A edição digital do jornal O Pantaneiro é restrita para assinantes.Assine
20 de Agosto de 2017
Anuncie Aqui
8459
Geral

Encontro reúne gestoras municipais de políticas para as mulheres

26 MAI 2017 - 16h58min
Redação

Buscando fortalecer os organismos municipais de políticas para mulheres do Mato Grosso do Sul, a Subsecretaria de Políticas Públicas para as Mulheres do Governo do Estado (SPPM/MS), ligada à Secretaria de Cultura e Cidadania (SECC), promove nesta sexta-feira (26.5), na sala de reuniões do Sebrae, o “Encontro Estadual de Gestoras Municipais de Políticas para Mulheres”.

Participam gestoras dos municípios de Amambai, Aquidauana, Bataguassu, Batayporã, Campo Grande, Corumbá, Dois Irmãos do Buriti, Dourados, Guia Lopes da Laguna, Itaquiraí, Ivinhema, Japorã, Jardim, Ladário, Naviraí, Nioaque, Nova Alvorada do Sul, Ponta Porã, Rio Brilhante, Rio Verde de Mato Grosso e São Gabriel do Oeste.


Com o tema “O protagonismo dos OPMs no fortalecimento das políticas para mulheres e no enfrentamento à violência contra mulheres”, o encontro começou nesta quinta-feira (25), com falas temáticas de representantes de órgãos parceiros como o Conselho Estadual dos Direitos da Mulher de MS (CEDM/MS), a Agência de Desenvolvimento Agrário e Extensão Rural de MS (Agraer) e a Polícia Civil de Mato Grosso do Sul.

Visando o empoderamento das gestoras, o fortalecimento dos OPMs e o amplo debate sobre o papel das políticas públicas na promoção da autonomia das mulheres, o evento realizou ontem palestras com os temas: “Assédio Sexual e Moral contra Mulheres” e na sequência “Empreendedorismo Feminino”. Já no encontro de hoje, o dia é de trabalho. As coordenadoras farão a redação e aprovação da “Carta de Recomendações das Gestoras Municipais de Políticas para Mulheres do Estado de Mato Grosso do Sul”.

“Aqui fazemos um amplo debate sobre o papel das políticas públicas na promoção da autonomia das mulheres, sempre com foco no enfrentamento a todas as formas de violência contra as mulheres, discutindo empoderamento, gestão e política. A ideia é que daqui surjam também novos projetos e que elas possam elencar atividades e programas”, conta a Subsecretaria de Políticas Públicas para as Mulheres, Luciana Azambuja, que durante o dia explicou sobre a adesão dos municípios à campanha “Agosto Lilás” e a implementação do programa “Maria da Penha vai à Escola” no interior.

Troca de saber

Para algumas gestoras, a troca de experiências e intercâmbio de informações entre elas e a equipe da SPPM é um dos momentos mais importantes da reunião. “É muito importante essa troca de informação, lá em Ponta Porã quase não tenho contato com outras gestoras. Já aqui posso saber o que acontece na cidade delas e trazer para a minha o que for de bom. Tem regiões onde gestoras estão há muitos anos nesta luta, nós que estamos começando temos muito para aprender com essas mulheres”, reconhece a atual coordenadora de políticas públicas para as mulheres de Ponta Porã, Ariadne Lauxen.

Da mesma opinião compartilha quem já está há mais de duas décadas na militância do combate à violência contra a mulher: “Discutir e propor alternativas de programas e ações de combate à violência nunca é demais. Mesmo com anos de experiência, o aprendizado nunca acaba. Pelo contrário, só nos fortalece. Somos protagonistas na construção de uma sociedade mais justa”, afirmou Lindinalva Machado, coordenadora de políticas públicas para as mulheres de Ivinhema.

Veja também

Mais Lidas

1
Aquidauana

PM prende ladrão de bicicleta no Centro de Aquidauana e recupera pertence

2
Aquidauana

"Briga de faca" termina com dois homens feridos no Bairro Alto, atrás da rodoviária

3
Aquidauana

Homem ameaça vizinha com faca por causa de som alto na Vila Eliane

4
Gente

Paratleta da Pestalozzi conquista autonomia e roda a cidade de triciclo

Vídeos

Indígenas fecham BR-262, acesso a Taunay

3º Desafio Mountain Bike - Piraputanga MS

18 Festival de Inverno de Bonito

Ver mais Videos

Níveis dos Rios Hoje

Aquidauana
3,30m
Miranda
2,12m
Paraguai
4,24m

Colunas e Blogs

Pedro Puttini Mendes

Imposto Territorial Rural de 2017: muda o ano, os probl...

Valdemir Gomes

Tamanduá...

Maria de Lourdes Medeiros Bruno

Aquidauana...quais caminhos percorrerá?

Ver Mais Colunas
481710485