A edição digital do jornal O Pantaneiro é restrita para assinantes.Assine
29 de Junho de 2017
Anuncie Aqui
8463
Policial

Presa após perseguição, ?ladra gata? ostentava vida fácil na internet

Estefanni Ramires de 19 anos, é natural de Ponta Porã, mas acabou presa em Campina Grande do Sul (PR)

14 JAN 2017 - 16h12min
Campo Grande News
?Não vou dar entrevista, estou muito feia?, disse a sul-mato-grossense Estefanni Ramires de 19 anos, à imprensa paranaense, ao ser presa em Campina Grande do Sul. 
 
Natural de Ponta Porã - município distante cerca de 323 quilômetros de Campo Grande, a garota ficou conhecida como "ladra gata" após o flagrante com veículo roubado.
 
Conforme informações do jornal O Dia Online, ao ser capturada após uma perseguição envolvendo viaturas da Polícia Militar e até um helicóptero, a ladra disse que ?se fosse um carro esportivo, não seria capturada?.
 
Questionada pelos jornalistas, Estefanni disse que estava feia e que, por isso, a entrevista seria concedida de costas, de maneira que não mostrasse o rosto, sem maquiagem.
 
Ainda na delegacia, quando um repórter lhe perguntou o porque do crime, a garota disse: ?Cada um se vira como pode, né??, em tom de deboche.
 
Ostentação - Com mais de quatro mil seguidores no Facebook, Estefanni gostava de ostentar nas redes sociais. Além das fotos de biquíni exibindo o corpo, também tinha imagens em festas e até ao lado de armas, ou fumando.
 
Perseguição - Estefanni Ramires, de 19 anos, roubou o veículo, uma camionete Nissan Frontier no bairro Guatupê, em São José dos Pinhais. De acordo com o site Tribuna PR, ela estava acompanhada de um comparsa, porém, ele não foi identificado.
 
Após a polícia ser acionada, o veículo começou a ser procurado, com auxílio de um helicóptero. Assim que encontrado, já que a camionete tinha rastreador, Estefanni foi acompanhada sem saber pelos militares.
 
Depois, iniciou-se uma perseguição, fazendo um cerco até que a assaltante se rendesse, na rodovia BR-116, já no território do município de Campina Grande do Sul. Ela foi presa em flagrante e levada para a delegacia, onde foi reconhecida como autora do crime pela vítima. O rapaz que estava com ela segue sendo procurado.
 
Como a assaltante estava desarmada, acredita-se que ele levou a arma usada no crime. No Paraná, Stefanni foi chamada de "ladragata" por veículos de comunicação após sua prisão.

Veja também

Mais Lidas

1
Policial

Candidato a vereador de Aquidauana é preso por furto na Capital

2
Charges

Que papelão

3
Geral

Supermercados Princesa sorteiam ganhadores da Promoção do Mês

4
Aquidauana

Casa do Trabalhador de Aquidauana oferece três vagas de emprego

Vídeos

Sepultamento de Sophia Rondon

Uno estoura pneu e capota com cinco pessoas a caminho do INSS

Veículo pega fogo no Centro de Aquidauana

Ver mais Videos

Níveis dos Rios Hoje

Aquidauana
2,97m
Miranda
3,55m
Paraguai
4,77m

Colunas e Blogs

Raquel Anderson

Err....

Rosildo Barcellos

Heróis Brasileiros

Manoel Afonso

2018: Internet versus currais eleitorais

Ver Mais Colunas
481710819