A edição digital do jornal O Pantaneiro é restrita para assinantes.Assine
14 de novembro de 2018
Anuncie Aqui
8504
Robinson L Araujo

O QUE O SENHOR MANDA OU O QUE O POVO DESEJA?

DEUS têm escolhido trabalhadores para a Sua seara. Existe um preçoa a ser pago pela proclamação do Evangelho. A certeza que temos? é que Ele sempre estará ao nosso lado.

Robinson L Araujo
10 JUN 2018 - 15h06min

 

Robinson L Araujo[1]

 

INTRODUÇÃO

Sempre ouvimos uma citação que se diz: "DEUS escreve certo por linhas tortas". Fico a imaginar o que seria escrever por linhas tortas. Porém, Ele não age assim, o Senhor escreve certo por linhas certas.

A grandeza do Senhor foge todas as nossas expectativas e tentativas de entendê-lo. Ele sabe o que está fazendo e aonde quer chegar. Conhecedor dos tempos: passado, presente e futuro pela Sua: Onisciência[i], Onipresença[ii] e Onipotência[iii]. Sua multiforme maneira de agir por meio da vida daqueles que se entregam ao Seu controle.

Sendo assim, é preciso que tenhamos consciência do que queremos em nossa vida no amanhã que, será o reflexo de nossas atitudes no presente, na maneira de pensarmos, agirmos diante de Sua Palavra que é viva e eficaz. É possível aceitar um Evangelho de oferecimento das benevolências terrestres? Sim, é possível, porém, não o correto e o que Ele quer para nossas vidas.

 

1. A CONFIANÇA PARA SE ANUNCIAR A PALAVRA DO SENHOR

É verdade e não podemos discordar que, aos analisarmos a Palavra do Senhor, acaba por ser dura a Sua pregação. Porém, não podemos desconsiderar que ao longo do tempo, temos deixado de pregar a sã doutrina, que impacta as pessoas e amoldando-a ao que os ouvidos querem ouvir. No Brasil, poderíamos dizer que: usa-se o jeitinho brasileiro!

Não podemos fugir as origens, de como o Senhor age e que a capacidade é dEle. O problema que não queremos passar pelos sofrimentos da carne, pois acabam por doer. É preciso analisar o que o Senhor quer e as consequências que temos quando aceitamos o Seu convite. Sendo assim, vejamos o que Ele diz ao profeta Jeremias: “Antes de eu formar você no ventre, eu já sabia tudo a seu respeito. Antes que você pudesse ver a luz do dia, eu já tinha planos para você: Um profeta às nações era o que eu tinha em mente”. Jeremias 1:5 (Bíblia - A Mensagem).

Veja bem: podemos ser escolhidos para levar a Palavra ou nos dispormos a levar a Palavra. São ações distintas e requer uma reflexão de nossa parte. Quando somos escolhidos, como no caso do profeta, por vezes tememos o desafio que não é fácil, basta procurarmos como os anunciadores do Evangelho sofreram ao longo de seus ministérios, como: perseguições, prisões, torturas e mortes, como os próprios discípulos de Jesus Cristo. Porém, quando eu me disponho, por escolha própria, confio em minha sabedoria e tento agradar a outros, virando uma profissão e não um sacerdócio.

O próprio profeta Jeremias se assustou com a escolha e disse: “Um momento, Senhor! Olha para mim. Eu não sei nada. Sou apenas um menino”. Jeremias 1:6 (Bíblia - A Mensagem).

A diferença de ser escolhidos e de se escolher para proclamar a Palavra de DEUS pode ser observada quando o Senhor responde ao profeta em Jeremias 1:7-8, quando afirmou:

O Eterno me disse: “Não diga: ‘Sou apenas um menino’. Eu direi para onde você deve ir, e para lá você irá. Eu direi o que falar, e você falará. Não tenha medo de ninguém. Estarei sempre lá, cuidando de você”. É o decreto do Eterno. (Bíblia - A Mensagem).

É lógico que, quando DEUS escolhe, Ele capacita, protege, cuida. O problema do homem é que o medo do sofrimento acaba por nos apavorar, deixando a confiança irrestrita no Senhor  fazendo atalhos a adaptações em Sua Palavra.

Com isso, não afirmamos que devemos pregar um Evangelho assustador, um Evangelho que traga ódio no coração das pessoas. A palavra deve ser para a transformação de vida e arrependimento do pecado. Só a acusação do pecado já acaba por deixar o pecador a menosprezar a Palavra, caso não aceite a correção que Ela trás na vida daquele que crer. O próprio Jesus não amava o pecado, Ele amava as pessoas, ao ponto de dar Sua vida!

