A edição digital do jornal O Pantaneiro é restrita para assinantes.Assine
16 de junho de 2019
Anuncie Aqui
9082

Esperança de vida no Brasil aumentou 3,5 anos em uma década

28 SET 2007 - 09h39min
uol

A esperança média de vida ao nascer no Brasil aumentou de 71,8 anos de idade, em 2005, para 72,4 anos no ano passado, de acordo com a Síntese de Indicadores Sociais divulgada nesta sexta-feira pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística). Isso significa que, em relação a 1996, o brasileiro passou a viver, em média, 3,5 anos a mais.


A análise também mostra que as mulheres estão bem à frente dos homens em relação à longevidade. Entre 1996 e 2006, a esperança de vida das mulheres aumentou de 72,3 para 76,2 anos, enquanto a dos homens subiu de 65,1 para 68,7 anos. A região Sul foi a que apresentou o índice mais alto (74,4 anos), seguida das regiões Sudeste (73,8), Centro-Oeste (73,5), Norte (71,3) e Nordeste (69,4).


A taxa de mortalidade do brasileiro caiu, segundo o IBGE. O índice, que representa a freqüência de óbitos por 1000 pessoas, caiu de 6,7, em 1996, para 6,2 em 2006. A proporção de mortes entre as crianças acompanhou o declínio, passando de 36,9 para 25,1 por mil em uma década.


Mas os números ainda variam muito no país: no Rio Grande do Sul, o percentual foi de 13,9 por mil (a menor taxa), enquanto Alagoas tem a maior taxa de mortalidade infantil: 51,9 por mil.


A redução da mortalidade, somada ao aumento da esperança de vida e à queda na taxa de fecundidade, que em 2006 foi de 2 filhos, confirma a tendência de envelhecimento da população brasileira.


Fecundidade
No Brasil, a maior taxa de fecundidade foi encontrada em Roraima (3,3) e a menor, no Rio Grande do Sul (1,6 por mulher).


De acordo com o IBGE, diversos países, especialmente os europeus, já atingiram valores bem abaixo do chamado nível de reposição natural da população (2 filhos) como, por exemplo, Cuba, cuja taxa, em 2005, era de 1,6 filho, contrastando com a Bolívia, com 3,7 filhos por mulher. A Argentina se encontra nos mesmos patamares que o Brasil (2,0).


A única taxa de fecundidade que aumentou no país, em 2006 frente a 2005, foi entre as mulheres de 15 a 17 anos, ou seja, mães adolescentes.


Houve um ligeiro aumento da proporção das adolescentes nesta faixa etária com filhos: de 6,9% em 1996, para 7,6%, em 2006. No Nordeste, houve a maior variação desta proporção: 1,2 ponto percentual (p.p.).


Por outro lado, caíram em 3,1 p.p. os níveis de maternidade das jovens de 18 a 24 anos de idade, passando de 38% para 34,9%. Na região Sul houve a maior queda (7,5 p.p.), e a região Norte foi a única com aumento na proporção de mulheres com filhos para este grupo etário (2,8 p.p.) e o maior percentual comparado com as demais regiões (49,3%).


Também na fase adulta (entre 25 a 49 anos de idade) a proporção de mulheres com filhos reduziu-se, principalmente no Sul e Sudeste (2,9 p.p. e 2,8 p.p., respectivamente). Além disso, chama atenção a redução da proporção de mulheres com três filhos ou mais em 14,6 p.p., passando de 63,2% para 48,6%.


América Latina e Caribe
O relatório divulgado pelo IBGE também inclui uma análise de dados da Cepal (Comissão Econômica para a América Latina e o Caribe) relativos a 2005. Os resultados mostram que a proporção de indivíduos com 60 anos no Brasil é a 5ª maior dentre os países do grupo, com percentual de 8,7. O Uruguai é o país com o maior percentual de idosos (17,3), seguido de Cuba (15,4), Argentina (13,8) e Chile (11,5).

 

Veja também

Mais Lidas

1
Aquidauana

Inconformada com multa, aluna agride coordenadora de curso com celular

2
Policial

Ex-secretário de Nioaque morre em acidente entre Hilux e caminhão

3
Policial

Suspeitos armados são presos com R$ 13.200 após negociarem compra de jet ski

4
Aquidauana

Vendedora de roupas tem toda sua mercadoria furtada de oficina

Vídeos

Motorista que causou acidente admitiu ter bebido cerveja e não tinha CNH

PRF promove campanha de combate a violência sexual infantil

Portal Atacado • Anastácio MS | Especial Dia das Mães

Ver mais Videos

Previsão do Tempo

min22 max34

Aquidauana

Sol com algumas nuvens. Não chove.
min22 max34

Anastácio

Sol com algumas nuvens. Não chove.

Níveis dos Rios Hoje

Aquidauana
2,69m
Miranda
3,48m
Paraguai
5,59m

Colunas e Blogs

Valdemir Gomes

Está...

Giovani José da Silva

HISTÓRIAS DE ADMIRAR: MOROS

Maria de Lourdes Medeiros Bruno

5° ENCONTRO RELÍQUIAS DE AQUIDAUANA (7 a 9 DE JUNHO ...

Ver Mais Colunas

Guia Cidade

Pousadas

Sítio Ana Paula

BR 262 Km 487, s/n - 79210-000 Anastácio/MS (67) 3241-2591
Auto Escolas

Auto Escola União

Rua Marechal Mallet, 622 Centro - 79200-000 Aquidauana/MS 67 - 3241-2506 / 840
Transportes

EXPRESSO MATO GROSSO

Rua Estevão Alves Corrêa, s/n - 79200-000 Aquidauana/MS (67) 3241-2158/241 1
Ver Mais
508110569