A edição digital do jornal O Pantaneiro é restrita para assinantes.Assine
16 de Dezembro de 2017
Anuncie Aqui
8500
Policial

Abadía chega neste sábado em Campo Grande

11 AGO 2007 - 10h34min
ms noticias

O traficante colombiano Juan Carlos Ramirez Abadía, de 44 anos, chega neste sábado em Campo Grande, por volta das 16h. Ele vai ficar em uma das celas do Presídio Federal enquanto aguarda a decisão sobre a sua extradição. O avião que traz Abadia irá pousar na pista da Base Aérea da Capital. Ele está em uma cela da Superintendência da Polícia Federal em São Paulo.


O pedido de transferência foi feito à Justiça pela Polícia Federal de São Paulo. Os motivos alegados foram questões de segurança e que a sede da PF, na Zona Oeste, é apenas um local de passagem e não pode abrigar presos durante muito tempo.


A Justiça de São Paulo formalizou o pedido de transferência ao juiz Odilon de Oliveira, de Campo Grande. Ele passou o pedido ao Ministério Público Federal do estado, que considerou que a transferência preenche todos os requisitos necessários. Com o parecer do MPF em mãos, o juiz autorizou o pedido.


O Departamento Penitenciário Nacional (Depen) já havia concedido a vaga ao traficante no presídio federal. A Polícia Federal deve dar apoio no transporte do traficante colombiano até Campo Grande.


A Polícia Federal de São Paulo prendeu Abadía, um dos traficantes mais procurados nos Estados Unidos, na terça-feira (7) em uma casa em um condomínio de luxo em Aldeia da Serra, na Grande São Paulo. A fortuna estimada dele é de US$ 1,8 bilhão.


Transferência
A Polícia Federal quer transferir "o mais brevemente possível" o colombiano Juan Carlos Abadía para um presídio de segurança máxima por temer uma tentativa de resgate do criminoso, considerado um dos maiores traficantes do mundo.


A PF reforçou a segurança de sua sede em São Paulo, na Lapa, na Zona Oeste, onde ele está preso. "Foi preciso reforçar a segurança, já que, com um criminoso como esse, não podemos deixar de considerar a hipótese de uma tentativa de resgate", disse o superintendente da PF em São Paulo, Jaber Saad.


De acordo com Saad, mais funcionários foram destacados para atuar como carcereiros na custódia da PF e o número de homens que cuidam da segurança na entrada do prédio da PF, na Zona Oeste de São Paulo, também foi reforçado.

Veja também

Mais Lidas

1
Policial

No 'adeus' ao ex-presidente da OAB, família e amigos demonstram revolta com homicídio

2
Aquidauana

Jovem sai para ir ao banco e desaparece em Aquidauana

3
Anastácio

Dentes de ex-presidente da OAB estariam quebrados; laudo da morte sai em 7 dias

4
Aquidauana

Família procura por adolescente de 14 anos sumida há 2 dias em Aquidauana

Vídeos

Entrevista com os produtores do Longa-Metragem sobre Sasha Siemel

Tráfego de carretas no cruzamento da Duque de Caxias causa preocupação na população.

4ª Marcha pela Vida - Aquidauana MS

Ver mais Videos

Níveis dos Rios Hoje

Aquidauana
6,11m
Miranda
7,09m
Paraguai
1,86m

Colunas e Blogs

Giovani José da Silva

HISTÓRIAS DE ADMIRAR: ANTES QUE TERMINE O DIA...

Manoel Afonso

Odilon lidera, André o mais rejeitado

Robinson L Araujo

TENDO UM SONO RESTAURADOR

Ver Mais Colunas
498110506