Jeremias 1:9-10, é possível ver a ação de DEUS na vida daquele que é escolhido por Ele, vejamos:

O Eterno estendeu a mão, tocou-me e disse: “Veja! Acabei de pôr minhas palavras na sua boca. Você viu o que eu fiz? Dei a você uma tarefa a ser realizada entre nações e governos, num dia marcado no calendário! Sua missão é arrancar e destruir, despedaçar e demolir, E depois começar de novo, construindo e plantando”. (Bíblia - A Mensagem).

A confiança deve estar depositada na escolha proporcionada por DEUS e não pelo homem; é preciso ter certeza da escolha, caso contrário, a quem estaremos agradando?

 

2. A MISSÃO É DELE E PARA ELE

É importante que tenhamos por certeza que DEUS age por meio dos homens. Quando o Senhor escolheu o profeta Jeremias, Ele estava afirmando a ele: “Quem ouvir vocês está me ouvindo. Quem os rejeitar está me rejeitando. E me rejeitar é o mesmo que rejeitar Deus, que me enviou”. Lucas 10:16 (Bíblia - A Mensagem).

A Palavra tem por finalidade a transformação de vida. É preciso que se entenda que nós não nascemos para sermos salvos.  É verdade! Quando DEUS criou o homem, não era para salvar o homem e sim ter comunhão com ele. Fato que, o Senhor descia e passeava com o homem, tinha um "tête-a-tête" com ele. Foi a escolha do homem que levou DEUS a proporcionar a salvação, a volta a origem perdida pela desobediência em não comer do fruto.

O próprio Jesus sabia das dificuldades que Seus discípulos passariam em proclamar a Sua Palavra, sendo assim, Ele afirmou em Lucas 10:18-20, quando disse:

Jesus disse: “Eu sei. Vi a queda de Satanás. Parecia um raio caindo do céu. Perceberam o que dei a vocês? É um salvo-conduto para caminhar no meio de serpentes e escorpiões e uma proteção contra qualquer ataque do Inimigo, Ninguém pode pôr as mãos em vocês, mas o grande trunfo não está na autoridade de vocês sobre o mal, e sim na autoridade e na presença de Deus em vocês. Alegrem-se não com o que vocês fazem para Deus, mas com o que Deus faz por vocês”. (Bíblia - A Mensagem).

O homem por si só, não tem nenhuma autoridade na proclamação da Palavra, a autoridade é única e pertence a Ele e é Sua presença agindo em nossa disponibilidade de sermos escolhidos que, acaba por capacitar e nos alegrar pelos sofrimentos que ora surgirão por anunciar a Palavra.

Isso se dá por estarmos em guerra. Em guerra não contra as pessoas, mas contra o próprio Satanás, vejamos: "Pois na verdade o nosso combate não é contra seres humanos, mas sim contra forças malignas, contra ditaduras que actuam nas trevas, contra verdadeiros exércitos de espíritos do mal que dominam nas esferas do mundo sobrenatural". Efésios 6:12 (O Livro).

Ainda conclui em Lucas 11:23, quando diz: "Isso é guerra, e não há território neutro: Se vocês não estão do meu lado, são meus inimigos; se não ajudam, estão atrapalhando". (Bíblia - A Mensagem).

É um grande desafio se levar a Palavra do Senhor, é preciso antes de mais nada a dependência total nEle. É possível nos prepararmos para uma guerra contra outra pessoa, pois a vemos e podemos analisar suas ações para o ataque. Agora, lutar contra um inimigo que não vemos, somente pela proteção do Senhor.

 

3. NÃO TENHA MEDO, ELE PROTEGE

Quando a dependência da escolha está aprovada pelo Senhor, nos entregamos de corpo e alma, não há intenção em agradar o coração do homem e sim o de DEUS, pela certeza de estar ao nosso lado e ter o melhor para nós.

Porém, precisamos fazer nossa parte em não nos contaminarmos com os prazeres que o mundo oferece, contaminando assim, a essência do Evangelho. Vejamos o que Ele afirma em Lucas 12:1-3:

Nessa época, era comum milhares de pessoas se reunirem à volta dele, um pisando no pé do outro. Mas a preocupação maior de Jesus era com seus discípulos, a quem alertou: “Vigiem vocês mesmos, para que não sejam contaminados com o fermento dos fariseus, com a falsidade deles. Vocês não podem manter sua verdadeira identidade escondida para sempre: logo ela será exposta. Vocês não podem manter uma máscara religiosa o tempo todo. Cedo ou tarde, a máscara vai cair, e a verdadeira face religiosa de vocês será conhecida. Vocês não podem falar uma coisa em particular e pregar o oposto em público. Chegará o dia em que a verdade será conhecida em toda a cidade. (Bíblia - A Mensagem).

