A edição digital do jornal O Pantaneiro é restrita para assinantes.Assine
24 de Abril de 2017
Anuncie Aqui
8189

Trabalhador é resgatado da condição análoga à de escrava em Vicentina

Acordo com o MPT resultou em pagamento de verbas rescisórias e anotação na carteira de trabalho

27 OUT 2016 - 10h00min
Da Redação - Com informações assessoria
Um homem de 54 anos foi resgatado da condição análoga à de escravo em propriedade rural no município de Vicentina, interior de Mato Grosso do Sul. Ele trabalhava na atividade de corte de eucalipto.
 
Conforme relato, o obreiro estava doente e, mesmo assim, era forçado a permanecer no local de trabalho por medo de ser morto pelo empregador. O homem vivia em condições sub-humanas, bebendo água de represa, tomando banho em córrego e dormindo sobre madeiras cobertas por lona.
 
Ao receber a denúncia, o procurador do Trabalho em Dourados Jeferson Pereira acionou o Departamento de Operações de Fronteira (DOF), que fez o resgate do trabalhador.
 
O Ministério Público do Trabalho então firmou Termo de Ajustamento de Conduta com os infratores, sendo anotado na Carteira de Trabalho e Previdência Social (CTPS) o tempo em que o obreiro ficou à disposição do empregador ? cerca de três meses ?. O valor de R$ 5.467,18 foi pago a título de verbas rescisórias e de indenização por danos morais.

Veja também

Mais Lidas

1
Policial

Vítimas de chacina são evangélicos; um pastor está entre os mortos

2
Policial

Van que transportava alunos de Dois Irmãos do Buriti é retida pela PRF

3
Policial

Jovem é preso na Nova Aquidauana por esconder cocaína e maconha em buraco no quintal da casa

4
Policial

Garota tenta beijar outra garota e caso vai parar na Polícia

Vídeos

Blitz educatica frente ao Exercito

Sucuri de três metros é capturada em Anastácio-MS

Blitz educativa Aquidauana-MS

Ver mais Videos

Níveis dos Rios Hoje

Aquidauana
3,78m
Miranda
2,99m
Paraguai
2,68m
Rio Cuiabá
3,76m
Rio Taquari
4,37m

Colunas e Blogs

Maria de Lourdes Medeiros Bruno

Conversa fiada, afinada e afiada!!!!!!!!!!!!

Raquel Anderson

Pequeno profundo diário IV

Giovani José da Silva

HISTÓRIAS DE ADMIRAR: FIM DOS TEMPOS?

Ver Mais Colunas
472810558