A edição digital do jornal O Pantaneiro é restrita para assinantes.Assine
13 de novembro de 2019
Anuncie Aqui
9194-->
Entretenimento

Zé Felipe, filho do sertanejo Leonardo, anuncia que tem doença incurável

24 OUT 2019 - 13h15min
Midiamax

Durante três meses, Zé Felipe sentiu fortes dores nas articulações: joelhos, pés e costas. “Desde julho sentindo essa dor, indo ao médico e eu não sabia o que era”, revelou o cantor nesta quarta-feira, 23, nas redes sociais. Em uma série de vídeos no stories do Instagram, o filho do sertanejo Leonardo deu detalhes de como ficou sabendo do diagnóstico de espondilite anquilosante, uma doença que ainda é incurável.

“Fui no reumatologista e descobri que estou com um tipo de artrite, que chama espondilite. E eu vou começar a fazer o tratamento hoje e vamos embora. Dois anos de tratamento que vou ter que fazer, de dois em dois meses, vou ter que tomar uma injeção, mas estou feliz”, garantiu.

Apesar do diagnóstico Zé Felipe se mostrou otimista. “Acho que a gente tem que reclamar menos e agradecer mais. Eu estou agradecido por ter condições de fazer o tratamento e cuidar disso aí”, afirmou. O cantor não mencionou se o diagnóstico irá comprometer agenda de shows.

O que é espondilite anquilosante?

Pesquisadores ainda não descobriram a cura da doença, que é inflamatória e crônica. O que se sabe é que a espondilite atinge as articulações do esqueleto axial, causando lesões nos ossos da cabeça, tórax e coluna, costas, joelhos, e quadris. Em casos mais graves, a patologia pode provocar lesões nos olhos, coração, pulmão, intestinos e pele.

A espondilite atinge mais homens do que mulheres, entre o final da adolescência até, em média, os 40 anos de idade. O diagnóstico precoce é importante para evitar a progressão da doença que, se não tratada, pode incapacitar o paciente.

Primeiros sinais, sintomas e tratamento

Dor persistente na lombar, por mais de três meses, que diminui com o movimento e aumenta com o repouso, merece atenção. O desconforto pode comprometer a mobilidade da coluna, que fica mais rígida, e se espalhar para as pernas. Outra característica peculiar da doença é que as dores são mais intensas durante à noite.

O tratamento é feito basicamente para controlar o avanço da enfermidade e aumentar a qualidade de vida do paciente, que terá de conviver com os sintomas principais. Fisioterapia e cirurgia são indicadas em alguns casos, assim como a medicação para aliviar as dores, como anti-inflamatórios, analgésicos ou relaxantes musculares.

 

 

 

 

 

 

Veja também

Mais Lidas

1
Piraputanga

Primeiro preso na Operação Piracema é de Piraputanga

2
Aquidauana

Ladrões que agiam na região são suspeitos de 23 furtos em 15 dias, diz polícia

3
Aquidauana

‘Demorou, demorou’: jovem leva pontos após ser agredido com aro em Aquidauana

4
Aquidauana

Filho de presidiária é suspeito de arrombar casa e furtar som

Vídeos

Assaltante que aterroriza Aquidauana realiza furtos em cidades vizinhas

Durante combate a incêndio, bombeiros resgatam jaguatirica ferida 1

Família perde tudo em incêndio que atingiu quatro casas

Ver mais Videos

Previsão do Tempo

min23 max32

Aquidauana

Sol com algumas nuvens. Chove rápido durante o dia e à noite.
min23 max32

Anastácio

Sol com algumas nuvens. Chove rápido durante o dia e à noite.

Níveis dos Rios Hoje

Aquidauana
2,39m
Miranda
2,84m
Paraguai
1,05m

Colunas e Blogs

Valdemir Gomes

Pantanal...

Dr. Giuliano Máximo

Mais uma vez a prisão em 2º grau

Flavia Rohdt

Aldravia #12

Ver Mais Colunas

Guia Cidade

Médicos

Nei Pires Borges - Ortopedista

Rua 7 de Setembro, 486 Centro - 79200-000 Aquidauana/MS (67) 3241-2062
Restaurantes

Restaurante Amarelinho

Praça das Nações, 138 - 79210-000 Anastácio/MS (67) 3245 1093
Empréstimos

Empéstimo Banco Matone

Rua Manoel Antônio Paes de Barros, 606 Centro - 79200-000 Aquidauana/MS (67) 3241-3852 / 990
Ver Mais
508110691