Nossa vida não poderá estar por detrás de uma máscara, a nossa vida deverá falar mais do que nossas palavras. Na verdade, as palavras deverão ser complemento de nossas atitudes de transformação pelo poder da Palavra.

Ainda em Lucas 12:4-5, Ele afirma:

“Falo a vocês como a amigos queridos. Não permitam que as ameaças dos terroristas religiosos reduzam vocês ao silêncio ou a declarações fingidas. É claro que eles podem matá-los, mas o que mais poderão fazer? Nada do que façam poderá atingir a alma de vocês, a essência do seu ser. Tenham temor a DEUS, que é quem conserva nas mãos a vida — corpo e alma. (Bíblia - A Mensagem).

Não deixemos a sã doutrina de lado com a intenção de agradar o ouvido das pessoas, precisamos denunciar o pecado, deixando de trazer somente as bênçãos terrenas e sim, a esperança de bênçãos celestes. Ele a de nos guardar e livrar!

 

4. CONCLUINDO

Para finalizar esta pequena reflexão, o Senhor nos deixa claro que, mediante a Sua Palavra, teremos problemas sim, vejamos:

 “Eu vim para acender fogo sobre a terra, e como queria que já estivesse aceso! Vim para mudar tudo, para acertar tudo, e como queria que tudo já estivesse concluído! Acham que vim para facilitar as coisas e deixar o ambiente agradável? Nada disso! Vim causar conflito e confronto! De agora em diante, numa casa com cinco pessoas, será assim: Três contra dois, e dois contra três; Pai contra filho, e filho contra pai; Mãe contra filha, e filha contra mãe; Sogra contra nora, e nora contra sogra”. Lucas 12:49-53 (Bíblia - A Mensagem).

O evangelho é Poder de DEUS na vida daqueles que querem e estão convictos da escolha que está sobre sua vida.

Viva em vida plena no Senhor!

 

REFERÊNCIAS

Disponível em: <https://www.significados.com.br/onipotente//>. Acessado em: 10 jun. 2018.

Disponível em: <https://www.significados.com.br/onipresente//>. Acessado em: 10 jun. 2018.

Disponível em: <https://www.significados.com.br/onisciente/>. Acessado em: 10 jun. 2018.

O Livro. Disponível em: < https://www.bibliaonline.com.br/ol/ef/6>. Acessado em: 10 jun. 2018.

PETERSON, Eugene H. A Mensagem: Bíblia em linguagem contemporânea, supervisão exegética e teológica Luiz Sayão. São Paulo: Editora Vida, 2011.

 

 


[1] Pastor. Teólogo. E-mail: robinson.luis@bol.com.br

 


[i] Onisciente é uma expressão usada nas religiões monoteístas, onde significa uma qualidade atribuída ao Deus supremo. A Bíblia Sagrada se refere ao Deus como um ser onisciente, aquele que possui plena e perfeita sabedoria e está ciente de tudo o que ocorre, e que é a própria fonte de todo o conhecimento.

[ii] Onipresente é um adjetivo usado para descrever Deus. Significa ubíquo e caracteriza algo ou alguém que está presente em todos os lugares ao mesmo tempo.

[iii] Onipotente significa alguém que é capaz de fazer tudo, não tem nenhum tipo de dificuldade e que é Todo-poderoso. Um ser onipotente é aquele que não precisa de ninguém, que ele é poderoso em todos os sentidos.

 

Veja também

Mais Lidas

1
Aquidauana

Ladrão entra residência e furta dinheiro, som, faca e chaves de dentro do veículo

2
Anastácio

PRF prende em flagrante irmãos bêbados que pilotavam motos

3
Nota de Falecimento

Nota de Falecimento de Ilva Reis da Silva

4
Economia

Dois Irmãos do Buriti completa 31 anos e recebe frigorífico de peixes

Vídeos

Entrevista com os produtores do Longa-Metragem sobre Sasha Siemel

Tráfego de carretas no cruzamento da Duque de Caxias causa preocupação na população.

4ª Marcha pela Vida - Aquidauana MS

Ver mais Videos

Níveis dos Rios Hoje

Paraguai
2,59m
Miranda
6,13m
Aquidauana
3,76m

Colunas e Blogs

Valdemir Gomes

Os...

Robinson L Araujo

SENDO UM RECIPIENTE, USADO POR DEUS, PARA ABENÇOAR

Manoel Afonso

O eleitor quer reciprocidade dos eleitos

Ver Mais Colunas
498110669