O...

11/07/2019 08:44:00



Grande mercado... Persa!
Mais uma vez em ação.
Desrespeito... Cidadão!
Na real essa conversa...
Uma atitude... Perversa!
Bando de Gazeteiros.
Traçam ao povo... Roteiros!
Como punição... Castigo!
Defendem o próprio umbigo...
Da coisa pública... Chupeteiros!


Forma de melhorar a renda...
Conversas de bastidores.
Indica seus... Interlocutores!
Começa liberar... Emendas!
Com cálice... Oferendas!
Aglutina... Aliados!
Muda o palavreado...
Desrespeito... Perfídia!
Ocupa espaço... Mídia!
Trabalhador vira... Gado!


Uma situação... Vexatória!
O congresso... Destoante!
Como votou seu representante...
Com desculpas... Jaculatórias!
De forma peremptória...
Justifica... Punhalada!
Esta insana presepada...
Desidrata seu... Futuro!
Verdadeiro eclipse... Escuro!
Sua vida... Assolapada!


Com discursos eloquentes...
Gesto obsceno... “Arminha!”
Começa a era do... “Tinha!”
Discurso afiado, fluente...
Emplaca nociva... Semente!
Semeia...  Maior cinismo!
Privilégios casuísmos...
Afagos... Categorias aquecem!
Continuam... Permanecem!
Passos largos... Abismo!

Poema: Valdemir Gomes dos Santos 11/07/2019


Valdemir Gomes - Valdemir Gomes