A edição digital do jornal O Pantaneiro é restrita para assinantes.Assine
17 de novembro de 2018
Anuncie Aqui
8500
Policial

Condenado na França, libanês usava documento frio de MS

23 JUL 2007 - 07h53min
campo grande news

O libanês Walid Khaled Abdallah foi condenado pela 1ª Câmara Criminal do Tribunal de Justiça de São Paulo a um ano de reclusão e 10 dias-multas pelos crimes de falsificação de documento e uso de documento falso.


O libanês, suspeito de integrar um esquema de tráfico internacional de drogas, usava uma carteira de identidade obtida com uma certidão de nascimento fria. Durante uma batida da PF a uma loja na zona leste de São Paulo, Abdallah apresentou documento falso. O documento de identidade atestava que o réu era nascido em Bataiporã, a 310 km de Campo Grande. Só que a "nacionalidade brasileira" de Abdallah despertou a desconfiança dos policiais.
 
A PF descobriu que ele é também acusado de tráfico de drogas e envio de cocaína para a França. Procurado na França e no seu país natal, Abdallah fugiu para o Brasil e conseguiu uma certidão de nascimento, lavrada por um cartório de Campo Grande.


Na defesa no processo sobre o uso de documento falso, Abdallah chegou a ser absolvido em primeira instância alegando que, por ser de origem libanesa, não tinha conhecimento da língua portuguesa e teria, portanto, sido enganado por uma quadrilha de falsificadores de documentos. Mas o argumento não convenceu os desembargadores do TJ paulista.


Em outubro de 2006, o STF (Supremo Tribunal Federal) concedeu a extradição de Abdallah. O pedido foi feito pelas autoridades da França, onde há uma ordem de prisão de 2004, contra o Khaled, expedida pelo juiz de instrução do Tribunal de 1º instância de Paris, que o condenou a 10 anos de prisão.

Veja também

Mais Lidas

1
Aquidauana

Professora Soila Correa Azambuja será sepultada às 10h desta sexta

2
Aquidauana

Em ação solidária, fiéis levam a palavra de Deus e refeições aos mais necessitados

3
Policial

PRF apreende 2,5 quilos de cocaína com passageiro de ônibus na BR-262

4
Anastácio

Há uma semana sem água, parte alta do Cristo Rei ainda não teve serviço normalizado

Vídeos

Entrevista com os produtores do Longa-Metragem sobre Sasha Siemel

Tráfego de carretas no cruzamento da Duque de Caxias causa preocupação na população.

4ª Marcha pela Vida - Aquidauana MS

Ver mais Videos

Níveis dos Rios Hoje

Paraguai
2,59m
Miranda
6,13m
Aquidauana
3,76m

Colunas e Blogs

Maria de Lourdes Medeiros Bruno

“Deus! Ó Deus! Onde estás que não respondes!"

Valdemir Gomes

Aqui...

Robinson L Araujo

O FIM ESTÁ PRÓXIMO! AS EVIDÊNCIAS COMPROVAM

Ver Mais Colunas
498110590