Eventos

229 anos: Oficina de Dança dá show na Nova Corumbá

18/09/2007 14:00


"Uma apresentação de primeira qualidade". Foi dessa forma que Mário Sérgio Ferreira Bordon definiu o show proporcionado pela Oficina de Dança na noite de ontem (17), na praça esportiva da Nova Corumbá. O espetáculo fez parte das comemorações dos 229 anos de Corumbá, que serão celebrados na sexta-feira (21).


Mário Sérgio estava acompanhado da esposa, Raquel Bordon. Os dois não residem na região da Nova Corumbá, moram na Porto Carrero com a 15 de Novembro. Mesmo assim, prestigiaram a apresentação e, no final, queriam mais. "Já conhecemos o show que a Oficina de Dança proporciona e sempre que temos oportunidade, prestigiamos", disse.


O show foi o primeiro de uma série em comemoração ao aniversário de
Corumbá, pelos bairros da cidade. No total, 42 integrantes da Oficina de Dança, mantida pela Prefeitura, através da Fundação de Cultura,
participaram de seis apresentações, coreografadas por Joilson Cruz,
coordenador do grupo.


A abertura, com a música Cunha Taiporã, já foi uma amostra de que a noite seria um espetáculo. O calor humano proporcionado pelos moradores, não só da Nova Corumbá, mas de regiões vizinhas, que cercavam a quadra de esportes, parecia um estimulante a mais para o grupo, que se revezava a cada música, passando por Chuva, Cordilheiras, Black Chaim (street dance), Sabiá e Comitiva Esperança.


Aliás, Comitiva Esperança foi só o início do último ato. Foram várias
músicas escolhidas a dedo, com direito inclusive à Chalana, de Mário Zan. A apresentação durou cerca de 40 minutos e deixou saudade para Arminda da Cruz, moradora do Jardim dos Estados. "Tem que ter pelo menos uma vez por mês. É muito bonito", afirmou.


Nesta terça-feira (18), a Oficina de Dança se apresenta para os moradores do bairro Beira Rio e região, a partir das 19h00. Será na praça da Igreja São Pedro, com a certeza de que, mais uma vez, será um espetáculo imperdível.


assessoria de comunicação