06 de agosto de 2020
Anuncie Aqui
-->

Idosos ativos fisicamente executam tarefas de atenção melhor que sedentários

14 AGO 2007 - 08h03min
uol

No artigo anterior foi comentado o efeito do exercício sobre a saúde mental. É importante ressaltar que o exercício físico também previne o declínio cognitivo que normalmente ocorre com o envelhecimento. Com o decorrer da idade, o cérebro diminui de densidade em regiões importantes para essa função. Muitas das áreas que perdem neurônios estão envolvidas em tarefas que requer atenção, planejamento e memória. A boa notícia é que com o exercício físico regular, esse déficit pode ser retardado.


Exercício físico regular retarda déficit de atenção e previne declínio cognitivo Já é conhecido que idosos ativos fisicamente executam tarefas de atenção melhor que os não ativos. Nesse sentido, uma *pesquisa recente mostrou que participantes fisicamente condicionados apresentaram um rendimento melhor nos testes de atenção.


Além disso, estudos de imagem do cérebro durante o teste revelaram que as áreas cerebrais conhecidas em contribuir com o processo de atenção estavam mais ativadas em idosos fisicamente condicionados. Porém, o exato mecanismo responsável pela melhora da cognição em indivíduos idosos ainda não está totalmente esclarecido.


Tarefa de atenção
Quarenta e um indivíduos entre 55 e 79 anos realizaram uma caminhada de 1 milha (± 1600 m) e foram avaliados em uma tarefa de atenção no computador. Este tipo de teste de atenção é fácil para os jovens, mas se torna difícil com o decorrer da idade. Os participantes com boa condição física responderam com mais rapidez e com mais acertos. Testes de neuroimgem mostraram que certas áreas do cérebro (áreas relacionadas à atenção) estavam mais ativadas em indivíduos treinados.


Seguindo essa linha de raciocínio, estudos experimentais (em animais de laboratório) sugerem que o exercício aeróbio aumenta o número de neurônios, conexões entre neurônios, assim como a capilarização no cérebro. Dessa forma, acredita-se que tais alterações sejam responsáveis para esta melhora. Paralelamente, outros estudos indicam que o exercício físico previne a perda de neurônios no hipocampo, uma área importante para o aprendizado e memória.


Ainda tem sido observado que indivíduos ativos apresentam um risco menor para a doença de Alzheimer (uma doença degenerativa/progressiva que compromete o tecido cerebral causando diminuição da memória, dificuldade no raciocínio, de pensamento e alterações comportamentais).


Portanto, qual é a melhor forma para manter o cérebro funcionando adequadamente? De acordo com vários pesquisadores, se exercitar no início da vida e manter esta atividade ao longo da vida é o mais apropriado.

 

Veja também

Mais Lidas

1
Anastácio

Luto: Familiares e amigos se despedem de Ênio do Carmo, funcionário dos Correios

2
Coronavírus

Aquidauanense morre vítima do coronavírus em Campo Grande

3
Aquidauana

Dona de casa flagra sucuri ‘atravessando’ a rua em Aquidauana

4
Política

Casanova lança pré-candidatura 100% digital à prefeitura de Aquidauana

Vídeos

Cães encontram droga escondida em estofado de veículo

Morador de Taunay encontra jaguatirica morta às margens da BR-262

Bombeiros de Aquidauana estão na operação para controle de grande incêndio no Pantanal

Ver mais Videos

Previsão do Tempo

Níveis dos Rios Hoje

Aquidauana
2,15m
Miranda
1,74m
Paraguai
1,52m

Colunas e Blogs

Valdemir Gomes

Quando...

Maria de Lourdes Medeiros Bruno

"NÃO ME..."

Manoel Afonso

Covid-19: Assusta candidatos, intimida eleitores!

Ver Mais Colunas

Guia Cidade

Telefones Úteis

IDATERRA

Rua Nelson Felicio dos Santos, 205 - 79200-000 Aquidauana/MS (67) 3241 3262
Escola de Formação Profissional

Genius

Rua Estevão Alves Corrêa, 2011 Centro - 79200000 Aquidauana/MS (67)
Casas de Shows

GRESSA

Visconde de Taunay, 457 Bairro Guanandy - 79200-000 Aquidauana/MS (67) 3241-4142/9201-
Ver Mais