A edição digital do jornal O Pantaneiro é restrita para assinantes.Assine
15 de Dezembro de 2017
Anuncie Aqui
8492

Rogéria diz que Bebel é a nova rainha dos gays

31 JUL 2007 - 08h22min
o fuxico

Bebel, personagem de Camila Pitanga, em Paraíso Tropical, virou símbolo do mundo gay. Rogéria, que está fazendo uma participação na novela de Gilberto Braga e Ricardo Linhares, coloca a prostituta no pedestal, além de elogiar o desempenho da atriz.


"Bebel é a nossa rainha, a mais nova representante da comunidade gay. Bicha só gosta de estrelas, daquelas que arrasam quarteirões como a Bebel", destaca a transformista na matéria da Revista da TV do Jornal O Globo deste domingo (29).


André Fischer, criador do Mix Brasil, um dos principais portais da comunidade GLBT do Brasil, também joga confete na personagem.


"Sou totalmente fã da Bebel. Torço muito para ela ter um final feliz. É preciso uma pesquisa sociológica para entender esse fenômeno. Ela é mencionada o tempo todo em conversa de gay."


Jean Willys, vencedor da quinta edição do BBB, apóia Rogéria e André Fischer, mas faz uma ressalva. Para ele existe apenas uma falha dos autores no perfil da fixa do Olavo (Wagner Moura). Jean defende que Bebel deveria ter um amigo gay.
"Para servir de sua orelha, que ouvisse as suas confidências. E todo gay gosta de ficar perto de mulheres bem-resolvidas sexualmente e engraçadas como ela."


A drag Isabelita dos Patins observa: "Bebel tem tudo a ver com a vida do gay que dá a volta por cima, que já apanhou de cafetão. Tem atitude, é poderosa. Ela chega e acontece."


A presidente da ONG Da Vida, Gabriela Leite, também elege Bebel como ícone gay e o estilista Carlos Tufveson assina em baixo. A voz discordante é a do empresário Gilles Lascar, dono da Le Boy.


"O gay gosta de mulheres chiques, com classe. A Camila é linda, boa atriz, mas acho que pôr uma prostituta como ícone é depreciar os gays. Gostamos de mulheres perfeitas como Marilyn Monroe e Brigitte Bardot."


Torloni virou ícone em América


Na novela América, a bola da vez do mundo gay foi Cristiane Torloni, que interpretava a cleptomaníaca Haydée. Na época, como a autora Glória Perez contou a OFuxico, o nome da personagem passou a ser usado entre os gays, em substituição a Elza, expressão que serve para um homossexual alertar ao outro quando está acompanhado de um ladrão.

Veja também

Mais Lidas

1
Anastácio

Corpo de ex-presidente da OAB de Aquidauana é encontrado carbonizado na BR-419

2
Anastácio

Suspeito da morte de ex-presidente da OAB é preso no Bairro Alto

3
Aquidauana

‘Muito alegre’: amigos lembram com carinho de Severino Alves de Moura

4
Aquidauana

Jornal divulga matéria e incomoda empresário, que solicita nota de esclarecimento

Vídeos

Entrevista com os produtores do Longa-Metragem sobre Sasha Siemel

Tráfego de carretas no cruzamento da Duque de Caxias causa preocupação na população.

4ª Marcha pela Vida - Aquidauana MS

Ver mais Videos

Níveis dos Rios Hoje

Aquidauana
6,11m
Miranda
7,09m
Paraguai
1,86m

Colunas e Blogs

Manoel Afonso

Odilon lidera, André o mais rejeitado

Robinson L Araujo

TENDO UM SONO RESTAURADOR

Rosildo Barcellos

Pequenas reflexões sobre o Biodireito

Ver Mais Colunas
498110446