A edição digital do jornal O Pantaneiro é restrita para assinantes.Assine
12 de dezembro de 2018
Anuncie Aqui
8500
Robinson L Araujo

SENDO UM LÍDER USADO POR DEUS - Parte II

Continua...

Robinson L Araujo
13 MAR 2018 - 09h56min

3. DEUS não escolhe os capacitados, Ele capacita os escolhidos

A Palavra afirma: “Ele é que nos fez aptos para sermos ministros da Nova Aliança, não a da letra, e sim a do Espírito. Porque a letra mata, mas o Espírito vivifica”. (2 Coríntios. 3:6 – VC).

Não é possível ficar amedrontados todo o tempo. Se DEUS te escolheu, ele vai capacitar. Claro, também se faz necessário que se busque o conhecimento por meio de cursos e todo tipo de capacitação. O Espírito do Senhor usa a cada um e com aquilo que ele está cheio. Não se iluda achando que após ter sido escolhido por DEUS para estar como líder, não existe mais a necessidade de se aperfeiçoar.

É o Espírito Santo de DEUS que vivifica a cada um. Mas isso, não dá o direito de se tornar um relaxado, não se dedicar, estudar, aprender e se capacitar para ser usado por DEUS. Tenha-se a seguinte certeza: quanto mais capacitado, mais DEUS vai usar; quanto mais disponível para ser usado pelo Senhor, mais capacitado Ele te fará.

 

4. QUALIDADES DO LÍDER

Quando se almeja trabalhar no ministério onde se frequenta ou em determinada empresa ou setor público ou, até mesmo para onde DEUS irá te levar, deve-se ter em mente que passarás a ser alvo de observação por parte das pessoas. Sendo assim, há necessidade de que se leve uma vida em integridade, não achando que serás melhor ou mais “santo” que os demais.

Todos são passíveis de erros. Não existe a pessoa melhor do que a outra, mas deve-se caminhar na busca de uma vida íntegra na presença do Senhor. Principalmente se Cristo habita em no coração. Sendo assim, algo diferente deve ser mostrado. Analise as qualidades que a Palavra de DEUS exige para o líder:

Se alguém deseja ser líder na igreja, ótimo! Mas há algumas condições: deve ser alguém de boa reputação, fiel a esposa, de fácil relacionamento e hospitaleiro. Deve entender do que fala, não ser muito chegado ao vinho e não ser controlador, mas gentil. Não deve ser sensível demais a críticas nem movido pela ganância. Deve administrar bem os seus negócios, ser atencioso para com os filhos e respeitado por eles. Pois, se alguém não é capaz de lidar com os próprios negócios, como poderá cuidar da igreja de DEUS? Não deve ser novato na fé; para que a posição não suba a cabeça e, assim, não caia na armadilha do Diabo. (1 Timóteo. 3:1-7 – BLC).

1. Boa reputação – Ele é bem visto pelas pessoas da sociedade, da vizinhança, dos amigos, da igreja. Leva uma vida digna com o que fala;

2. Fiel à esposa – Ter fidelidade no casamento, amar e respeitar a sua esposa (esposo) como pessoa fiel ao (a) companheira (o), não como uma pessoa qualquer. Amar e respeitar, ofertar carinho;

3. De fácil relacionamento – As pessoas têm acesso a ele, é receptivo e compreensivo. Não é aquela pessoa que precisa marcar na agenda, para conseguir um conselho, é solícito;

4. Hospitaleiro – Recebe bem as pessoas em sua casa, na igreja, onde estiver.

5. Entender daquilo que esta falando – Não basta fazer algumas anotações e achar que está apto a transmitir conhecimento. É preciso estudar, embasar, saber daquilo que se vai falar. Caso alguém lhe questione, saberás dar mais detalhes e informações. Principalmente aos de fora do grupo que se lidera, as pessoas poderão argumentar e é preciso ter domínio do que se esta falando;

