A edição digital do jornal O Pantaneiro é restrita para assinantes.Assine
20 de Agosto de 2017
Anuncie Aqui
8459
Policial

7º BPM divulga nota sobre afirmação feita por tio de jovem morto no Nova Aquidauana

Segundo boletim de ocorrência, José Erasmo Campos da Silva, 37 anos, disse que um dos atiradores no atentado do dia 24 de julho seria policial militar

28 JUL 2017 - 07h53min
Redação

O Comando do 7º Batalhão PM de Aquidauana solicitou à Corregedoria da Polícia Militar que acompanhe as investigações do atentado que resultou na morte de Leandro Campos da Costa, 24 anos, no dia 24 de julho, no bairro Nova Aquidauana, em Aquidauana. Dois homens de moto dispararam contra o rapaz em frente a uma conveniência do bairro, depois de terem perseguido o carro onde ele estava. Durante a ação, mais duas pessoas ficaram feridas. O tio de Leandro, José Erasmo Campos da Silva, 37 anos, ferido por um dos tiros, disse ao Corpo de Bombeiros que um dos atiradores seria policial militar. A informação foi registrada no boletim de ocorrência e motivou o pedido feito à Corregedoria, depois que o fato foi divulgado.  O Comando do 7º Batalhão PM enviou nota à imprensa para esclarecer o caso e reafirmar o apoio às investigações.

“O primeiro ponto a ser considerado é que alguns meios de comunicação da imprensa, bem como algumas pessoas têm veiculado nas redes sociais e em outros canais digitais, que os disparos de arma de fogo que vitimaram essas pessoas foram efetuados supostamente por um policial militar, ratificando fielmente as declarações de uma das vítimas, que sequer sabe descrever os autores, os quais estavam em trajes civis e com capacetes, dificultando qualquer identificação”, diz a nota da PM.

Por meio do comunicado, o comandante do 7º Batalhão de Polícia Militar, tenente-coronel Praeiro afirma que nenhuma hipótese está descartada, mas que, até o momento, não há nenhuma prova para a afirmação feita pelo tio do jovem morto no Nova Aquidauana. “Quanto a essa denúncia, o Comandante do 7º Batalhão tem acompanhado de perto o trabalho de investigação por parte da Polícia Civil e tem dado total apoio para se chegar aos autores deste delito, não descartando qualquer hipótese, mas deixando claro que não há, até o momento, qualquer prova material ou testemunhal que corrobore ou sustente o envolvimento de policial militar no fato”.

“Quanto a essa denúncia, o Comandante do 7º Batalhão tem acompanhado de perto o trabalho de investigação por parte da Polícia Civil e tem dado total apoio para se chegar aos autores deste delito, não descartando qualquer hipótese, mas deixando claro que não há, até o momento, qualquer prova material ou testemunhal que corrobore ou sustente o envolvimento de policial militar no fato”.

“No entanto, diante dos acontecimentos e da ventilação de suposta participação de policial militar no referido delito, o Comandante do 7º Batalhão solicitou à Corregedoria da Polícia Militar, para que, dentro dos limites legais de competência, acompanhe as investigações e dê todo o suporte para esclarecimento deste lamentável crime ocorrido em nossa cidade”, segue a nota.

O 7º Batalhão PM afirma ainda que “apoia e acredita no trabalho da Polícia Civil que investiga o caso, tendo a convicção que a autoria deste crime logo será desvendada e seus autores identificados e presos para responderem por seus atos perante a justiça”, finaliza o documento.

Veja também

Mais Lidas

1
Aquidauana

PM prende ladrão de bicicleta no Centro de Aquidauana e recupera pertence

2
Aquidauana

"Briga de faca" termina com dois homens feridos no Bairro Alto, atrás da rodoviária

3
Aquidauana

Homem ameaça vizinha com faca por causa de som alto na Vila Eliane

4
Gente

Paratleta da Pestalozzi conquista autonomia e roda a cidade de triciclo

Vídeos

Indígenas fecham BR-262, acesso a Taunay

3º Desafio Mountain Bike - Piraputanga MS

18 Festival de Inverno de Bonito

Ver mais Videos

Níveis dos Rios Hoje

Aquidauana
3,30m
Miranda
2,12m
Paraguai
4,24m

Colunas e Blogs

Pedro Puttini Mendes

Imposto Territorial Rural de 2017: muda o ano, os probl...

Valdemir Gomes

Tamanduá...

Maria de Lourdes Medeiros Bruno

Aquidauana...quais caminhos percorrerá?

Ver Mais Colunas
481710689