A edição digital do jornal O Pantaneiro é restrita para assinantes.Assine
18 de fevereiro de 2019
Anuncie Aqui
8494
Geral

FTI/MS e Sindicato do Couro denunciam pseudos sindicalistas

2 AGO 2007 - 14h22min
assessoria de comunicação

A Federação dos Trabalhadores nas Indústrias de Mato Grosso do Sul - FTI/MS e o Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias do Curtimento de Couros e Peles e Artefatos de Couro do Estado de Mato Grosso do Sul, denunciam a manobra de pseudos sindicalistas que estariam infringindo a lei e tentando criar um "sindicato único", paralelo a este, já existente, que congrega os trabalhadores que trabalham nos curtumes do Estado.


De acordo com panfleto distribuído a trabalhadores nas indústrias, o "sindicato único" teria sido criado durante assembléia geral da categoria no dia 22 de julho em Campo Grande elegendo e empossando ao mesmo tempo, 24 pessoas ao cargo de diretoria.


A FTI/MS e o sindicato do couro devidamente legalizado, denunciam que os pseudos sindicalistas já teriam enviado ofício a algumas indústrias comunicando a eleição e posse desses membros da diretoria e já solicitando a estabilidade provisória no emprego durante o mandato. Vale ressaltar que nenhum pedido de registro desse "sindicato único" foi verificado junto ao Ministério do Trabalho e Emprego, o que caracteriza má fé desses funcionários em já buscarem privilégios quando os meios legais não foram tramitados.


O líder sindical Eribelton Freitas, presidente do Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias do Curtimento de Couros e Peles e Artefatos de Couro de Mato Grosso do Sul, disse que a tentativa de implantação do "sindicato único" é ilegal, uma vez que a lei não permite dois sindicatos de uma mesma categoria.


Ele disse que a Assessoria Jurídica da entidade já está tomando providências no sentido de impugnar qualquer tentativa neste sentido. Disse também que sua entidade tem lutado pelos direitos dos trabalhadores e sempre tem avançado nas negociações e que as intenções do "sindicato único" devem ser políticas ou de interesse estritamente pessoal e nunca em benefício do próximo, do trabalhador. "O momento é de somar forças e não de dividir a categoria. Se essas pessoas quisessem mesmo trabalhar em benefício da classe, teriam nos procurado", comentou o líder sindical.

 (67) 99984.6000

Veja também

Mais Lidas

1
Aquidauana

Mulher e adolescente são flagrados com pasta base de cocaína em Aquidauana

2
Aquidauana

Pista no entorno do Ginásio Poliesportivo de Aquidauana é alvo de vândalos

3
Aquidauana

Jornal O Pantaneiro disponibiliza canal para denúncias e sugestões

4
Esportes

Aquidauanense perde por 3 a 1 para o Corumbaense no Arthur Marinho

Vídeos

1º Leilão Direito de Viver

Ciclista sofre fratura após ser atropelado por caminhão

Despedida do Pe. Thiago Machado

Ver mais Videos

Previsão do Tempo

min21 max35

Aquidauana

Sol e aumento de nuvens de manhã. Pancadas de chuva à tarde e à noite.
min21 max35

Anastácio

Sol e aumento de nuvens de manhã. Pancadas de chuva à tarde e à noite.

Níveis dos Rios Hoje

Paraguai
2,52m
Miranda
5,26m
Aquidauana
2,66m

Colunas e Blogs

Valdemir Gomes

Aqui...

Robinson L Araujo

QUANDO A FAMÍLIA FAZ DO PERDÃO UMA PONTE DE RESTAURA...

Raquel Anderson

Morrer na lama!

Ver Mais Colunas

Guia Cidade

Bares/Panificadoras/Lanchonetes

Pastelaria Mineira

Rua Augusto Mascarenhas, 543 Centro - 79200-000 Aquidauana/MS (67) 3241-1613
Hotéis

Pousada Portal da Serra

Rua Marechal Mallet, 885 Centro - 79200-000 Aquidauana/MS (67) 3241-1809 / 991
Médicos

Luiz Roberto P. Marti - Ginecologista

Rua Manoel Antonio Paes de Barros, 1032 Centro - 79200-000 Aquidauana/MS (67) 3241-3129
Ver Mais
508110642