A edição digital do jornal O Pantaneiro é restrita para assinantes.Assine
22 de Novembro de 2017
Anuncie Aqui
8504

Contra o Japão, Brasil defende invencibilidade de 38 anos em casa

Camisa mais vencedora do futebol mundial estreia hoje na Copa das Confederações. Equipe que derrotou a França será mantida

15 JUN 2013 - 10h05min
ESPN
Começa hoje, às 16h, em Brasília, a Copa das Confederações do Brasil. Competição oficial, o que torna especial a missão do Japão, o rival do time de Felipão na abertura do torneio.
 
Já são 38 anos sem derrotas em partidas oficiais da seleção brasileira em solo nacional. Nesse período, contando Copa América, eliminatórias e torneios contra vizinhos sul-americanos, como a Copa Roca, o time fez 59 jogos como mandante, com 41 vitórias e 18 empates, o que significa um fantástico aproveitamento de 80%
 
O último revés caseiro do Brasil aconteceu na Copa América de 1975, quando perdeu para o Peru de Cubillas por 3 a 1 no estádio do Mineirão.
 
Retrospecto que ajuda, mas também contribui para colocar mais pressão numa equipe ainda em construção, que está a só um ano do talvez maior desafio da história da seleção: apagar a decepção de 1950 e enfim ganhar uma Copa do Mundo em casa.
 
Pressão que os jogadores dizem não sentir. "Fizemos amistosos contra Inglaterra e França, que também eram difíceis. Contra o Japão vale, mas estamos prontos", disse o meia Oscar.
 
Já Felipão admite que começar ganhando contra os japoneses é essencial para sua equipe.  "É horrível jogar em casa e perder o primeiro jogo. Fica um ambiente difícil de administrar, com torcida, imprensa", falou o treinador.
 
Para o jogo contra os japoneses, Felipão não fez mistério sobre a escalação. Ele mantém o time que começou o jogo na vitória por 3 a 0 sobre a França no domingo passado, em Porto Alegre.
 
Brasil, como sede, e Japão, pelas eliminatórias, são os únicos países já garantidos na Copa de 2014. O time de Felipão tem melhor colocação no ranking da Fifa, com a 22ª posição, dez postos acima do time asiático. "Não seria vergonha alguma perder para o Japão", disse o treinador na véspera do jogo, que terá 70 mil pessoas na plateia. 
 
Após o jogo contra os japoneses, o Brasil dorme em Brasília por mais uma noite. No domingo, viaja para Fortaleza, onde pega o México na próxima quarta-feira. 
 
FICHA TÉCNICA
BRASIL X JAPÃO
 
Local: Estádio Nacional Mané Garrincha, em Brasília
Data: 15 de junho de 2013, sábado
Horário: 16 horas (de Brasília)
Árbitro: Pedro Proença (POR)
 
Assistentes: Bertino Miranda (POR) e José Trigo Proença (POR)
 
BRASIL: Júlio César; Daniel Alves, Thiago Silva, David Luiz e Marcelo; Luiz Gustavo, Paulinho e Oscar; Hulk, Neymar e Fred. Técnico: Luiz Felipe Scolari
 
JAPÃO: Kawashima; Uchida, Yoshida, Konno e Nagatomo; Hasebe, Endo, Okazaki, Honda e Kagawa; Maeda. Técnico: Alberto Zaccheroni

Veja também

Mais Lidas

1
Policial

Homem foi executado com tiros e suspeita é de "guerra" entre grupos

2
Aquidauana

Prefeitura convoca mais 34 candidatos aprovados em concurso público

3
Aquidauana

Acidente entre carro, moto e bicicleta no Ovídio Costa II envolve jovem, criança e mulher grávida

4
Aquidauana

Correntes que circulam pelo WhatsApp deixam população em dúvida sobre o que é real e o que é invenção

Vídeos

Entrevista com os produtores do Longa-Metragem sobre Sasha Siemel

Tráfego de carretas no cruzamento da Duque de Caxias causa preocupação na população.

4ª Marcha pela Vida - Aquidauana MS

Ver mais Videos

Níveis dos Rios Hoje

Aquidauana
4,40m
Miranda
6,72m
Paraguai
1,60m

Colunas e Blogs

Robinson L Araújo

PAIS QUE EDIFICAM SEUS FILHOS

Rosildo Barcellos

O Arroubo Âmago do Cedro!

Pedro Puttini Mendes

O “modelo de lei”, o ambientalismo municipal e a mu...

Ver Mais Colunas
498110678