A edição digital do jornal O Pantaneiro é restrita para assinantes.Assine
16 de outubro de 2018
Anuncie Aqui
8502
Cultura

Centro Cultural recebe shows e 'Sarrafo' em comemoração ao Dia Nacional do Choro

21 ABR 2013 - 10h30min
redação / Aníbal Placêncio
A FCMS (Fundação de Cultura de Mato Grosso do Sul), em parceria com a Fundac (Fundação Municipal de Cultura) e com o apoio da UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul) e do vereador Eduardo Romero, realiza nesta terça-feira (23), às 20 horas, no teatro Aracy Balabanian, em Campo Grande, uma apresentação musical em comemoração ao "Dia Nacional do Choro". A entrada para os shows é franca. 
 
O evento, que celebra o "Dia Nacional do Choro", comemorado no dia 23 de abril (nascimento de Pixinguinha), contará com a participação de Choro Opus Trio, Bibi do Cavaco, Duo Maciel Porto, Marcelo Fernandes, Malu Mestrinho, alunos do curso de Música da UFMS e o convidado especial Amintas José da Costa, "O Sarrafo". 
 
A Orquestra Sinfônica Municipal de Campo Grande fará uma homenagem especial ao aniversário de 150 anos de Ernesto Nazareth, pianista e compositor brasileiro considerado um dos grandes nomes do Tango Brasileiro, atualmente considerado um subgênero do Choro. 
 
Sarrafo
 
Maestro, compositor e saxofonista, Amintas José da Costa, o Sarrafo, nasceu no dia 22 de janeiro de 1919, em Aracaju (SE). Começou sua trajetória musical aos 17 anos no projeto de ensino de José Viena. Em 1937, ingressou na Força Pública de Sergipe, onde também tocou na banda da corporação. Em 1940, se mudou para o Rio de Janeiro. Trabalhou em bandas e orquestras de casas noturnas, cassinos e rádios e conviveu com grandes nomes da música brasileira, como o maestro Guerra Peixe, Edmundo Villani-Côrtes e Pixinguinha.
 
Mudou-se para São Paulo em 1950, onde continuou sua história na música, tocando também nas primeiras emissoras de TV do país, sendo maestro da TV Tupi. A partir de 1968, compôs e gravou seus primeiros choros, obras que se perderam em estúdio fechado pela ditadura militar. 
 
Atualmente, Sarrafo compõe letras de músicas nas quais homenageia pessoas importantes para a vida dele, como a mãe, os professores e a cidade que o acolheu há 30 anos, Itanhaém (SP). Sarrafo contribui com seus conhecimentos no Ponto de Cultura Ativa, com lições de música e de vida. 
 
Serviço
 
Outras informações podem ser obtidas pelo telefone 9229-2175 ou no Centro Cultural José Octávio Guizzo, que fica localizado na Rua 26 de Agosto, 453, entre as ruas Calógeras e a 14 de Julho.

Veja também

Mais Lidas

1
Anastácio

Anastaciano é assassinado após desentendimento no Distrito Águas de Miranda

2
Anastácio

Homem assassinado em Águas do Miranda trabalhava para dar melhores condições à filha

3
Aquidauana

Durante operação, PM leva 25 pessoas para a delegacia em Aquidauana e região

4
Aquidauana

Vítima de acidente fatal em Sidrolândia era cabo do Exército em Aquidauana

Vídeos

Entrevista com os produtores do Longa-Metragem sobre Sasha Siemel

Tráfego de carretas no cruzamento da Duque de Caxias causa preocupação na população.

4ª Marcha pela Vida - Aquidauana MS

Ver mais Videos

Níveis dos Rios Hoje

Paraguai
3,40m
Miranda
4,16m
Aquidauana
3,06m

Colunas e Blogs

Valdemir Gomes

Fico...

Maria de Lourdes Medeiros Bruno

A IMPORTÂNCIA DO SER PROFESSOR: O ATO E O FATO.

Robinson L Araujo

UMA HERANÇA ESTABELECIDA POR DEUS

Ver Mais Colunas
498110539
SERIEMA FIXO 1260