A edição digital do jornal O Pantaneiro é restrita para assinantes.Assine
15 de Dezembro de 2017
Anuncie Aqui
8492
Esportes

Frevo dá bronze ao Brasil no dueto do nado sincronizado

27 JUL 2007 - 11h27min
uol

As brasileiras Caroline Hildebrandt e Lara Teixeira conquistaram a medalha de bronze na disputa de dueto do nado sincronizado dos Jogos Pan-Americanos, nesta sexta-feira, no Parque Aquático Maria Lenk.


Últimas a se apresentar, as brasileiras empolgaram o público, que se amontoou na metade da arquibancada que dava melhor visão à piscina, com coreografia baseada no frevo.


Antes delas, Andrea Nott e Christina Jones, dos Estados Unidos, haviam conseguido 95,500, cravando o ouro até então, à frente de Marie-Pier Bourdreau Gagnon e Isabelle Rampling, do Canadá, que tinham a prata com 95,089 pontos. Com esse cenário, Lara e Caroline saltaram n´água com a obrigação de superar as venezuelanas, que obtiveram 88,251, pelo pódio. Com 90, 067, a dupla assegurou o bronze.


"Nosso objetivo foi alcançado, a medalha de bronze era nossa meta. Acredito que nossa idéia de usar o frevo foi muito feliz, já que o público identificou os movimentos e se empolgou durante toda a apresentação. A gente queria muito isso, que a torcida se divertisse", comemorou Lara. "A torcida começou a nos aplaudir antes mesmo das norte-americanas saírem da piscina, o que foi muito emocionante."


Para Carol, a dupla melhorou as médias, o que foi o principal mérito da apresentação. "Treinamos muito. Até trancamos faculdade para a dedicação ser total ao Pan", disse a estudante de administração.


A dupla agora tem pela frente o pré-Olímpico, onde buscará uma vaga para Pequim. No Pan, somente as medalhistas de ouro se classificam para a Olimpíada.


Nesta manhã, foi realizada a segunda parte das finais, com a apresentação da rotina livre. é somada ao valor obtido na primeira exibição, de rotina técnica, para a obtenção das notas finais.


Na quarta-feira, o dueto brasileiro obteve a terceira colocação na apresentação da rotina técnica, de movimentos obrigatórios, que conta 50% da nota final. As brasileiras ficaram atrás apenas das norte-americanas e das canadenses, com 45.084 pontos, mas com certa desvantagem para as líderes. A dupla dos Estados Unidos obteve 47.250 e a do Canadá fechou o primeiro dia com 47.167.


Em Santo Domingo-2003, as gêmeas Carolina e Isabela de Moraes levaram o bronze em apresentação marcada pela superação. Na época, Carolina disputou com o pé quebrado, e chegou à piscina de cadeira de rodas. Também no Pan anterior, o Brasil terminou atrás de norte-americanas, que levaram o ouro, e canadenses, que ficaram com a prata. Em Winnipeg-99, a dupla brasileira também levou bronze.

Veja também

Mais Lidas

1
Anastácio

Corpo de ex-presidente da OAB de Aquidauana é encontrado carbonizado na BR-419

2
Anastácio

Suspeito da morte de ex-presidente da OAB é preso no Bairro Alto

3
Aquidauana

‘Muito alegre’: amigos lembram com carinho de Severino Alves de Moura

4
Aquidauana

Jornal divulga matéria e incomoda empresário, que solicita nota de esclarecimento

Vídeos

Entrevista com os produtores do Longa-Metragem sobre Sasha Siemel

Tráfego de carretas no cruzamento da Duque de Caxias causa preocupação na população.

4ª Marcha pela Vida - Aquidauana MS

Ver mais Videos

Níveis dos Rios Hoje

Aquidauana
6,11m
Miranda
7,09m
Paraguai
1,86m

Colunas e Blogs

Manoel Afonso

Odilon lidera, André o mais rejeitado

Robinson L Araujo

TENDO UM SONO RESTAURADOR

Rosildo Barcellos

Pequenas reflexões sobre o Biodireito

Ver Mais Colunas
498110446