A edição digital do jornal O Pantaneiro é restrita para assinantes.Assine
19 de Novembro de 2017
Anuncie Aqui
8504

Confira os resultados deste sábado das Séries A, B, C e D do Brasileirão

Cruzeiro vence a Ponte Preta e dorme na ponta do Brasileiro. Grêmio bate o Flamengo. Líderes tropeçam na Segundona e têm série invicta quebrada

25 AGO 2013 - 09h05min
Globoesporte.com
CAMPEONATO BRASILEIRO 2013 (16ª RODADA)
 
Criciúma 2 x 1 Coritiba (*foto)
Ainda que os gols sejam bonitos, ganharia quem fizesse mais. Melhor para o Criciúma. Os donos da casa marcaram dois e o Coritiba apenas um: 2 a 1. Quantidade suficiente para aliviar a pressão sobre o time catarinense. O Tigre chega aos 17 pontos, em 15º, e deixa a zona de rebaixamento com a quinta vitória no Campeonato Brasileiro, conquistada diante de 6.204 torcedores no Heriberto Hülse, na noite deste sábado. Triunfo que o Coxa, em 6º com 24 pontos, segue sem saborear, agora há quatro jogos ? aumentando a distância do G-4 que frequentou na arrancada do Brasileirão.
 
Mais leve com a demissão do técnico Vadão na véspera da partida, o Criciúma pareceu não se incomodar com o baixo rendimento do Brasileirão. Estudou o Coxa, suportou o toque de bola nos minutos iniciais e começou a percorrer a trilha para a vitória com velocidade na lateral direita. Na quarta descida do ala Sueliton, o jogador mandou para o gol e abriu o placar de forma bonita. Marcador ampliado no instante seguinte, num duro golpe aos paranaenses. Fabinho fez um golaço de bicicleta, num impedimento não marcado. Vantagem que obrigaria o Coritiba a buscar novos caminhos. Trilha aberta no segundo tempo, na falta cobrada com maestria por Julio Cesar.
 
Para tentar ficar distante da zona de rebaixamento, o Criciúma vai tentar sua primeira sequência de vitória ao enfrentar o Vitória no Barradão, na 17ª rodada do Brasileirão. O Coxa também tem uma meta ?antiga?, dar fim à série de partidas sem vencer diante do Internacional, no Couto Pereira. Os dois jogos estão marcados para as 16h de domingo. Antes, os times jogam pela Copa Sul-Americana. Na terça-feira, o Coxa pega o próprio time baiano, em casa, e o Tigre encara a Ponte Preta, fora.
 
 
Flamengo 0 x 1 Grêmio
Numa partida com poucas chances de gol, um lance de bola parada pode ser decisivo. E foi numa falta cobrada por Pará, aos sete minutos de jogo, que o Grêmio venceu o Flamengo por 1 a 0, neste sábado, no Mané Garrincha, pela 16ª rodada do Brasileirão. O placar, no entanto, não traduziu a superioridade do Tricolor Gaúcho, ainda que a partida tenha sido de razoável nível técnico e bem truncada.
 
O Grêmio de Renato Gaúcho consolidou o resultado num esquema com três zagueiros e três volantes no qual deu poucos espaços ao adversário. O Flamengo de Mano Menezes, que teve péssima atuação, saiu de campo com apenas duas chances de gol no fim da partida, ambas do atacante Hernane. Certamente, foi a pior atuação da equipe na competição, ainda mais com a ausência do melhor jogador da equipe, o apoiador Elias - o Grêmio também teve desfalque, tanto de Vargas quanto de Elano e Zé Roberto.
 
Com o resultado, o Tricolor Gaúcho conseguiu sua quarta vitória seguida e, em terceiro lugar, pula para 28 pontos ganhos. O Flamengo se mantém nos 19 pontos ganhos, em 13º - deverá ser ultrapassado no domingo -, e perdeu a invencibilidade no Mané Garrincha (vencera dois e empatara quatro dos outros seis jogos lá realizados). O público foi de 20.580 pagantes, numa renda de R$ 951.590,00.
 
