A edição digital do jornal O Pantaneiro é restrita para assinantes.Assine
22 de julho de 2019
Anuncie Aqui
8824-->

Saiba mais sobre a pílula que ficou conhecida como -antibarriga-

12 SET 2007 - 07h41min
terra

Liberado desde abril pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária, o Acomplia, conhecido popularmente como a "pílula antibarriga", já caiu nas graças de diversos pacientes e médicos brasileiros. O remédio promete queimar gorduras, principalmente na região do abdome, além de contribuir para o tratamento de diabetes e hipertensão.


No entanto, sua aura de superpílula pode estar ganhando dimensões maiores que os resultados efetivos do medicamento. Segundo Vivian Estefan, endocrinologista do Hospital Prof. Edmundo Vasconcelos, a pílula não deve ser usada com finalidade estética. "O Acomplia é um moderador de apetite que promove uma diminuição do conteúdo de células gordurosas e auxilia no tratamento da diabetes tipo 2 e da hipertensão", explica.


"O Acomplia é indicado para pacientes obesos ou pessoas que têm sobrepeso associado a outros fatores de risco", afirma a médica. Isso significa que o medicamento pode ser usado por pacientes que tenham o índice de massa corporal (IMC) entre 25 e 30, além de doenças como diabetes, hipertensão e alto índice de triglicerídios no sangue, e por pessoas em que a massa corporal seja superior a 30. Para calcular o IMC, basta dividir seu peso pela a medida de sua altura ao quadrado.


O rimonabanto, nome da substância ativa do Acomplia, ficou conhecido popularmente como "pílula antibarriga" porque o medicamento age principalmente no combate da gordura que se localiza em volta dos órgãos viscerais, como o fígado, o que externamente representa a região do abdome.


"O medicamento realmente diminui os centímetros da região da barriga. Porém, deve ser indicado para pacientes que apresentam doenças relacionadas com a obesidade. O Acomplia não pode ser usado para quem busca, por exemplo, uma alternativa para a lipoaspiração", afirma a endocrinologista do Hospital São Paolo Lidiane Indiane Perlamagna.


De acordo com Lidiane, vale lembrar que todo tratamento contra a obesidade deve ser acompanhado de dieta e exercícios físicos.


Para o endocrinologista e presidente da Associação Brasileira para o Estudo da Obesidade e da Síndrome Metabólica, Henrique Suplicy, o termo "antibarriga" é empregado de forma errada. "O medicamento provoca uma perda de peso, mas não é algo absurdo. Ele deve ser indicado como um tratamento de saúde", diz.


Efeitos colaterais
Vertigens, náuseas, infecções nas vias respiratórias, sonolência, ansiedade e depressão. Estes são alguns dos possíveis efeitos colaterais provocados pelo Acomplia. Mas, segundo Vivian Estefan, esses sintomas são manifestados em apenas 20% dos pacientes. "O medicamento ainda passa por estudos e observações. Ele está começando a ser usado na prática", explica a endocrinologista.


Segundo Henrique Suplicy, o Acomplia bloqueia a ação do sistema canabinóide que, além de estimular o apetite e o acúmulo de gordura no organismo, promove a sensação de prazer. Portanto, a interferência nesse sistema pode ter como conseqüência a depressão. "O rimonabanto não pode ser usado por pacientes que usam antidepressivos", alerta o médico.


Outro ponto negativo do Acomplia é o preço - cerca de R$ 400 por uma caixa com 28 comprimidos. O remédio tem que ser importado, mas até agosto deste ano espera-se que já esteja disponível no Brasil e que, consequentemente, seu valor caia. No entanto, a Câmara de Regulação do Mercado de Medicamentos, órgão que define o preço dos medicamentos, ainda não definiu o valor do produto.

 

Veja também

Mais Lidas

1
Aquidauana

PM prende 'entregadores de drogas' dos usuários do Morro do Paxixi

2
Policial

Acidente entre dois carros e carreta mata condutor de 25 anos na BR-163

3
Geral

Idoso morre no hospital após cair de telhado

4
Policial

Mineiro é flagrado carregando carne de porco silvestre e pescado ilegal em ônibus

Vídeos

Ministro do Turismo lança em Bonito programa para geração de empregos e renda no MS

Com atrações tradicionais e elenco de programa de TV, circo é atração para família

Bombeiros resgatam gatinhos presos no motor de veículo

Ver mais Videos

Previsão do Tempo

min21 max34

Aquidauana

Sol com algumas nuvens. Não chove.
min21 max34

Anastácio

Sol com algumas nuvens. Não chove.

Níveis dos Rios Hoje

Aquidauana
2,75m
Miranda
2,74m
Paraguai
3,91m

Colunas e Blogs

Valdemir Gomes

Até...

Fausto Matogrosso

O Brasil diante do mundo

Giovani José da Silva

HISTÓRIAS DE ADMIRAR: EDUCAÇÃO, QUEM PRECISA?

Ver Mais Colunas

Guia Cidade

Pizzarias

Pizza Caseira Quero Mais

, - 79200-000 Aquidauana/MS (67) 3241-8107
Fotografias - LAB.

Foto Monteiro

Rua Augusto Mascarenhas, 642 Centro - 79200-000 Aquidauana/MS (67) 3241-7058
Médicos

Ademir Bossay Candia - Pediatria

Rua 7 de Setembro,, 486 Centro - 79200-000 Aquidauana/MS (67) 3241-2894
Ver Mais
508110576