A edição digital do jornal O Pantaneiro é restrita para assinantes.Assine
18 de fevereiro de 2018
Anuncie Aqui
8506
Tráfico e crime ambiental

Além de drogas e armas, traficante mantinha ave em cativeiro no Aeroporto II

Mulher foi presa e multada em R$ 500

16 SET 2017 - 07h15min
DValentim

Laudiceia Rosa da Conceição de 41 anos presa juntamente com o marido durante ação das Polícias Militar e Civil de Aquidauana, na última quinta-feira (14), também foi autuada por crime ambiental e multada em R$ 500 por manter um papagaio em cativeiro.

A PMA (Polícia Militar Ambiental) foi acionada por Policiais Militares do 7º Batalhão, que localizaram uma ave da espécie papagaio que era mantida em cativeiro na residência da infratora. Traficante foi autuada administrativamente pela PMA e recebeu multa de R$ 500.

Além do tráfico de drogas, ela responderá por crime ambiental. Se condenada, poderá pegar pena de seis meses a um ano de detenção pelo crime ambiental. O animal será encaminhado ao CRAS (Centro de Reabilitação de Animais Silvestres), de Campo Grande.

Prisão do casal

As prisões ocorreram no Bairro Aeroporto II, após monitoramento e investigação. Suspeitos teriam praticado os crimes a mando de um traficante. Conforme o boletim de ocorrência, José Augusto Rodrigues Roda, de 27 anos, e Laudiceia Rosa da Conceição, de 41, já eram monitorados por equipes policiais.

Por volta das 17h, de ontem, equipe da Polícia Militar, GPA (Grupo de Patrulhamento Aéreo de Mato Grosso do Sul), e equipe plantonista da 1ª Delegacia de Aquidauana, deslocaram até a residência e foram recebidos por Laudicéia.

No local, as equipes informaram o motivo da busca - mesmo com a confirmação dos fatos por meio de investigação -, e a entrada na residência foi autorizada pela suspeita. Logo na entrada da casa, os policiais encontraram uma porção de pasta base de cocaína e uma balança de precisão em uma estante na sala.

Em um dos quartos foram localizados vários papelotes da droga e duas armas escondidas em meio as roupas, sendo uma espingarda e uma pistola calibre .380, municiada com 17 munições intactas no carregador.

O marido foi preso em um bar próximo da casa e segundo informações da Polícia Civil teria ‘guardado’ as drogas e armas na casa a mando de um traficante. O caso foi registrado como tráfico de drogas e porte ilegal de arma de fogo de uso permitido na 1ª Delegacia de Polícia Civil de Aquidauana.

Veja também

Mais Lidas

1
Aquidauana

Duas pessoas morrem após acidente na BR-419

2
Aquidauana

Por segurança, bombeiros interditam Aki Pub

3
Aquidauana

Nota de Falecimento de Jair Coelho

4
Policial

Suspeito de matar comerciante é preso em Bonito após ser baleado

Vídeos

Entrevista com os produtores do Longa-Metragem sobre Sasha Siemel

Tráfego de carretas no cruzamento da Duque de Caxias causa preocupação na população.

4ª Marcha pela Vida - Aquidauana MS

Ver mais Videos

Níveis dos Rios Hoje

Colunas e Blogs

Giovani José da Silva

HISTÓRIAS DE ADMIRAR: PELAS ESTRADAS DA VIDA (E DE MAT...

Valdemir Gomes

Sonhei...

Robinson L Araujo

CONHECENDO A VONTADE DE DEUS

Ver Mais Colunas
498110517