Os dois clubes voltam a jogar no Brasileirão no próximo fim de semana. No sábado, o Tricolor Gaúcho receberá a Ponte Preta na Arena do Grêmio. No domingo, o Rubro-Negro enfrentará o Corinthians, no Pacaembu. Antes disso, tanto o Fla quanto o Grêmio terão duelos difíceis pela Copa do Brasil na quarta-feira, quando receberão Cruzeiro e Santos, e terão de descontar as derrotas por 2 a 1 e 1 a 0, respectivamente. Pelo que se viu neste sábado, a tarefa rubro-negra promete ser bem mais difícil. Na saída de campo, o time gaúcho mostrou ter consciência de que o esquema e a tranquilidade são fundamentais.
 
 
Ponte Preta 0 x 2 Cruzeiro
Ser líder é mais do que ocupar a primeira posição. É saber a hora de avançar, o momento de acalmar. Não se intimidar com gramado, estádio e torcida adversários. E, especialmente, ser preciso quando não está em um dia tão inspirado. Se desta vez não teve golaço ou grande atuação como contra o Flamengo, o Cruzeiro foi simples. Mesmo jogando em Campinas, envolveu a Ponte desde o início, fez 2 a 0 e não levou sustos. Atuação suficiente para reassumir a ponta do Campeonato Brasileiro, ao menos por algumas horas.
 
A equipe de Marcelo Oliveira volta para a Toca da Raposa com 31 pontos, a segunda vitória consecutiva no Brasileirão e uma vantagem rasa para o Botafogo - que, com 29, fecha a 16ª rodada no domingo contra o Atlético-PR, em Curitiba. O título de melhor ataque segue intacto, mas, nesta noite, coube a um zagueiro garantir o resultado: Dedé, de cabeça, superou a falha no meio de semana e marcou o primeiro pela Raposa.
 
Enquanto mineiros festejam, paulistas se preocupam ainda mais. A Ponte Preta estaciona nos 15 pontos graças à segunda derrota consecutiva no Moisés Lucarelli, que a deixa no 17º lugar, na zona de rebaixamento. Após a partida, Carpegiani entregou o cargo e aumentou a crise em Campinas.
 
A missão de pontepretanos e cruzeirenses não acaba após o duelo direto desta noite. Os dois elencos ficam de olho no complemento da rodada - um para seguir na liderança, outro para escapar da degola. Caso não tenham sucesso na torcida, terão nova chance de alegrar a torcida no meio de semana, mas em outro torneio.
 
Terça-feira, a Ponte recebe o Criciúma e precisa de um empate simples para avançar à segunda fase da Copa Sul-Americana. Um dia depois e na mesma situação, o Cruzeiro visita o Flamengo no Maracanã para alcançar as quartas de final da Copa do Brasil. Pelo Brasileiro, os dois clubes jogam no fim de semana: a Macaca enfrenta o Grêmio, sábado, em Porto Alegre, enquanto a Raposa encara o Vasco, domingo, em Belo Horizonte.
 
 
Santos 2 x 0 Vitória
Número 11 nas costas, comemoração de gol com estilo, torcida em êxtase na Vila Belmiro... O personagem poderia ser Neymar. Mas não é. Trata-se de Gabriel, apontado como sucessor do astro. O garoto, que completa 17 anos na próxima sexta-feira, mostrou outra vez que tem estrela e justificou o apelido ?Gabigol?, abrindo caminho para o triunfo santista por 2 a 0 sobre o Vitória, pela 16ª rodada do Campeonato Brasileiro.
 
Na quarta, foi de Gabriel o gol que assegurou a vitória diante do Grêmio, pela Copa do Brasil. Neste sábado, o garoto estreou como titular e não decepcionou, deixando o gramado muito aplaudido no segundo tempo. Outro destaque da noite, Cícero também deixou sua marca e ajudou o Alvinegro a se livrar uma série de seis jogos sem triunfos no Brasileirão, distanciando a equipe, agora com 19 pontos, da zona de rebaixamento.
 
