Aquidauana

IFMS inicia atividades do Mulheres Mil em Aquidauana

Programa atende mulheres em situação de vulnerabilidade social. Aulas serão oferecidas duas vezes por semana

08/06/2013 08:00


O campus Aquidauana do IFMS (Instituto Federal de Mato Grosso do Sul) realizou, na última segunda-feira (03), a aula inaugural do Programa Mulheres Mil no município. Serão atendidas 100 mulheres em situação de vulnerabilidade social, com os cursos de empreendedorismo e confecção de faixa pantaneira.
 
De acordo com a gestora do programa, Hilda Romero, a oferta contempla a demanda local e estimula a preservação da cultura da região. ?Muitas vezes, as mulheres recebem formação sem haver mudança significativa de vida, já que não conseguem gerir a renda. O curso de empreendedorismo busca sanar esse problema?, comentou Hilda.
 
Quanto à confecção de faixa pantaneira, cinta usada pelos peões das comitivas para carregar facas e dar suporte à coluna durante as cavalgadas, Hilda explica que a oferta é um reconhecimento do saber. ?A maioria das mulheres já sabe trabalhar com este artesanato. Vamos ajudá-las a aprimorar o conhecimento que elas detêm?.
 
Além de oferecer qualificação profissional, o Mulheres Mil aborda temas como saúde e direito da mulher, noções básicas de português, matemática, informática e história de Aquidauana. Os cursos têm carga horária de 160 horas.
 
As aulas serão oferecidas duas vezes por semana, nas Escolas Cândido Mariano e Marly Russo Rodrigues.
 
Solenidade
 
Durante a aula inaugural, o diretor-geral do campus Aquidauana, Delmir Felipe, destacou a importância do programa. ?A elevação da escolaridade dessas mulheres provoca uma mudança de perspectiva de vida, pois melhora a autoestima e isso provoca uma série de consequências positivas?, argumentou.
 
Delmir citou o exemplo de uma estudante do Mulheres Mil de 2012, que certificou 63 mulheres no município vizinho, Anastácio. ?Uma das alunas da turma do ano passado, após a conclusão do curso, deu prosseguimento aos estudos e hoje cursa edificações em nosso campus?, disse.
 
A aula inaugural foi ministrada por Maria José de Jesus Alves Cordeiro, professora da UEMS (Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul), e contou com a presença de autoridades locais e representantes de diversos segmentos.
 
Maria José abordou as lutas, conquistas e desafios da mulher, e encorajou as estudantes a aproveitarem a oportunidade. ?A professora falou da nossa realidade, que é possível mudar, e eu vou mudar, aprender mais. Estou ansiosa e feliz para começar esse curso?, comemorou Rosa Chaparra (41), nova estudante de empreendedorismo.

redação / Aníbal Placêncio