A edição digital do jornal O Pantaneiro é restrita para assinantes.Assine
20 de junho de 2018
Anuncie Aqui
8498
Tráfico de animais silvestres

Para fugir de abordagem, motorista dá meia-volta e joga 175 filhotes de papagaios na estrada

Reprodução de aves ocorre de agosto a dezembro e espécie é a mais traficada em MS

16 SET 2017 - 07h30min
DValentim

Equipes da PMA (Polícia Militar Ambiental) resgataram 175 filhotes de papagaios durante operação de combate ao tráfico de animais silvestres. As fiscalizações ocorriam na BR-267, em Bataguassu, e estradas vicinais do município. Suspeitos que transportavam as aves conseguiram fugir em um Corsa Classic.

Os militares perceberam quando o veículo voltou ao avistar a viatura. Houve perseguição e os suspeitos abandonaram cinco caixa com 175 filhotes de papagaios nas margens da estrada de terra.

Devido ao estado de estresse dos filhotes, a PMA os levou até o quartel para sombra e condicionamento adequado de ar e para alimentá-los. Os traficantes conseguiram fugir, porém, a PMA voltou a realizar diligências na tentativa de localizar os criminosos.

Os filhotes serão encaminhados ao CRAS (Centro de Reabilitação de Animais Silvestres), na Capital.

Época de reprodução

Este é um período preocupante para a PMA com relação ao tráfico de animais silvestres, pois, de agosto a dezembro é o período de reprodução do papagaio que é a espécie mais traficada no Estado.

Depois de terminada a operação Independência, devido a alguns levantamentos preocupantes realizados pelo Setor de Inteligência relacionados com relação ao tráfico de animais, a PMA deu continuidade à prevenção e combate ao tráfico, com uma operação, iniciada na segunda-feira (11), sem prazo para encerramento.

Aliciamento de sitiantes e peões

A PMA está realizando trabalhos preventivos nas propriedades rurais, por meio de informação da legislação e Educação Ambiental, visto que o modus operandi principal dos traficantes é de aliciamento dos sitiantes e funcionários de propriedades rurais, para que retirem os animais e os avisem para que os comprem. Muitas pessoas fazem isto, às vezes, sem saber que estão cometendo crime ambiental.

Municípios da região principal do problema já estão sendo monitorados, são eles: Jateí, Batayporã, Bataguassu, Ivinhema, Novo Horizonte do Sul, Anaurilândia, Santa Rita do Pardo, Nova Andradina e Brasilândia, além de Naviraí e Mundo Novo. Nessa região, ninhos também estão sendo monitorados pelos Policiais, para evitar a retirada dos filhotes, visto que essa é a preocupação maior.

A base do trabalho é evitar a retirada dos animais, evitando custos à fauna e ao Estado, tendo em vista os altos custos financeiros, até a reintrodução dos filhotes na natureza.

Barreiras também estão sendo executadas nas saídas para o estado de São Paulo, que é para onde os papagaios retirados aqui têm saído.

Veja também

Mais Lidas

1
Policial

Motorista do Fiesta que bateu em Prisma relata como foi o momento da colisão

2
Policial

Vítimas de acidente na BR-262 foram identificadas. PRF segue investigação

3
Aquidauana

Caminhonete atinge carroça e deixa homem de 61 anos com ferimentos leves

4
Aquidauana

IFMS abre mais de 100 vagas em cursos de qualificação profissional em Aquidauana

Vídeos

Entrevista com os produtores do Longa-Metragem sobre Sasha Siemel

Tráfego de carretas no cruzamento da Duque de Caxias causa preocupação na população.

4ª Marcha pela Vida - Aquidauana MS

Ver mais Videos

Níveis dos Rios Hoje

Paraguai
5,23m
Miranda
3,68m
Aquidauana
2,92m

Colunas e Blogs

Valdemir Gomes

Mais...

Robinson L Araujo

A IMPORTÂNCIA EM CONHECER A PALAVRA DE DEUS

Raquel Anderson

Calada noite

Ver Mais Colunas
498110709