A edição digital do jornal O Pantaneiro é restrita para assinantes.Assine
15 de setembro de 2019
Anuncie Aqui
8834-->
Geral

Conta telefônica trará comparação de preços

1 AGO 2007 - 10h33min
info

Os donos de linhas telefônicas fixas devem pedir às operadoras o detalhamento das contas, para conhecer o impacto da cobrança nas chamadas fixas locais, agora em minutos e não mais em pulsos.


O alerta é do advogado Luiz Fernando Moncau, do Instituto de Defesa do Consumidor (Idec).


Por exigência da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), esclareceu, o consumidor tem direito a receber, na primeira conta cobrada em minutos, uma comparação detalhada entre o novo e o antigo sistema. "O consumidor tem que pedir às operadoras e precisa ficar atento, para não pagar mais caro", lembrou.


Para Moncau, o ideal seria que as empresas fossem obrigadas a enviar a comparação. "O próprio Código de Defesa do Consumidor estabelece que o consumidor tem direito à informação quando adquire um novo serviço, mas não foi isso que as operadoras e Anatel entenderam", comenta.


Ontem (31), terminou o prazo para as operadoras alterarem o sistema de tarifação. A Anatel criou duas opções para os assinantes: o Plano Básico e o Plano Alternativo de Serviço de Oferta Obrigatória. As operadoras enviaram cartas aos donos das linhas avisando da mudança, mas quem não fez a escolha foi automaticamente incluído no primeiro plano.


Na avaliação do advogado, o percentual dos que optaram pelo segundo revela a desinformação dos consumidores. "As próprias operadoras divulgaram que apenas 5% dos assinantes escolheram o Plano Alternativo. Isso ocorreu porque as contas de telefone quase não têm trazido informações sobre a mudança nem detalhado o perfil do usuário", criticou.


No sistema de pulsos, as ligações locais entre telefones fixos eram tarifadas a cada quatro minutos. Nos dois planos criados pela Anatel, a cobrança passou a ser feita por minuto, como ocorre com as chamadas interurbanas e internacionais e nas ligações de celulares, mas o cálculo da tarifa varia conforme o sistema escolhido.


No Plano Básico, o minuto custa entre R$ 0,09 e R$ 0,10. No Alternativo, fica entre R$ 0,03 e R$ 0,04, mas existe uma tarifa equivalente a quatro minutos cobrada assim que a ligação é atendida.


A orientação do Idec é para opção pela Plano Básico por quem costuma fazer chamadas de menos de dois minutos e meio . Acima disso, sugere o advogado, o melhor é mudar para o Alternativo. "Uma ligação de 15 minutos no Plano Básico custará o dobro em relação ao sistema de pulso", advertiu. E também aconselhou quem usa internet discada a migrar para o novo plano.


Por meio da assessoria, a Anatel informou que não exigiu o envio das contas detalhadas a todos os usuários, a fim de evitar o gasto excessivo de papel, com custos econômicos e ecológicos. Ressaltou, no entanto, que o usuário pode pedir o detalhamento da conta, com envio gratuito.


A agência destacou que a cobrança por minutos permitirá maior controle dos assinantes sobre as ligações, porque no sistema anterior o consumidor pagava um pulso inteiro a mais, mesmo se a chamada ultrapassasse em poucos segundos o intervalo de quatro minutos.

 

Veja também

Mais Lidas

1
Aquidauana

Mãe entra em contato com O Pantaneiro para saber paradeiro de filho

2
Policial

‘Valentão’ tira a camisa e parte para cima de policiais dizendo que é advogado

3
Policial

Foragido espanca esposa na qual já deu tiro no olho e é preso em flagrante

4
Aquidauana

Bazar da Manu acontece neste sábado no salão da Nossa Senhora das Dores

Vídeos

Celebração de casamento é marcada por cerimônia tradicional de cultura africana

Mulheres tentam entrar em presídio de Dois Irmãos do Buriti com celulares dentro de TVs

Com dedicação e disciplina, Marcos Henrique conquista 1º contrato profissional

Ver mais Videos

Previsão do Tempo

min21 max39

Aquidauana

Sol com algumas nuvens. Não chove.
min21 max39

Anastácio

Sol com algumas nuvens. Não chove.

Níveis dos Rios Hoje

Aquidauana
2,23m
Miranda
1,90m
Paraguai
3,03m

Colunas e Blogs

Valdemir Gomes

É...

Giovani José da Silva

HISTÓRIAS DE ADMIRAR: O QUE TEMOS A COMEMORAR EM MAIS ...

José Pedro Frazão

A última batalha do Analista de Taunay

Ver Mais Colunas

Guia Cidade

Médicos

Solange A. Pellegrino - Psiquiatra

Marechal Mallet, 567 Centro - 79200-000 Aquidauana/MS (67) 3241-3114
Salões e Cabeleireiros

Salão Imagem

Rua Theodoro Rondon, 823 Centro - 79200-000 Aquidauana/MS (67) 3241-1128
Restaurantes

Churrascaria O Laçador I

AV. Integração, 601 centro - 79210-000 Anastácio/MS (67) 3245 0114
Ver Mais
508510754