O Vitória, por sua vez, repetiu erros que têm feito o time ser pior visitante da competição: foram só quatro pontos somados em oito partidas longe do Barradão. Na Vila, o Rubro-negro baiano sofreu com a marcação no meio-campo e a falta de criatividade dos armadores Renato Cajá e Vander. O resultado impediu que a equipe se aproximasse do G-4, estacionada nos 22 pontos.
 
Pelo Brasileirão, as equipes voltam a campo no próximo final de semana. O Santos joga sábado, às 21h (de Brasília), contra o Fluminense, no Maracanã. Já o Vitória recebe o Criciúma no domingo, às 16h (de Brasília), no Barradão. O Peixe, no entanto, tem compromisso na quarta-feira: às 21h50m (de Brasília), visita o Grêmio, na Arena, na partida de volta das oitavas de final da Copa do Brasil.
 
 
CAMPEONATO BRASILEIRO SÉRIE B 2013 (17ª RODADA)
 
Boa Esporte 1 x 0 Palmeiras
Melhor principalmente no primeiro tempo, quando fez seu gol aos três minutos, com Fernando Karanga, o Boa Esporte venceu o Palmeiras por 1 a 0, neste sábado, no estádio Melão, em Varginha (MG), pela 17ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B. Com o resultado, o time mineiro foi a 29 pontos, em quinto lugar, e acabou com a série invicta do Verdão, que durava 12 partidas - incluindo Copa do Brasil. Apesar da derrota, o Palmeiras, que poupou cinco jogadores (Mendieta entrou apenas no segundo tempo), segue na liderança, com 40 pontos.
 
O Boa volta a campo no sábado que vem, quando enfrentará o Sport, na Ilha do Retiro, em Recife, pela Série B. Já o Verdão volta suas atenções para a Copa do Brasil. Quarta-feira, o time faz o jogo de volta das oitavas de final contra o Atlético-PR, em Curitiba. Na primeira partida, o Verdão venceu por 1 a 0. Pode empatar e até perder por um gol de diferença, desde que marque, para avançar às quartas.
 
*Demais resultados da Série B
Paraná 1 x 0 Sport
Atlético-GO 1 x 1 América-MG
Bragantino 1 x 0 Chapecoense
Figueirense 3 x 0 Oeste
Paysandu 1 x 2 Icasa
 
CAMPEONATO BRASILEIRO SÉRIE C 2013 (PRIMEIRA FASE - 11ª RODADA)
Madureira 2 x 2 Macaé
Santa Cruz 0 x 0 CRB
Crac 2 x 0 Barueri
Caxias 1 x 2 Betim
 
CAMPEONATO BRASILEIRO SÉRIE D 2013 (PRIMEIRA FASE - 10ª E ÚLTIMA RODADA)
Aparecidense 0 x 0 Mixto
Tupi-MG 2 x 1 Aracruz
*Mixto e Aparecidense estão classificados para as oitavas de final e enfrentam Resende e Tupi-MG, respectivamente.

Veja também

Mais Lidas

1
Policial

Homem é preso por arrastar mulher no asfalto

2
Policial

Homem assassina jovem em carvoaria de fazenda na Estrada do Taboco

3
Policial

Homem é assassinado com tiro na cabeça enquanto discutia com a ex

4
Policial

Homem é encontrado morto na cama de casa após festa

Vídeos

4ª Marcha pela Vida - Aquidauana MS

Fiações rompidas são recuperadas e motoristas ‘fora do padrão’ podem ser responsabilizados

Moradores de Anastácio flagram óleo descendo para Rio Aquidauana

Ver mais Videos

Níveis dos Rios Hoje

Aquidauana
6,45m
Miranda
6,08m
Paraguai
1,72m

Colunas e Blogs

Manoel Afonso

Falta honra, sobra esperteza.

Robinson L Araújo

ME CONHECE COMO NINGUÉM

Valdemir Gomes

Hoje...

Ver Mais Colunas
498110728