Tecnologia

Alemães criam software que mede reação de consumidores em tempo real

19/07/2007 10:11


Pesquisadores alemães trabalham num software para identificar expressões faciais que poderá ajudar a publicidade a se reinventar. A inovação está sendo desenvolvida pelos especialistas do Instituto Fraunhofer de Circuitos Integrados (IIS), situado em Erlangen, sul da Alemanha, de acordo com o Deutsche Welle.


Imagine a seguinte situação: uma propaganda de perfume é exibida no saguão de um aeroporto, onde milhares de passantes a vêem todos os dias. As reações são as mais diversas e, até o momento, não podiam ser estudadas pelos idealizadores da campanha.


Em condições normais, os publicitários apenas imaginam a reação do público a uma nova campanha. Porém, uma minicâmera de vídeo registrará cada observador da propaganda e sua a expressão.


Algoritmos complexos detectam os rostos na imagem, distinguem entre homens e mulheres, contam o número de pessoas que viram o anúncio e analisam se estas parecem alegres, surpresas, tristes ou zangadas. E tudo isso acontece em tempo real.


Se por um lado a novidade foi bem recebida pelos que podem usufruir dela, a questão também é delicada do ponto de vista da privacidade.


Em muitos lugares já é comum a videovigilância de lojas por motivos de segurança. Locais públicos também são sistematicamente filmados para o combate ao terrorismo, enquanto que em diversas metrópoles inglesas as câmeras de rua já fazem parte da paisagem.


No entanto, as pessoas sabem que esses espaços são vigilados e até apoiam a medida por que tem uma finalidade em prol da segurança.


Assim, sempre que haja videovigilância, os implicados têm que ser informados e entender para que fins a informação será utilizada, quem terá acesso a ela e por quanto tempo ela será armazenada.


uol