A edição digital do jornal O Pantaneiro é restrita para assinantes.Assine
19 de outubro de 2019
Anuncie Aqui
9032-->
Policial

Filho de Fernandinho Beira-Mar teme exposição e pede para ser esquecido

21 SET 2019 - 06h37min
CGNews

Universitário, mesmo em uma cidade pequena, os dois sobrenomes comuns de um dos filhos de Fernandinho Beira-Mar impede que as pessoas façam a relação com o pai já condenado a 120 anos de prisão por assassinatos, tráfico de drogas e de armas.

Todo poderoso mesmo atrás das grades de segurança máxima de um presídio federal, o chefão do Comando Vermelho voltou ontem a Campo Grande e colocou em risco o anonimato do filho, que trocou definitivamente o Rio de Janeiro por Campo Grande quando o pai cumpriu pena aqui pela primeira vez.

Depois da transferência de Beira-Mar em 2010 para Mossoró, ele não teve dúvidas na hora de continuar em Mato Grosso do Sul. “A cidade é tranquila” justifica. Anos depois, passou no vestibular na área de Biológicas, na UCDB (Universidade Católica Dom Bosco) e agora se considera campo-grandense.

Por questões de segurança, o rapaz pede para não ter o nome revelado. “Você sabe o que é ser filho do Fernandinho Beira-Mar?”, questiona. Com o peso de quem nasceu na mira de facções rivais, hoje o medo é maior por dois motivos, explica. “Tenho esposa e filho de 8 anos”.

Na faculdade, muita gente sabe quem é o filho de Fernandinho Beira-Mar, mas nos jornais a divulgação ganha outras proporções, adverte. “Não quero que falem do meu nome, de mim, da minha vida. Eu não tenho culpa de nada. O homem público é ele. Não quero ficar com medo de andar na rua”.

Sobre o retorno do pai, ele garante que nada muda na relação em família. “Ninguém sabia, é sigiloso, mas para mim não muda nada”, garante.

A família de Beira-Mar foi alvo em 2017 da operação Epístola, realizada pela PF (Polícia Federal). na época, a investigação mostrou que ele continuava a chefiar negócios que chegaram a movimentar R$ 9 milhões em vários Estados, incluindo Mato Grosso do Sul, por meio de bilhetes que enviava para familiares e advogados.

Assim como 4 irmãos, filhos de outros 2 casamentos, o rapaz que mora em Campo Grande chegou a ser preso, acusado de movimentar R$ 5,1 milhões nas contas de seus sogros e por atuar na administração de fazenda ligada ao grupo criminoso.

Em fevereiro do ano passado, o TRF 1 (Tribunal Regional Federal da 1ª Região) substituiu a prisão preventiva por medidas cautelares e o acadêmico comparece bimestralmente à Justiça Federal de Campo Grande. A última vez foi em 9 de setembro. Para conseguir a liberação, a defesa destacou que nenhum dos demais investigados o mencionou em prática de ilícito. "Já provei que não tenha nada a ver com isso. Nunca fiz nada de errado", afirma o rapaz.

 

 

 

 

Veja também

Mais Lidas

1
Aquidauana

Vídeo: Mulheres furtam R$ 600 em perfumaria dentro de loja no centro de Aquidauana

2
Policial

Trabalhador desaparece em fazenda e família teme que tenha sido atacado por onça

3
Aquidauana

Mototaxista entra em contato com a família e diz que moto quebrou na estrada

4
Aquidauana

Mototaxista de 47 anos desaparece ao sair para fazer uma corrida na rodoviária de Aquidauana

Vídeos

Bolivianos que levavam 15,9 quilos de cocaína em veículo são presos em Miranda

Eleição de Miranda

Empresário de 31 anos pesca Surubim de mais de 40 kg no Rio Miranda

Ver mais Videos

Previsão do Tempo

min24 max32

Aquidauana

Sol com muitas nuvens durante o dia. Períodos de nublado, com chuva a qualquer hora.
min24 max32

Anastácio

Sol com muitas nuvens durante o dia. Períodos de nublado, com chuva a qualquer hora.

Níveis dos Rios Hoje

Aquidauana
2,33m
Miranda
1,70m
Paraguai
1,84m

Colunas e Blogs

Valdemir Gomes

Quando...

Giovani José da Silva

HISTÓRIAS DE ADMIRAR: SER PROFESSOR (2)

Raquel Anderson

Divisionismo!

Ver Mais Colunas

Guia Cidade

Bares/Panificadoras/Lanchonetes

Bar Avenida Pantaneta

Av. Pantaneta, 738 - 79200-000 Aquidauana/MS (67) 3241-3380
Advocacia

Sortica & Santos Associados / Ary Sortica dos Santos Junior

Rua Augusto Mascarenhas, 506 Centro - 79200-000 Aquidauana/MS (67) 3241-3122/3241-
Médicos

Aldemir Fernandes Filho - Clinico Geral

Rua Manuel Antonio Paes de Barros, 606 Centro - 79200-000 Aquidauana/MS (67) 3241-2630
Ver Mais
508110735