A edição digital do jornal O Pantaneiro é restrita para assinantes.Assine
21 de julho de 2019
Anuncie Aqui
8828-->
Geral

Carvoeiros protestam contra rigor ambiental em MS

9 AGO 2007 - 11h12min
midia max news

Donos de carvoarias de várias cidades de Mato Grosso do Sul protestam nesta manhã na Avenida Mato Grosso, na entrada do Parque dos Poderes, em Campo Grande, contra as dificuldades impostas para conseguir a autorização para funcionamento das carvoarias. Eles pararam as carretas na avenida e tentaram realizar uma carreata na Capital.


Oldemar Rodrigues, dono de uma carvoaria no Estado, afirmou que a lei prevê cerca de 40 dias para a homologação do processo de registro da carvoaria, entretanto, em alguns casos, eles precisam esperar mais de um ano para obter a autorização.


No Estado, são cerca de 700 carvoarias e somente 150 são registradas. As outras, segundo Oldemar Rodrigues, ainda tentam obter a autorização para funcionamento. Eles também protestam contra ações como a da PMA (Polícia Militar Ambiental) que fechou pelo menos 105 carvoarias neste ano em Mato Grosso do Sul.


Participam do protesto carvoeiros das cidades de Três Lagoas, Inocência, Paranaíba, Água Clara, Selviria, Coxim, Aparecida do Taboado, Nova Andradina e outras. Eles pretendem entregar um documento ao governador André Puccinelli (PMDB) e para a Semac (Secretaria Estadual de Meio Ambiente, das Cidades, do Planejamento, da Indústria, do Comércio e do Turismo) contendo as reivindicações da categoria.


Segundo Oldemar, a categoria dos carvoeiros é produtiva e gera muitos impostos para o Estado. "Não somos bandidos", afirmou. Ele explicou ainda que não sabe por quais motivos os produtores rurais donos de carvoarias estão com tantos processos na Justiça.


Eles reivindicam que o prazo de 40 dias para autorização de funcionamento das carvoarias seja cumprido e que seja implantada uma lei que regularize a atividade no Estado. As carvoarias, segundo Oldemar, acumulam cerca de 30 mil funcionários e geram 4 milhões de impostos ao Estado por mês.


Os donos das carvoarias reclamam ainda que a mídia está denegrindo a imagem dos produtores. Eles explicam que o carvão vegetal é produzido através de materiais perdidos, sem prejudicar o meio-ambiente.


Policiais militares da Cigcoe (Companhia Independente de Gerenciamento de Crises) acompanham o manifesto. Um representante do Governo também está no local para negociar com os produtores.
 

 

Veja também

Mais Lidas

1
Policial

Getam flagra motorista furando sinal em alta velocidade em Aquidauana

2
Policial

Mulher se separa de marido violento e passa a ser ameaçada por ele

3
Policial

Polícia Civil, PM e PRF prendem ladrões de joalheria e recuperam jóias roubadas

4
Policial

Ex-goleiro Bruno sai da prisão e vai para o semiaberto

Vídeos

Ministro do Turismo lança em Bonito programa para geração de empregos e renda no MS

Com atrações tradicionais e elenco de programa de TV, circo é atração para família

Bombeiros resgatam gatinhos presos no motor de veículo

Ver mais Videos

Previsão do Tempo

min21 max33

Aquidauana

Sol com algumas nuvens. Não chove.
min21 max33

Anastácio

Sol com algumas nuvens. Não chove.

Níveis dos Rios Hoje

Aquidauana
2,75m
Miranda
2,73m
Paraguai
3,91m

Colunas e Blogs

Valdemir Gomes

Quero...

Fausto Matogrosso

O Brasil diante do mundo

Giovani José da Silva

HISTÓRIAS DE ADMIRAR: EDUCAÇÃO, QUEM PRECISA?

Ver Mais Colunas

Guia Cidade

Pousadas

Pousada Aguapé

Estrada da Margem Esquerda, ------ ------- - 79200-000 Aquidauana/MS (67) 686-1036 / 9986 www.pousadaaguape.com.br
Médicos

Carlos Eduardo Nunes - Anestalsiologista

Hospital da Cidade, - 79200-000 Aquidauana/MS (67) 3241-3636
Cyber Cafés

Iterative - Cyber, Lan House e Vídeo Locadora

Estevão Alves Corrêas - sala 01, 1157 Alto - 79200-000 Aquidauana/MS (67) 3241-1312
Ver Mais
508110743