06 de agosto de 2020
Anuncie Aqui
-->
Geral

Campo Grande adere à onda de protestos e fará ato contra escândalos na saúde

O foco da mobilização será o desvio de recursos públicos no tratamento do câncer

17 JUN 2013 - 06h01min
redação
Mesmo embaixo de chuva, cerca de 250 pessoas foram neste domingo (16) ao Parque das Nações Indígenas para marcar a adesão de Campo Grande à onda de protestos que atinge as capitais brasileiras. A capital sul-mato-grossense já tem data marcada para ir às ruas. Após os debates, o grupo marcou para o dia 20 ato contra escândalos na saúde. 
 
A data não foi escolhida à toa, no mesmo dia inicia o movimento ?Dia do Basta?, onde Campo Grande e outras cidades do País farão protestos em três dias consecutivos (20, 21 e 22) de protestos para parar o trânsito a fim de chamar a atenção das autoridades em diversos problemas e escândalos que acontecem pelo Brasil.
 
Em Campo Grande o foco da mobilização será o desvio de recursos públicos no tratamento do câncer nos hospitais Universitário e do Câncer. Antes de definir a saúde pública como pauta da manifestação também foi discutido outros assuntos como corrupção, PEC 37, representação do legislativo, executivo e outros.
 
Os movimentos usam as redes sociais para divulgar as ações e atrair apoiadores. Neste domingo, a maioria do público era de jovens e profissionais liberais. Gisela Fernandes, 51 anos, levou a filha de 17 anos, e se surpreendeu com a iniciativa.
 
?É a primeira vez que vejo isso em Campo Grande, isso que passei pelas Diretas Já?, comentou. Para ela, é preciso ?acabar com a corrupção e com briga entre a Câmara e o Executivo?. ?Isso não acrescenta em nada para o povo de Campo Grande?, disse, fazendo menção à crise entre o prefeito Alcides Bernal (PP) e os vereadores.
 
O estudante Edgar Palharia, de 17 anos, também aprovou a mobilização e disse que ?é necessário ir às ruas para discutir um futuro melhor?. Também estudante, André Luis, de 18 anos, comentou que ?todo o sistema tem um erro e temos que apontar a causa para resolver os problemas?.
 
No próximo dia 20, os manifestantes pretender se encontrar novamente, a partir das 17 horas, na praça Ary Coelho e depois na rua Rui Barbosa, esquina com avenida Afonso Pena, seguir até a Maracaju e voltar pela Rua 13 de Maio até a Ary Coelho no protesto contra o desvio de verba na saúde.
 
A onda de manifestações começou em São Paulo, Rio de Janeiro e Natal (RN) contra o aumento da tarifa no transporte coletivo. Houve confronto com a polícia e novos atos foram realizados, mais violentos e que acabaram tendo repercussão internacional.

(Com informações do site Midiamax)
 

Veja também

Mais Lidas

1
Anastácio

Luto: Familiares e amigos se despedem de Ênio do Carmo, funcionário dos Correios

2
Coronavírus

Aquidauanense morre vítima do coronavírus em Campo Grande

3
Aquidauana

Dona de casa flagra sucuri ‘atravessando’ a rua em Aquidauana

4
Política

Casanova lança pré-candidatura 100% digital à prefeitura de Aquidauana

Vídeos

Cães encontram droga escondida em estofado de veículo

Morador de Taunay encontra jaguatirica morta às margens da BR-262

Bombeiros de Aquidauana estão na operação para controle de grande incêndio no Pantanal

Ver mais Videos

Previsão do Tempo

Níveis dos Rios Hoje

Aquidauana
2,15m
Miranda
1,74m
Paraguai
1,52m

Colunas e Blogs

Valdemir Gomes

Quando...

Maria de Lourdes Medeiros Bruno

"NÃO ME..."

Manoel Afonso

Covid-19: Assusta candidatos, intimida eleitores!

Ver Mais Colunas

Guia Cidade

Óticas

Óptica View - Lentes de Contato

Rua Manoel Antônio Paes de Barros, 360 Centro - 79200-000 Aquidauana/MS (67) 3241-7460
Bancos

Banco do Brasil

Rua Manoel Antônio Paes de Barros, 535 Centro - 79200-000 Aquidauana/MS (67) 3241 - 3606 / 3 www,bb,com.br
Fotografias - LAB.

Vivid Estúdio Fotográfico

XV de Agosto, 339 alto - 79200-000 Aquidauana/MS 3241-4444 http://www.vividfoto.com.br
Ver Mais