6. Não ser dado ao vinho – A Palavra de DEUS não proíbe o consumo de bebida. Mas, deve-se ser criteriosos e cautelosos, nesta área, para não provocar escândalo. Romanos 14:21, adverte: "Bom é não comer carne, nem beber vinho, nem fazer outras coisas em que teu irmão tropece, ou se escandalize, ou se enfraqueça". Ainda I Coríntios 10:23, confirma: "Todas as coisas me são lícitas, mas nem todas as coisas convêm; todas as coisas me são lícitas, mas nem todas as coisas edificam. Ninguém busque o proveito próprio; antes cada um o que é de outrem".

7. Não ser controlador – Deve-se ter o controle das coisas, é preciso ser  informados de tudo aquilo que acontece para não ser pego de surpresa. Porém, precisa-se ter em mente: as coisas podem e devem acontecer sem que o líder esteja sempre na direção, na frente. As pessoas devem desenvolver o potencial que DEUS proporcionou a ela, e como líder, deverás ter consciência disso;

8. Sensível demais às críticas – Qualquer coisa acaba por afetá-lo, tirando-o do sério. Acabam por achar que as pessoas devem bajulá-lo. Não, deverá estar receptíveis as críticas, acatá-las e buscar uma direção em conjunto. Não poderás desanimar, pois jamais conseguir-se-á agradar a todos;

9. Ganancioso – existem pessoas que querem tudo para elas, que querem estar no comando de tudo. O líder não tem o direito de agir assim, principalmente com as coisas de DEUS. A humildade tem que fazer parte da vida e atitudes. Quando coloca-se pessoas para exerçam a função de ajudantes e desempenharem tarefas, contribui-se dando a possibilidade para que elas desenvolvam o dom(s) que DEUS as deu;

10. Bom administrador – Aqui mora o perigo! Pessoas acham que são bons administradores somente no lugar onde estão a frente como líderes, como no ministério eclesiástico. O bom administrador começa dentro da sua casa, do seu trabalho, do seu tempo e de suas finanças. Administre bem a sua vida para depois administrar vidas. Administre bem o seu lar, para depois administrar uma igreja;

11. Atencioso para com a família – Um grande erro que líderes cometem e os líderes cristãos acabam fazendo o mesmo, é não ter tempo para sua família. Deve-se dar atenção a família. Ao cônjuge, aos filhos, aos pais e irmãos. Muitas vezes se tem tempo para todos onde se encontra como líder e falta tempo para as pessoas que estão próximas e necessitando da atenção. Tenha tempo de qualidade dentro de seu lar; ame os entes de sua casa para depois demonstrar carinho, atenção e cuidado com os de fora;

12. Não ser novato na fé – Esta observação de Paulo é de suma importância. Não é que o novo convertido não possa liderar, mas ele precisa ter amadurecimento, vivência e conhecimento da dependência de DEUS. Como ensinar aquilo que ele ainda não conhece ou vivenciou? Acaba se tornando uma presa fácil para o inimigo! Da mesma forma dentro do secular. É preciso que se escolha pessoas experimentadas, que ja passaram por maus bocados, e sabem reconhecer dificuldades e caminhos para se alcançar o objetivo proposto.

Para quem quer trabalhar em qualquer área dentro da igreja, vale as mesmas condições de uma vida íntegra, Paulo continua falando:

O mesmo vale para os que querem servir em outras funções na igreja: cristãos sérios, sem falsidade e não muito chegados em vinho. E que não estejam no ministério pensando em ganho pessoal. Devem ter respeito pelo ministério da fé, não usando a posição em proveito próprio. Eles devem ser testados, se mostrarem que são capazes, que assuma sua função. Nenhuma exceção deve ser feita às mulheres. Para elas, as mesmas qualificações; sérias e confiáveis; não devem ser faladeiras nem muito chegadas ao vinho. Quem serve na igreja deve ter compromisso com o cônjuge, ser atencioso com os filhos e cuidadoso nos negócios. Os que cumprem devidamente o papel de servo serão respeitados, num crédito verdadeiro para a fé em Jesus. (1 Timóteo. 3:8-13 - BLC).

