A edição digital do jornal O Pantaneiro é restrita para assinantes.Assine
24 de fevereiro de 2018
Anuncie Aqui
8498

Mulheres ainda esperam que homens paguem a conta em encontro

Segundo pesquisa, na prática, as normas tradicionais ainda vencem: 84% dos homens e 58% das mulheres relataram que os homens pagam maior parte das despesas.

24 AGO 2013 - 13h00min
Veja
Até que ponto vai o tradicional cavalheirismo e onde começam as discussões sobre a igualdade de gêneros nos relacionamentos? Pesquisadores da Universidade do Estado da Califórnia, Universidade Chapman e do Wellesley College, nos Estados Unidos, investigaram a opinião de homens e mulheres sobre quem deve se encarregar das despesas dos primeiros encontros do casal ? e o que acaba acontecendo na prática.
 
Nos Estados Unidos, oito em cada dez casamentos são organizados de forma que os dois membros contribuem com as despesas da casa. Mas, em fases anteriores do relacionamento, ainda são muito fortes as noções tradicionais, segundo as quais o homem deve pagar pelos primeiros encontros. "Uma vez que um casal está estabelecido e se assume como 'namorando', eu acredito que existe igualdade de gênero no que se refere a dividir as despesas, mas nos primeiros encontros, quando as pessoas estão nervosas, elas se apoiam em um script tradicional, segundo o qual a mulher se arruma e o homem paga", disse, ao site de VEJA, Janet Lever, professora de sociologia da Universidade Estadual da Califórnia e coautora do estudo.
 
Para descobrir como homens e mulheres lidam com as despesas antes do casamento, os autores realizaram uma pesquisa com mais de 17 000 participantes. Os resultados do estudo foram apresentados no evento anual da Associação Americana de Sociologia, no último domingo.
 
Tradição ? De forma geral, as normas tradicionais ainda vencem: 84% dos homens e 58% das mulheres relataram que os homens pagam pela maior parte das despesas, mesmo depois de alguns meses de relacionamento. Mais da metade das mulheres (57%) afirmaram que se oferecem para dividir a conta. Mas, ao mesmo tempo, 39% delas confessaram esperar que o homem não aceite a ajuda. De fato, 44% das mulheres se sentem incomodadas quando um homem espera que elas ajudem a pagar.
 
"As mulheres ficam divididas. Elas gostam que os homens paguem e veem isso como uma vantagem. Muitas mulheres dizem que não gostam quando um homem espera que elas paguem. Acho que elas querem ter escolha", conta Janet.
 
Os sentimentos contraditórios não ficaram restritos às mulheres. Quase dois terços (64%) dos homens acreditam que as mulheres deveriam contribuir com as despesas dos encontros, e muitos têm uma opinião bem formada em relação a isso ? 44% dos homens disseram que terminariam um relacionamento com uma mulher que nunca ajuda a pagar. Porém 76% dos homens relataram que se sentem culpados em aceitar o dinheiro de uma mulher.
 
Para a pesquisadora, isso se deve à permanência de ensinamentos tradicionais, que, mesmo quando deixam de condizer com a época, permanecem na mente das pessoas. "Os homens pensam: 'Se eu fosse cavalheiro, eu estaria pagando a parte dela.' Mas eles sabem que isso não é justo diante das conquistas das mulheres no mercado de trabalho e em seu desejo e luta por um tratamento igualitário", afirma.
 
Mudanças ? A situação parece se alterar com o passar do tempo de relacionamento. Quatro em cada dez homens concordaram que as despesas eram ao menos parcialmente divididas após o primeiro mês, e 74% deles e 83% das mulheres reportaram alguma divisão das contas com seis meses de relacionamento. Os jovens, de ambos os sexos, se mostraram mais propensos a adotar comportamentos igualitários, mas essa inclinação não se restringiu a eles.
 
Apesar das diversas evidências de resistência à mudança, os pesquisadores acreditam que os rituais acerca de quem paga as contas de um encontro estão mudando, ao mesmo tempo em que os papéis sociais dos homens e das mulheres também sofrem transformações. "Nós mudamos. Antes tudo era pago para as mulheres até o casamento, em muitos casos. Agora as mulheres estão pagando, mas estão atrasando isso até depois daquela fase complicada de início de um relacionamento", afirma Janet.

Veja também

Mais Lidas

1
Policial

Briga entre vizinhos ocasionou assassinato no bairro Nova Aquidauana

2
Cheia do Rio Aquidauana

Motorista utiliza estrada de acesso a Piraputanga e cratera “engole” veículo

3
Cheia do Rio Aquidauana

Nível do rio Aquidauana apresentou uma elevação nessa manhã

4
Aquidauana

Reunião com frente de trabalho define atendimento às famílias desabrigadas

Vídeos

Entrevista com os produtores do Longa-Metragem sobre Sasha Siemel

Tráfego de carretas no cruzamento da Duque de Caxias causa preocupação na população.

4ª Marcha pela Vida - Aquidauana MS

Ver mais Videos

Níveis dos Rios Hoje

Paraguai
2,68m
Aquidauana
9,25m
Miranda
6,90m

Colunas e Blogs

Valdemir Gomes

Preciso...

Robinson L Araujo

FORTALECENDO O RELACIONAMENTO DENTRO DO CASAMENTO

Giovani José da Silva

HISTÓRIAS DE ADMIRAR: PELAS ESTRADAS DA VIDA (E DE MAT...

Ver Mais Colunas
498110539