A edição digital do jornal O Pantaneiro é restrita para assinantes.Assine
25 de junho de 2018
Anuncie Aqui
8494
Paranhos

Desdobramento da “Operação Toque de Midas I” resulta em bloqueio de bens

Fraude em licitações para compra de gêneros alimentícios para a merenda escolar em Paranhos motivaram as investigações

9 AGO 2017 - 08h02min
Redação

O Juiz titular da Vara Única da Comarca de Sete Quedas decretou a indisponibilidade de bens de pessoas físicas e jurídicas investigadas conjuntamente pelo GECOC (Grupo Especial de Combate à Corrupção) e a Promotoria de Justiça de Sete Quedas (MS), por envolvimento em fraude em licitações para compra de gêneros alimentícios para a merenda escolar no Município de Paranhos (MS).

A medida, decretada na Ação Civil Pública por Ato de Improbidade Administrativa movida em face dos investigados, é desdobramento da "Operação Toque de Midas I", desencadeada pelo GECOC conjuntamente com a Polícia Federal e Controladoria-Geral da União no mês de abril deste ano. Durante a operação, foram cumpridos mandados de busca e apreensão na sede da Prefeitura Municipal de Paranhos e de algumas empresas localizadas naquele Município e na cidade de Ponta Porã, bem como mandado de condução coercitiva de um servidor público municipal.

A investigação e a Ação Civil Pública derivaram de informações colhidas pela CGU durante fiscalização realizada no Município de Paranhos, que identificou irregularidades em dois Pregões Presenciais realizados no ano de 2015. Durante a análise dos documentos, foi constatado pela CGU superfaturamento na aquisição de gêneros alimentícios, bem como indícios de montagem nos procedimentos licitatórios, inclusive com a falsificação de documentos.
A investigação apurou prejuízo estimado na ordem de R$ 1.723.286,08.

Com a Ação Civil Pública, o Ministério Público Estadual pleiteia não só o ressarcimento dos prejuízos causados, como também a condenação dos envolvidos no pagamento de multa civil, perda dos direitos políticos, proibição de contratar com o Poder Público e perda da função pública.

Veja também

Mais Lidas

1
Anastácio

Homem é preso por agredir e perseguir mulher em Anastácio

2
Policial

Bêbado com som alto é preso em Aquidauana por desacato

3
Policial

Homem morre após ser esfaqueado no pescoço durante briga em bar

4
Policial

Suspeito de abandonar carro com maconha é preso pedindo carona

Vídeos

Entrevista com os produtores do Longa-Metragem sobre Sasha Siemel

Tráfego de carretas no cruzamento da Duque de Caxias causa preocupação na população.

4ª Marcha pela Vida - Aquidauana MS

Ver mais Videos

Níveis dos Rios Hoje

Paraguai
5,23m
Miranda
3,31m
Aquidauana
2,89m

Colunas e Blogs

Maria de Lourdes Medeiros Bruno

Maldade! Esqueceram da Lei do Retorno!

Valdemir Gomes

O...

Robinson L Araujo

A VERDADE DO REINO DE DEUS E A CONSEQUÊNCIA EM AGIR DI...

Ver Mais Colunas
498110476