A edição digital do jornal O Pantaneiro é restrita para assinantes.Assine
22 de novembro de 2019
Anuncie Aqui
9194-->
Economia

Previsão de crescimento do PIB cai pela 15ª vez seguida e fica em 1%

É o que mostra o boletim Focus, resultado de pesquisa do Banco Central (BC) a instituições financeiras, divulgado às segundas-feiras.

10 JUN 2019 - 16h19min
Redação

A estimativa do mercado financeiro para o crescimento da economia neste ano chegou a 1%, após 15 reduções consecutivas. É o que mostra o boletim Focus, resultado de pesquisa do Banco Central (BC) a instituições financeiras, divulgado às segundas-feiras.

A projeção para a expansão do Produto Interno Bruto (PIB) – a soma de todos os bens e serviços produzidos no país - desta vez foi reduzida de 1,13% para 1%.

A expectativa das instituições financeiras é que a economia tenha crescimento maior em 2020, entretanto, a previsão para o próximo ano foi reduzida de 2,50% para 2,23%. A previsão para 2021 e 2022 permanece em 2,50%.

Inflação - A estimativa de inflação, calculada pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), caiu de 4,03% para 3,89% este ano, foi mantida em 4% para 2020 e em 3,75% para 2021 e 2022.

Na última sexta-feira, o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) informou que o Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) desacelerou em maio, ao variar 0,13%, 0,44 ponto percentual abaixo da taxa de abril (0,57%). Esse foi o menor resultado para maio desde 2006 (0,10%). A variação acumulada no ano ficou em 2,22% e em 12 meses chegou a 4,66%.

A meta de inflação de 2019, definida pelo Conselho Monetário Nacional (CMN), é de 4,25%, com intervalo de tolerância entre 2,75% e 5,75%.

A estimativa para 2020 está no centro da meta: 4%. Essa meta tem intervalo de 1,5 ponto percentual para cima ou para baixo.

Para 2021, o centro da meta é 3,75%, também com intervalo de tolerância de 1,5 ponto percentual. O CMN ainda não definiu a meta de inflação para 2022.

Taxa básica de juros - Para controlar a inflação, o BC usa como principal instrumento a taxa básica de juros, a Selic. Para o mercado financeiro, a Selic deve permanecer no seu mínimo histórico de 6,50% ao ano até o fim de 2019.

Para o fim de 2020, a projeção caiu de 7,25% ao ano para 7%. Para o fim de 2021, a previsão passou de 8% ao ano para 7,50% e para o final de 2022, segue em 7,50% ao ano.

A Selic, que serve de referência para os demais juros da economia, é a taxa média cobrada nas negociações com títulos emitidos pelo Tesouro Nacional, registradas diariamente no Sistema Especial de Liquidação e de Custódia (Selic).

A manutenção da Selic este ano, como prevê o mercado financeiro, indica que o Copom considera as alterações anteriores nos juros básicos suficientes para chegar à meta de inflação.

Ao reduzir os juros básicos, a tendência é diminuir os custos do crédito e incentivar a produção e o consumo. Para cortar a Selic, a autoridade monetária precisa estar segura de que os preços estão sob controle e não correm risco de ficar acima da meta de inflação.

Quando o Copom aumenta a Selic, o objetivo é conter a demanda aquecida, e isso causa reflexos nos preços porque os juros mais altos encarecem o crédito e estimulam a poupança.

Dólar - A previsão do mercado financeiro para a cotação do dólar permanece em R$ 3,80 no fim de 2019 e de 2020.

 

Veja também

Mais Lidas

1
Anastácio

Vizinhos sentem cheiro forte e descobrem homem morto dentro de casa em Anastácio

2
Aquidauana

Empresário renomado, Mário Gazin visita sua loja em Aquidauana

3
Aquidauana

Agente de Aquidauana receberá prêmio do concurso de redação da DPU

4
Policial

Homem é agredido após negar sexo com suspeito

Vídeos

Assaltante que aterroriza Aquidauana realiza furtos em cidades vizinhas

Durante combate a incêndio, bombeiros resgatam jaguatirica ferida 1

Família perde tudo em incêndio que atingiu quatro casas

Ver mais Videos

Previsão do Tempo

min24 max36

Aquidauana

Sol e aumento de nuvens de manhã. Pancadas de chuva à tarde e à noite.
min24 max36

Anastácio

Sol e aumento de nuvens de manhã. Pancadas de chuva à tarde e à noite.

Níveis dos Rios Hoje

Aquidauana
2,61m
Miranda
4,02m
Paraguai
1,00m

Colunas e Blogs

Robinson L Araujo

A INTELIGÊNCIA E BELEZA DE ABIGAIL, COMPARADOS AO AMOR...

Valdemir Gomes

Agora...

Dr. Giuliano Máximo

Mais uma vez a prisão em 2º grau

Ver Mais Colunas

Guia Cidade

Médicos

Nei Pires Borges - Ortopedista

Rua 7 de Setembro, 486 Centro - 79200-000 Aquidauana/MS (67) 3241-2062
Pesqueiros

Pousada Recanto das Emas

Estrada da Barra Mansa, - 79200-000 Aquidauana/MS (67) 3241-6180/9986-
Hotéis

Hotel Bela Vista

Rua Manoel Aureliano da Costa, 678 Aquidauana/MS (67) 3241-8493 (67) 99653-8207 http://www.hotelbelavistams.com.br
Ver Mais
508110697