Quando age-se com integridade de vida, busca-se o Senhorio de Jesus Cristo, quando é Ele que conduz as atitudes, existirá recompensas, não somente celestiais como as terrenas, como: Respeito, crédito do que se fala, por viver aquilo que tem por objetivo.

Paulo ainda alerta a Tito, um de seus filhos na fé, com a seguinte mensagem:

Deixei vocês em Creta para que terminasse o trabalho que comecei. Nomeie líderes em cada cidade de acordo com as minhas instruções. Durante o processo de seleção, pergunte: “Este homem tem boa reputação? É fiel a esposa? Seus filhos são cristãos e o respeitam? Ficam longe de confusão?”. É importante que um líder da igreja, responsáveis pelos assuntos na casa de DEUS, seja visto não como controlador e de pavio curto nem como beberrão, valentão ou ambicioso. Ele deve ser hospitaleiro, prestativo, sábio, justo, respeitados, ter domínio próprio e ter uma boa compreensão da Mensagem, sabendo como usar a verdade para encorajar o povo ao conhecimento ou para calar os que fizerem oposição. (Tito. 1:5-9 – BLC).

Uma sugestão o Apóstolo Paulo dá: busque desempenhar com excelência o que foi dado em suas mãos e seja dignos diante de DEUS, que não tenha vergonha e afaste-se de confusão, seja uma pessoa íntegras e proclamadora da Sua palavra:

“Empenha-te em te apresentares diante de Deus como homem digno de aprovação, operário que não tem de que se envergonhar, íntegro distribuidor da palavra da verdade”. (2 tIMÓTEO 2:15 – VC) e na versão BLC: “Concentre-se em fazer o melhor para DEUS, trabalhe direito,  para não ter do que se envergonhar. Apresente a verdade pura e simples”.

Que o Senhor Jesus capacite a cada um no seu papel de líder, conforme o Seu coração, o que mais importa, deve ser: “que Ele cresça e que eu diminua”. (jOÃO 3:30 – VC).

 

Abreviações:

ACRF – Almeida Corrigida e Revisada Fiel

BLC – Bíblia na Linguagem Contemporânea

VC – Versão Católica

 

REFERÊNCIAS

Bíblia Almeida Corrigida e Revisada Fiel. Disponível em: . Acesso em: 10 mar. 2018.

Bíblia Versão Católica. Disponível em: . Acesso em: 10 mar 2018.

PETERSON, Heugene H. Bíblia A MENSAGEM em Linguagem Contemporânea. São Paulo: Editora Vida, 2011.

 

Veja também

Mais Lidas

1
Entrevistas

Aquidauanense é convidada para programa da Rede Globo

2
Aquidauana

Mulher inventa roubo para justificar sumiço de R$ 8 mil ao namorado em Aquidauana

3
Aquidauana

Acidente em cruzamento mobiliza Resgate dos Bombeiros

4
Você Repórter

Adolescente de Aquidauana já é destaque nacional em Laço comprido

Vídeos

Entrevista com os produtores do Longa-Metragem sobre Sasha Siemel

Tráfego de carretas no cruzamento da Duque de Caxias causa preocupação na população.

4ª Marcha pela Vida - Aquidauana MS

Ver mais Videos

Níveis dos Rios Hoje

Paraguai
2,59m
Miranda
6,13m
Aquidauana
3,76m

Colunas e Blogs

Alessandro Arruda

As leis e nossa incapacidade de produzi-las

Valdemir Gomes

Abri...

Giovani José da Silva

HISTÓRIAS DE ADMIRAR: DAR, RECEBER E RETRIBUIR

Ver Mais Colunas
498110668