Mulheres se orientam melhor que homens em supermercados

22/08/2007 15:47


As mulheres memorizam com ainda mais facilidade a posição dos alimentos mais calóricos
 
A mulher se orienta melhor que o homem no supermercado, segundo estudo de uma equipe de cientistas americanos publicado no boletim britânico "Proceedings of the Royal Society: Biologial Sciences".


Uma equipe das universidades da Califórnia em Santa Bárbara e de Yale chegou a esta conclusão após estudar o comportamento de 45 homens e 40 mulheres em um grande mercado de produtos agrícolas.


Os cientistas pediram aos homens e às mulheres que indicassem com a ajuda de uma bússola a direção do local onde haviam encontrado determinado alimento.


Os homens assinalaram o local com um erro de aproximadamente 33 graus - em uma escala de 0 a 90 -, enquanto as mulheres só se enganaram em 25 graus, explicou Max Krasnow, um dos cientistas que participaram da experiência.


A margem de erro das mulheres foi quatro vezes menor quando lhes foi pedido que assinalassem o local onde haviam comprado alimentos muito calóricos, como o mel, do que quando lhes foi pedido que lembrassem o local do alface ou do pepino.


Os cientistas disseram que os homens resolvem melhor os problemas espaciais, como a leitura de mapas, o que provavelmente tem a ver com o que ocorria nas sociedades primitivas na savana africana, quando eles precisavam caçar animais para se alimentar.


Naquelas sociedades, as mulheres se dedicavam principalmente à colheita, o que explica, na opinião dos autores do estudo, o fato de suas sucessoras lembrarem agora com mais exatidão que os homens a localização exata dos alimentos em um supermercado.


uol