A edição digital do jornal O Pantaneiro é restrita para assinantes.Assine
20 de outubro de 2019
Anuncie Aqui
9028-->
IFMS

Aluna cria projeto de biogás que leva economia e benefícios ambientais para aldeias

Gás de cozinha custa caro nas comunidades indígenas e jovem decidiu ajudar; ideia será patrocinada pela empresa MS Gás

4 FEV 2019 - 17h30min
Danielle Valentim

A aluna Sara Yasmin, do curso Técnico em Edificações, do IFMS (Instituto Federal de Mato Grosso do Sul) se destacou com o desenvolvimento de um projeto  de biogás, que produz gás de cozinha em comunidades indígenas. Além dos benefícios sociais, o projeto leva economia e melhorias ambientais para as aldeias.

Em vídeo publicado pela TV Escola, no You Tube, a jovem indígena conta que estudou na aldeia até o oitavo ano. Ela conta quea aprender a língua materna desde a primeira série a ajudou a conversar com anciões da comunidade e saber como tudo começou. 

Fiha de pai mineiro e mãe indígena, a jovem decidiu sair da aldeia para estudar mais. "Fui incentivada a sair da aldeia pelos meus tios. É difícil, mas só assim para crescer. Meu pai é analfabeto e minha mãe desistiu, só tem o ensino fundamental, eles dizem que não tiveram oportunidade e isso me dá força para continuar e incentivar meus irmãos”, disse.

Entre teoria e prática, Sara se apaixonou pelo curso e durante a aula da professora de química Valquíria Ferreira teve a ideia do projeto. Sara lembrou do alto valor do gás de cozinha na aldeia. “Estávamos nessa matéria da questão de biocombustíveis e eu lancei a ideia se existia uma energia alternativa para produção de gás sem precisar pagar e ela explicou que era o biogás”, conta Sara. 

“No fim da aula ela falou que tinha interesse porque na aldeia o gás era caro e decidimos fazer”, completou a professora.

A aluna pontua que na aldeia não há saneamento e nem descarte correto de lixo e passou a coletar os resíduos e depositar em um biodigestor, onde ocorre todo o processo de geração de biogás.

Valquíria pontua que Sara sempre pensou na aldeia inteira, mas começou em casa. “Agora toda a aldeia quer. Foi um desafio, onde está indo? onde vai parar? um gesto na sala de aula. Acho que vai dar certo”, pontua, emocionada, a professora de química.

Do IFMS, a notícia chegou à UEMS (Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul) e depois até à empresa MS Gás, que descobriu Sara e se interessou em patrocinar o projeto. “Vamos colocar nossos engenheiros a disposição dela para que ela implemente o projeto, é um projeto muito bom para ficar só no papel”, disse o presidente do MS Gás, Rudel Trindade.

A ideia também foi abraçada por outras comunidades. O cacique da aldeia Buritizinho Josué Martins apoia o projeto e destaca que é algo que ficará para as crianças. "Tem ancião que já está quase terminar,e eu estou indo atrás, a gente vai deixar para as crianças. Daqui não sei quantos anos", disse.

O cacique da Aldeia Limão Verde Alberto Oliveira elopgia o projeto. "Eu vejo esse projeto para nossa comunidade indígena, sendo ela uma acadêmica, vejo como um privilégio, por isso nós abraçamos", disse.

A ideia de Sara é levar a sustentailidade para locais distantes. "me tornei pesquisadora na área indígena o pessoal tem orgulho na comunidade", lembra Sara.

"A sensação de orgulho é muito grande, de a gente ter ela", disse emocionado o trabalhador rural, Ramon de Faria da Cruz.

 

Veja também

Mais Lidas

1
Aquidauana

Briga entre irmãos termina com um deles ferido com golpe de facão em Aquidauana

2
Policial

Em Anastácio, ladrões invadem fazenda e furtam buldogue de estimação

3
Aquidauana

Sábado chega com previsão de chuvas e trovoadas isoladas em Aquidauana

4
Geral

Ivo de Souza, cantor e violeiro, morre em acidente de carro na BR-262

Vídeos

Bolivianos que levavam 15,9 quilos de cocaína em veículo são presos em Miranda

Eleição de Miranda

Empresário de 31 anos pesca Surubim de mais de 40 kg no Rio Miranda

Ver mais Videos

Previsão do Tempo

min23 max34

Aquidauana

Sol com muitas nuvens. Pancadas de chuva à tarde e à noite.
min23 max34

Anastácio

Sol com muitas nuvens. Pancadas de chuva à tarde e à noite.

Níveis dos Rios Hoje

Aquidauana
2,33m
Miranda
1,64m
Paraguai
1,79m

Colunas e Blogs

Giovani José da Silva

HISTÓRIAS DE ADMIRAR: AINDA SOBRE SER PROFESSOR

Valdemir Gomes

Quero...

Raquel Anderson

Porque é domingo!

Ver Mais Colunas

Guia Cidade

Pax

Pax Universal - Serviços Póstumos Ltda.

Rua XV de Agosto, 412 Alto - 79200-000 Aquidauana/MS (67) 3241-4088 / 324
Advocacia

Dr. Jair dos Santos Pelicioni / Dr. Jonas Marinho Pelicioni

Rua Manoel Aureliano da Costa, 634 Centro - 79200-000 Aquidauana/MS (67) 3241-6226 / 812
Som e Acessórios

Adil'Som (Adilson e Edimilson)

Rua Antônio João, 523 Alto - 79200-000 Aquidauana/MS 67 - 3241-5561
Ver Mais
508110682