A edição digital do jornal O Pantaneiro é restrita para assinantes.Assine
24 de fevereiro de 2018
Anuncie Aqui
8498
Geral

Inpe aponta aumento de 71% nos focos de calor em MS em relação a 2016

Números são referentes aos primeiros treze dias do mês de julho – início da temporada crítica para incêndios florestais – em comparação ao mesmo período no ano anterior

14 JUL 2017 - 14h36min
Redação

Os primeiros treze dias de julho apresentaram aumento de 71% nos focos de calor em relação ao mesmo período do ano passado, segundo dados do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe).

Do primeiro dia do mês até ontem (13.07), foram registrados 358 focos de calor em todo o Estado. A maior parte deles no município de Corumbá. Em 2016, nesse mesmo período, foram somente 209 focos.

O monitoramento considera somente os dados registrados pelo satélite Aqua – referência em incêndios florestais. Na contagem, são considerados todos os pontos com temperatura acima de 47º Celsius.

As informações auxiliam o Corpo de Bombeiros em ações preventivas caso os focos de calor se transformam em incêndios florestais. O monitoramento tem atualização diária e está disponível no site do Inpe, pelo link.

Veja também

Mais Lidas

1
Policial

Briga entre vizinhos ocasionou assassinato no bairro Nova Aquidauana

2
Cheia do Rio Aquidauana

Motorista utiliza estrada de acesso a Piraputanga e cratera “engole” veículo

3
Cheia do Rio Aquidauana

Nível do rio Aquidauana apresentou uma elevação nessa manhã

4
Aquidauana

Reunião com frente de trabalho define atendimento às famílias desabrigadas

Vídeos

Entrevista com os produtores do Longa-Metragem sobre Sasha Siemel

Tráfego de carretas no cruzamento da Duque de Caxias causa preocupação na população.

4ª Marcha pela Vida - Aquidauana MS

Ver mais Videos

Níveis dos Rios Hoje

Paraguai
2,68m
Aquidauana
9,25m
Miranda
6,90m

Colunas e Blogs

Valdemir Gomes

Preciso...

Robinson L Araujo

FORTALECENDO O RELACIONAMENTO DENTRO DO CASAMENTO

Giovani José da Silva

HISTÓRIAS DE ADMIRAR: PELAS ESTRADAS DA VIDA (E DE MAT...

Ver Mais Colunas
498110539