Política

Orro desmente acusações e avisa que vai processar quem continuar com calúnias

Parlamentar avisou que já está tomando as devidas providências jurídicas

17/06/2013 06:43


O deputado estadual Felipe Orro negou ter afirmado ?mandar no TRE? e explicou que mais uma vez é vítima da mentira e da calúnia de pessoas descompromissadas com a ética do jornalismo, ao veicularem falsa notícia a seu respeito.

Em nota enviada à imprensa, o parlamentar avisou que já está tomando as devidas providências jurídicas contra as pessoas e os veículos de comunicação que estão o caluniando.

Veja abaixo a nota na íntegra

Mais uma vez sou vítima da mentira e da calúnia de pessoas descompromissadas com a ética do jornalismo, ao veicularem a falsa notícia de que eu teria afirmado que "mando no TRE" e, portanto, reverteria na Segunda Instância decisão judicial relativa ao pleito eleitoral de Aquidauana.

Repudio com toda energia essa prática leviana de tentar macular minha honra e me indispor com um Poder que em toda minha trajetória política soube respeitar, até porque sou advogado de profissão e portanto, também membro da Família Judiciária. Essas pessoas estão a serviço daqueles que foram escorraçados pela Justiça da vida pública porque praticaram todo tipo de ato escuso enquanto exerciam o poder, e não se conformam com isso, querem que Aquidauana retorne ao vergonhoso passado de corrupção e desmandos, de abandono e desprezo pelo seu povo ordeiro e honesto.

Já estou tomando as devidas providências jurídicas contra as pessoas e veículos de comunicação que me caluniam. Reitero minha submissão e inteira confiança na Justiça e minha fé em Deus, que antes dos tribunais da Terra, não falha em recompensar cada um com o que merece. 

Deputado Estadual Felipe Orro


redação