A edição digital do jornal O Pantaneiro é restrita para assinantes.Assine
15 de novembro de 2018
Anuncie Aqui
8496
Policial

Gaeco, PM e Agepen realizam operação para desarticular facção criminosa

Operação Blackout é realizada na manhã desta sexta-feira. Foram mobilizados cerca de 160 agentes.

24 MAI 2013 - 12h22min
redação / Aníbal Placêncio
Agentes do Gaeco (Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado), da Polícia Militar e da Agepen (Agência Penitenciária Estadual) cumprem 55 mandados de prisão preventiva e seis mandados de busca e apreensão domiciliar, na manhã desta sexta-feira (24). A denominada 'Operação Blackout' busca desarticular uma facção criminosa que age dentro e fora dos presídios de Mato Grosso do Sul.
 
As ações acontecem nas cidades de Campo Grande, Dourados, Três Lagoas, Ponta Porã, Nova Andradina e Corumbá. Foram mobilizados cerca de 160 agentes, entre policiais militares e agentes penitenciários estaduais. São empregadas cerca de 45 viaturas.
 
A Operação Blackout é resultado de investigação desenvolvida pelo Gaeco, conjuntamente com a PM e a Agepen, após a ocorrência de ações criminosas atribuídas a integrantes de facção criminosa que age nos presídios, entre elas o assassinato de um policial militar da reserva, ocorrido em Três Lagoas em março deste ano.

Veja também

Mais Lidas

1
Anastácio

Biz bate na traseira de caminhonete e mulher fica ferida no Centro de Anastácio

2
Aquidauana

Aquidauana, Anastácio e mais 51 cidades de MS com alerta de tempestade

3
Anastácio

Dedé diz que anda 15 Km por dia vendendo o espetinho mais famoso de Anastácio

4
Geral

Proprietária de loja na Capital é condenada por ofender cliente que desistiu de compra

Vídeos

Entrevista com os produtores do Longa-Metragem sobre Sasha Siemel

Tráfego de carretas no cruzamento da Duque de Caxias causa preocupação na população.

4ª Marcha pela Vida - Aquidauana MS

Ver mais Videos

Níveis dos Rios Hoje

Paraguai
2,59m
Miranda
6,13m
Aquidauana
3,76m

Colunas e Blogs

Valdemir Gomes

Mais...

Robinson L Araujo

O FIM ESTÁ PRÓXIMO! AS EVIDÊNCIAS COMPROVAM

Manoel Afonso

O eleitor quer reciprocidade dos eleitos

Ver Mais Colunas
498110495