existiu e não vai existir. Acabar com a Infraero através da privatização dos aeroportos  será outra medida que  já incomoda o ‘Lulapetismo’. A aceitação de suas propostas de governo por 75% da população é fruto desta coragem de virar a mesa.

ALELUIA!!!  A estrada é longa. Sua aprovação depende de 308 votos a favor nos 2 turnos. Mas só em 2019. Após um ano de espera, a aprovação pela comissão especial, da Proposta de Emenda a Constituição é uma luz para acabar com o foro privilegiado de 55 mil ‘autoridades’. Ficariam beneficiados só o presidente da República e o vice; e os presidentes da Câmara, do Senado e do STF.

PEPINOS  Ônibus lotados sem ar e terminais deteriorados – seguidos de insegurança e drogados nas ruas, além de taxa de lixo, IPTU, UPAS lotados e carência de médicos pediatras  são os maiores problemas da capital pelos números da Ranking Pesquisas. Mesmo assim a aprovação do prefeito Marquinhos (PSD) é de 77,79%.

AVALIAÇÕES  Na mesma pesquisa o governador Azambuja (PSDB) obteve 40,16% de ótimo/bom – 18,33% de regular – 15,16% ruim/péssimo e 9,10% não sabem/não responderam. Pior foi o presidente Temer (MDB): 7,25% ótimo/bom – 20,41% regular, 64,08 ruim/péssimo e 8,26% não sabem/não responderam. Câmara da capital  levou 36,16% ótimo/bom – 33,41% regular – 19,75% ruim/péssimo - 10,68% não sabem/não responderam.

ARREMATE  O que o contribuinte acha do festival do aumento de salários dos nossos gloriosos servidores dos 3 poderes? Com mais de 10 milhões de desempregados essa não é a hora disso. Justo Veríssimo e a Lei de Gerson imperam. O questionamento vale para os nobres vereadores de Campo Grande e todos os integrantes da administração municipal. Não convém brincar com a nossa memória.

A vingança é uma espécie de justiça selvagem. (Francis Bacon)

Amplavisão 1336

 

Veja também

Mais Lidas

1
Policial

Dupla passa 11 horas comendo e bebendo em conveniência e vai embora sem pagar a conta

2
Policial

Homem estuprava menina e a obrigava a enviar fotos

3
Esportes

Ex-Seduc e Aquidauanense, Marcos Henrique é contratado pelo Santos

4
Policial

Cadela morre envenenada e responsável procura a polícia

Vídeos

Ministro do Turismo lança em Bonito programa para geração de empregos e renda no MS

Com atrações tradicionais e elenco de programa de TV, circo é atração para família

Bombeiros resgatam gatinhos presos no motor de veículo

Ver mais Videos

Previsão do Tempo

min19 max33

Aquidauana

Sol com algumas nuvens. Não chove.
min19 max33

Anastácio

Sol com algumas nuvens. Não chove.

Níveis dos Rios Hoje

Aquidauana
2,75m
Miranda
2,73m
Paraguai
3,91m

Colunas e Blogs

Valdemir Gomes

Quero...

Fausto Matogrosso

O Brasil diante do mundo

Giovani José da Silva

HISTÓRIAS DE ADMIRAR: EDUCAÇÃO, QUEM PRECISA?

Ver Mais Colunas

Guia Cidade

Telefones Úteis

Estação Rodoviaria

Rua Estevão Alves Correa, Bairro Alto - 79200-000 Aquidauana/MS (67) 3241 2158
Médicos

Sandra M. A. Zurutuza - Pediatra

Manoel Antonio Paes de Barros, 606 Centro - 79200-000 Aquidauana/MS (67) 3241-3783
Médicos

Cid Yukio Kuchida - Pediatria

Rua Manuel Antonio Paes de Barros, 1044 Centro - 79200-000 Aquidauana/MS (67) 3241-1621
Ver Mais
508110573
Supermercado Siriema