A edição digital do jornal O Pantaneiro é restrita para assinantes.Assine
17 de janeiro de 2019
Anuncie Aqui
8486

Limpar a casa em excesso pode aumentar crises de alergia

6 SET 2007 - 09h47min
uol

Muitos estudos sobre quais fatores poderiam estar associados à alergia, especialmente à asma, já foram publicados internacionalmente. Em virtude disso, hoje já se sabe que situações como alterações no ambiente, tais como poluição, poeira, assim como a predisposição genética e mesmo questões emocionais estão provavelmente relacionadas com o seu desenvolvimento e na ocorrência de suas crises.


Curiosamente, apesar desses conhecimentos, observa-se que indivíduos de classes econômicas mais elevadas apresentam uma maior incidência de alergia. Na tentativa de avaliar os impactos da limpeza sobre o desenvolvimento da alergia, um artigo publicado pela revista Annals of Allergy, Asthma and Immunology, em agosto deste ano, comparou a freqüência de distúrbios alérgicos entre crianças de diferentes classes sociais da cidade de Lodz, um dos pólos industriais na Polônia.


No período de 2004 a 2006, 415 crianças residentes em 10 diferentes lares adotivos da cidade industrial, foram comparadas a outras 500 crianças que viviam com seus pais. Todas foram submetidas a testes cutâneos e a dosagens de IgE sérica, um tipo de anticorpo que está associado à alergia. Além disso, foram avaliadas também as condições ambientais em que as mesmas vivem (atual e no passado) e a história familiar de doenças alérgicas.


Diferenças importantes foram vistas pelos pesquisadores. De acordo com eles, a ocorrência de alergia foi significativamente superior no grupo mais favorecido economicamente (25,9% comparado a apenas 11,3% das crianças dos lares de adoção).


O fenômeno, oposto ao que normalmente se esperaria, foi esclarecido, após a seleção de algumas variáveis em ambos os grupos em fases precoces da vida. Os autores consideraram que as pobres condições em que viveram as crianças dos lares adotivos foi, provavelmente, o principal fator responsável pelo menor risco de alergia neste grupo. Acreditam que a exposição precoce tenha permitido o desenvolvimento de um sistema de defesa do organismo mais eficaz. Mais estudos deverão ser feitos para esclarecer esses achados.

Veja também

Mais Lidas

1
Policial

“Não me mata, porque eu tenho filhos”, disse merendeira

2
Aquidauana

Capataz planejou furto de 14 cabeças de gado de fazenda em Aquidauana

3
Policial

Polícia Civil apresenta “Palhaço Sabiá” nesta quarta-feira

4
Aquidauana

Abandonado na estação há quase 50 anos, mecânico ainda não sabe o paradeiro dos pais

Vídeos

Entrevista com os produtores do Longa-Metragem sobre Sasha Siemel

Tráfego de carretas no cruzamento da Duque de Caxias causa preocupação na população.

4ª Marcha pela Vida - Aquidauana MS

Ver mais Videos

Níveis dos Rios Hoje

Paraguai
2,52m
Miranda
5,26m
Aquidauana
2,66m

Colunas e Blogs

Valdemir Gomes

Na...

Robinson L Araujo

NÃO DESISTA!

Raquel Anderson

"Num tempo da delicadeza!"

Ver Mais Colunas

Guia Cidade

Auto Elétrica/Oficinas

Auto elétrica Centro Aquidauana

Assis Ribeiro, 506 Bairro Alto - 79200-000 Aquidauana/MS (67) 3241 5932
Escolas de Línguas

Escola Inglês e Espanhol - CCAA

Rua 7 de setembro, 1225 - 79200-000 Aquidauana/MS (67) 3241 5699
Supermercados

Supermercado Atlântico

Oscar de Barros 0 L 20 Qdr. 11, Santa Terezinha - 79200-000 Aquidauana/MS (67) 3241-2960 / 324
Ver Mais
497810585