A edição digital do jornal O Pantaneiro é restrita para assinantes.Assine
21 de novembro de 2018
Anuncie Aqui
8500

Ácaros: dormindo com o inimigo invisível

20 JUL 2007 - 11h34min
assessoria de comunicação

A maioria das pessoas sabe que os principais vilões do frio são os ambientes fechados e roupas guardadas há muito tempo, o que facilita a proliferação de ácaros e fungos. Dentre os problemas alérgicos de inverno destacam-se a asma e a rinite.


De acordo com a ASBAI - Associação Brasileira de Alergia e Imunopatologia, a asma atinge 10% da população brasileira e é responsável por 400 mil internações hospitalares por ano e 2 mil óbitos. No caso da rinite alérgica, existe uma relação muito estreita com a asma, sendo considerada um importante fator de risco. Aponta-se que 78% dos pacientes com asma têm, também, rinite alérgica e as duas doenças podem ser desencadeadas pelos mesmos alérgenos, que podem ser pólens, mofos, pêlos de animais, os ácaros da poeira de casa e a barata.


O que poucas pessoas sabem é que os grandes inimigos que podem ajudar a desencadear um processo alérgico estão nos travesseiros. A movimentação durante o sono faz com que respiremos através dele e, ao dormir, liberamos as secreções concentradas na cabeça através da boca (saliva), ouvidos (cerume), olhos (lágrimas), nariz (coriza), cabelos (seborréia) e pele (suor). Além disso, nossa pele constantemente passa por uma renovação celular.


Soma-se a tudo isso as secreções artificiais, tais como cosméticos, perfumes, tinturas e maquiagem, para avaliarmos a contaminação maciça diária a que são submetidos os travesseiros. Isso tudo pode ser fonte de alimento para os ácaros, fungos e bactérias que concentram-se na cama, lençóis, colchões e, principalmente, nos travesseiros.


A fisioterapeuta especialista em sono pela Unifesp, Silmara Rodrigues Bueno, dá dicas importantes para quem pretende ficar longe das alergias. "Muitas pessoas pensam que ao expor o travesseiro ao sol acaba com os ácaros, o que é um grande engano. Ao fazermos isso, estamos aquecendo seu interior, criando um ambiente propício para o aumento acentuado na proliferação dos ácaros e microorganismos", destaca a especialista.


Outro detalhe são as lavagens de travesseiro. "É preciso estar muito atento ao modo de lavar e só lavar se puder garantir a secagem completa porque travesseiros são, por definição, feitos de materiais fofos, porosos, fibrosos, que absorvem água e umidade como verdadeiras esponjas e, depois de lavados, vão reter grande quantidade de umidade no seu interior, mesmo quando aparentemente já estão secos (superficialmente). Estes cuidados são muito importantes para passarmos longe das alergias", garante Silmara. Além disso, usar as capas protetoras para travesseiro resistente a líquidos também ajuda no controle destas impurezas diárias e na vida útil do travesseiro.

Veja também

Mais Lidas

1
Aquidauana

Garotinha aquidauanense de apenas 3 anos é destaque nacional por desempenho escolar

2
Aquidauana

Sem poder trabalhar, aquidauanense fará rifa para pagar tratamento médico

3
Casa do Trabalhador

Confira as vagas de emprego da casa do trabalhador

4
Policial

Ex-superintendente da gestão Puccinelli foi morto por mulher em motel

Vídeos

Entrevista com os produtores do Longa-Metragem sobre Sasha Siemel

Tráfego de carretas no cruzamento da Duque de Caxias causa preocupação na população.

4ª Marcha pela Vida - Aquidauana MS

Ver mais Videos

Níveis dos Rios Hoje

Paraguai
2,59m
Miranda
6,13m
Aquidauana
3,76m

Colunas e Blogs

Valdemir Gomes

Um...

Giovani José da Silva

HISTÓRIAS DE ADMIRAR: VALORIZE-SE!

Manoel Afonso

Otimismo & Patriotismo: o efeito Bolsonaro

Ver Mais Colunas
498110635