A edição digital do jornal O Pantaneiro é restrita para assinantes.Assine
28 de maio de 2020
Anuncie Aqui
-->
Geral

Omissão de pais em caso de pitbull que matou criança será investigada

Ataque aconteceu na noite de ontem, quando a criança estava brincando na área da casa onde o cachorro costumava ficar solto

7 FEV 2019 - 17h00min
Campo Grande News

A Polícia Civil de Antônio João, cidade a 270 km de Aquidauana, vai apurar se os pais da menina de 8 meses, atacada por um cachorro da raça Pitbull, na noite desta quarta-feira (6), cometeram omissão de cautela na guarda do animal. A criança sofreu ferimentos graves, foi socorrida pela família, mas morreu no hospital.
A delegada Marianne Cristine de Souza, titular da delegacia do município, explicou que o caso foi registrado como morte a esclarecer, que exames necroscópicos foram feitos e agora familiares da menina serão ouvidos para esclarecer como o ataque aconteceu e quem estava na casa no momento.

“Vamos investigar de alguma forma houve essa omissão”, contou. Segundo a delegada, informações iniciais são de que depois do ataque, o animal foi levado pela família para uma propriedade rural, isso para que a mãe da menina conseguisse voltar para casa.

Parente da mãe da criança, que preferiu não se identificar, contou à reportagem que a família tinha o cachorro há muito tempo, que sempre foi dócil e estava acostumado com a bebê. Segundo a mulher, a tia tem outro filho, de 18 anos, mas sonhava em ser mãe de uma menina.

Conforme a delegada, a morte da criança deixou os moradores da cidade abalados. “A família é conhecida, a cidade toda está em luto”. O ataque aconteceu na noite de ontem, quando a criança estava brincando na área da casa onde o cachorro costumava ficar solto.

Ela foi mordida em várias partes do corpo e foi socorrida pela mãe até o Hospital Municipal da cidade. Segundo a unidade de saúde, a bebê deu entrada no local por volta das 20h40 em estado gravíssimo e perdendo massa encefálica. Os médicos preparavam a transferência para um hospital de Ponto Porã quando ela morreu.

O crime de omissão de cautela de animais está previsto no artigo 31 da lei das contravenções penais e o caso é investigado em segredo de justiça.

 

 

Veja também

Mais Lidas

1
Aquidauana

Bombeiros arrancam porta de carro para resgatar vítima de acidente em Aquidauana

2
Aquidauana

Paciente de 51 anos que viajou é caso suspeito de coronavírus em Aquidauana

3
Policial

Golpistas se passam por bancários e dão prejuízo de R$ 10 mil em Aquidauana

4
Policial

Servidor da Saúde Indígena em MS é preso transportando maconha em viatura

Vídeos

Cães encontram droga escondida em estofado de veículo

Morador de Taunay encontra jaguatirica morta às margens da BR-262

Bombeiros de Aquidauana estão na operação para controle de grande incêndio no Pantanal

Ver mais Videos

Previsão do Tempo

min12 max26

Aquidauana

Sol o dia todo sem nuvens no céu. Noite de tempo aberto ainda sem nuvens.
min12 max26

Anastácio

Sol o dia todo sem nuvens no céu. Noite de tempo aberto ainda sem nuvens.

Níveis dos Rios Hoje

Aquidauana
3,44m
Miranda
4,80m
Paraguai
1,89m

Colunas e Blogs

Valdemir Gomes

O...

Maria de Lourdes Medeiros Bruno

"CITAÇÕES DE CLARICE LISPECTOR"

Robinson L Araujo

EM TEMPOS DE PANDEMIA, O LAR DEVERIA SER O MELHOR REFÚ...

Ver Mais Colunas

Guia Cidade

Agências de Viagem e Operadoras

Buriti Viagens e Turismo

Manoel Antonio de Barros, 720 Centro - 79200-000 Aquidauana/MS (67) 3241 2718
Advocacia

Dr. Jair dos Santos Pelicioni / Dr. Jonas Marinho Pelicioni

Rua Manoel Aureliano da Costa, 634 Centro - 79200-000 Aquidauana/MS (67) 3241-6226 / 812
Hospitais/Postos de Saúde

FUNRURAL - Associação Beneficente Ruralista

Rodovia Aquidauana - CERA, Km 04, - 79200-000 Aquidauana/MS (67) 3241- 4123 / 32
Ver Mais