A edição digital do jornal O Pantaneiro é restrita para assinantes.Assine
19 de setembro de 2019
Anuncie Aqui
8834-->
Geral

MS é o Estado com maior número de bovinos rastreados do País

14 AGO 2007 - 07h17min
midia max news

Levantamento divulgado pelo Mapa (Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento) revela que Mato Grosso do Sul lidera o ranking de animais incluídos no Sisbov (Serviço Brasileiro de Rastreabilidade da Cadeia Produtiva de Bovinos e Bubalinos) com 1,45 milhão de cabeças. Na prática, equivale dizer que os pecuaristas do Estado fizeram um investimento de aproximadamente R$ 5 milhões, levando em consideração um custo de R$ 4,00 por cabeça rastreada.


Ainda de acordo com o levantamento do Mapa, aparecem logo atrás de Mato Grosso do Sul os Estados de Mato Grosso, com 1,341 milhão de cabeças rastreadas, e Goiás, com 1,333 milhão. De acordo com o presidente da Famasul (Federação de Agricultura de Mato Grosso do Sul), Ademar da Silva Júnior, esse número não é de se estranhar, já que o Estado conta com 25 milhões de animais e possui uma pecuária qualificada.


No entanto, Ademar Jr. acrescenta que é preciso aumentar ainda mais esse número, pois já era necessário que pelo menos 50% do rebanho do Estado estivesse incluído no Sisbov. Ele ressalta que um dos fatores que está atrasando essa identificação é o custo, já que gira em torno de R$ 4,00 por cabeça. "O sistema ainda não está simplificado e dificulta a inserção", explica.


Segundo o coordenador de Sistemas de Rastreabilidade do Mapa, Serguei Brener, Mato Grosso do Sul tem o maior número de animais vivos incluídos no novo sistema, correspondendo a um total de 8,5 milhões de animais no banco de dados do antigo Sisbov e 1,450 milhão no sistema atual. "Os pecuaristas do Mato Grosso do Sul estão na expectativa da abertura do mercado externo e estão se antecipando", avaliou o coordenador referindo-se à possibilidade de o Estado voltar a exportar carne após o controle dos focos de febre aftosa ocorridos em 2005.


Atualmente, 54 países exigem a rastreabilidade para importar carne, incluindo a União Européia. O prazo para os pecuaristas aderirem ao novo Sisbov termina no dia 31 de dezembro deste ano. Em todo o País, 53 empresas estão autorizadas pelo Ministério da Agricultura para fazer a certificação. "Os animais que não migrarem serão excluídos do sistema após a data limite. As datas estão sendo rigorosamente cumpridas", alertou Brener, revelando que 72 milhões de animais estavam registrados no antigo Sisbov.

 

Veja também

Mais Lidas

1
Aquidauana

Caminhão bate em pedra e deixa mulher presa nas ferragens em Aquidauana

2
Policial

Vizinho é preso após invadir casa, agredir e tentar estuprar jovem que estava sozinha

3
Aquidauana

Inmet aponta para previsão de chuva nesta quarta-feira em Aquidauana

4
Aquidauana

Ladrões invadem fazenda em Aquidauana e furtam bombas e tambores

Vídeos

Celebração de casamento é marcada por cerimônia tradicional de cultura africana

Mulheres tentam entrar em presídio de Dois Irmãos do Buriti com celulares dentro de TVs

Com dedicação e disciplina, Marcos Henrique conquista 1º contrato profissional

Ver mais Videos

Previsão do Tempo

min22 max40

Anastácio

Sol com algumas nuvens. Não chove.

Níveis dos Rios Hoje

Aquidauana
2,23m
Miranda
1,84m
Paraguai
2,80m

Colunas e Blogs

Valdemir Gomes

Como...

Giovani José da Silva

HISTÓRIAS DE ADMIRAR: O QUE TEMOS A COMEMORAR EM MAIS ...

José Pedro Frazão

A última batalha do Analista de Taunay

Ver Mais Colunas

Guia Cidade

Studio e Gravações

Alternativa Studio

Pandia Calogeras, s/n Centro - 79200000 Anastácio/MS (67) 8115 8680
Pousadas

Fazenda Barranco Alto

Rio Negro, ------ ------- - 79200-000 Aquidauana/MS (67)9986-0373 www.fazendabarrancoalto.com.br
Bares/Panificadoras/Lanchonetes

Conveniência Millênium

Rua Sete de Setembro, s/n Guanandy - 79200-000 Aquidauana/MS (67) 3241-6346 / 840
Ver Mais
508110666