A edição digital do jornal O Pantaneiro é restrita para assinantes.Assine
23 de setembro de 2018
Anuncie Aqui
8500
Entrevistas

Anastaciano sonha em ajudar estudantes e professores de Matemática

Com canal no Youtube, profissional espera ajudar alunos a se livrarem da “bola de dúvidas”

22 JUN 2017 - 07h29min
Redação

A matéria preferida do anastaciano Fernando da Silva Batista, de 28 anos, sempre foi a Matemática. A Física e o Inglês também eram especiais, mas nada comparado a “Rainha das Ciências”. Desde a infância, enquanto muitos amigos aguardavam ansiosos por uma partida de futebol, ele preferia estudar os números. E foi desta maneira que, depois cursar o ensino fundamental na escola Teodoro Rondon, em Anastácio, e o ensino médio na escola Cândido Mariano, começou o curso de Licenciatura em Matemática na Universidade Federal de Mato Grosso do Sul, Campus de Aquidauana. 

Depois de concluir a licenciatura, em 2011, Fernando lecionou por dois anos na UFMS e, com o apoio da família, amigos e do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPQ), iniciou seu mestrado em Educação Matemática, no Campus de Campo Grande. A partir de então, muita coisa mudou. 

A vontade de ensinar Matemática tornou-se ainda mais intensa para o anastaciano. 
Com o passar do tempo, e depois de muitas pesquisas, Fernando percebeu que poderia, de alguma forma, contribuir para o ensino da Matemática de uma maneira mais ampla. Desta maneira, criou seu próprio canal no Youtube, chamado Cafemática (uma mistura comum nas salas de professores do país: café e matemática). Seu sonho é poder tornar-se uma referência, ou seja, poder ser indicado pelos seus colegas de profissão como alguém que ensina com qualidade. 

Ele entende que o professor tem vontade de ensinar o que os alunos não aprenderam ou esqueceram dos anos anteriores, porém, devido, talvez, a sobrecarga de atividades a qual os professores são submetidos, nem sempre têm tempo o suficiente. É o que ele chama de "efeito bola de dúvidas”. E explica:

“Semelhante ao efeito bola de neve, cada aluno acumula consigo dúvidas dos anos anteriores. Em cada sala de aula, as dúvidas dos aproximadamente quarenta alunos são muito variadas. Cabe então ao professor identificar cada uma das dúvidas de cada um dos alunos, tirá-las, garantir que entenderam por meio de avaliações e prosseguir com o conteúdo de modo a cumprir a ementa no tempo estipulado? Eu, sinceramente, acredito que esse peso todo não deveria ser posto nos ombros de um professor. Quero muito poder ajudar.”

O Pantaneiro: Sobre quais assuntos de matemática são seus vídeos?
Prof. Fernando: Atualmente, faço uma série de vídeos sobre matemática elementar. Operações fundamentais, função, regra de três, porcentagem... O último vídeo que fiz chama-se "Letras na Matemática" e falo dessa mistura entre letras e números, que confunde muita gente do ensino fundamental ao superior. Mas pretendo abordar também assuntos de matemática que reprovam e causam a evasão em muitos cursos de nível superior, como Cálculo, Álgebra e Análise, por exemplo, e assuntos que costumam cair em concursos, como Raciocínio Lógico.

O Pantaneiro: E como é o formato dos seus vídeos? 
Prof. Fernando: Para ser sincero ainda estou procurando um formato que ao mesmo tempo agrade as pessoas e que seja bom o suficiente para ensinar com qualidade. Muita gente quer aprender Matemática mas não se dispõe a assistir mais de quatro minutos de vídeo. É difícil ensinar um assunto complexo em tão pouco tempo. Tento também não ser muito formal. Meu último vídeo mesmo, parece mais uma conversa do que uma aula. Quero tentar assim, aos poucos, tirar esse medo e raiva que as pessoas têm de Matemática.

O Pantaneiro: Há vídeos que abordam outros temas no canal, ou todos são voltados à Matemática?
Prof. Fernando: São majoritariamente sobre Matemática. Mas nem todos são videoaulas sobre conteúdos curriculares (fração, MMC, etc). Em alguns dos vídeos falo a respeito de programas que servem para digitar fórmulas matemáticas (LaTeX) ou como construir um programa que resolve as equações para nós. N’outros falo sobre o significado de alguns elementos da Matemática que às vezes repetimos uma vida toda sem saber o que significam. Por exemplo: raiz quadrada. 

O Pantaneiro: Quer deixar uma mensagem para os leitores do Pantaneiro?
Prof. Fernando: Essa terra é hospitaleira, de gente humilde e trabalhadora. Tenho muito orgulho de ser daqui. Assim como a Talita, do vôlei, e o Luiz Fernando, pesquisador de 19 anos com reconhecimento internacional, entre outros, quero um dia ser motivo de orgulho para os habitantes daqui. Conto e preciso demais do apoio de cada um nessa caminhada, porque estou apenas no começo. É difícil demais ter algum destaque no Brasil quando o assunto é Educação, em particular, Educação Matemática. Portanto, se puder acompanhar meu canal e divulgar meu trabalho aos alunos e professores, saiba que serei eternamente grato: youtube.com/Cafemática

Finalizando sua entrevista, sempre muito humilde, Fernando busca espaço para agradecer a todos que sempre o incentivaram. “Agradeço essa força de vontade que tenho em mudar alguma coisa nesse quadro em que o Brasil se encontra, primeiramente, à Deus. À minha família, que me apoia desde sempre, aos meus professores todos, em particular meu orientador no mestrado, professor Doutor Luiz Carlos Pais (o intelectual mais humano e paciente que já conheci), e aos amigos que venho encontrando nessa caminhada e que me ajudam não apenas acompanhando meu trabalho, como também o divulgando”, finalizou.

Arte feita pelo Fernando, entregue ao seu orientador, prof. Dr. Luiz Carlos Pais
Arte feita pelo Fernando, entregue ao seu orientador, prof. Dr. Luiz Carlos Pais
Arte feita pelo Fernando, entregue ao seu orientador, prof. Dr. Luiz Carlos PaisDa esquerda pra direita (Luciana, Fernando, Judite, Gabriel e José)Orgulho de ser professor brasileiro

Veja também

Mais Lidas

1
Anastácio

Suspeito de estuprar menina de 9 anos, idoso atraía criança com doces e refrigerante

2
Policial

Cavalos na pista podem ter provocado acidente com vítima fatal no Anel Viário

3
Policial

PMA autua fazendeiro paulista em R$ 320 mil por maus tratos ao deixar gado sem alimento

4
Policial

Trio é preso pela PM ao tentar levar carro locado para a Bolívia

Vídeos

Entrevista com os produtores do Longa-Metragem sobre Sasha Siemel

Tráfego de carretas no cruzamento da Duque de Caxias causa preocupação na população.

4ª Marcha pela Vida - Aquidauana MS

Ver mais Videos

Níveis dos Rios Hoje

Paraguai
3,40m
Miranda
2,74m
Aquidauana
5,64m

Colunas e Blogs

Valdemir Gomes

Difícil...

Giovani José da Silva

HISTÓRIAS DE ADMIRAR: INSENSATEZ

Robinson L Araujo

AMAR PARA SER AMADO

Ver Mais Colunas
498110751