Croatas treinam abelhas para detectar minas

09/08/2007 15:11


Pesquisadores da Universidade de Zagreb, na Croácia, estão treinando abelhas para detectar minas deixadas por conflitos ocorridos há mais de uma década e meia.


As abelhas são alimentadas em recipientes que têm cheiro de TNT, um tipo de explosivo usado em dinamites em minas.


Com isso, os cientistas acreditam que os animais poderão encontrar o explosivo, ao associar o cheiro à comida.


A idéia é, primeiro, usar formas convencionais de detecção de minas. Depois, um enxame de abelhas treinadas será solto para confirmar se alguma mina ativa ainda restou no local.


Acredita-se que só na Croácia existam cerca de 250 mil explosivos ativos enterrados, que representam uma ameaça constante à população.


uol